Gazeta de Varginha - 31/07/2014

Download Gazeta de Varginha - 31/07/2014

Post on 01-Apr-2016

238 views

Category:

Documents

5 download

DESCRIPTION

Edio 9.039

TRANSCRIPT

pgina 02PONTO DE VISTANmeros 02Mx: 22 / Mn: 09Nmeros e ofcio dos levitasHomicdios aumentam 400% emVarginha no primeiro semestreEDIO 9.039R$ 1, 00 VARGINHA, 31 DE JULHO DE 2014DEUS FIELlocal/pgina 05Dados apontam que Poos de Caldas, Pouso Alegre e Passos registraram queda de homicdioslocal/pgina 07A Secretaria de Es-tado de Defesa Social(Seds) divulgou dadosque mostram a reduode homicdios nas mai-ores cidades do Sul deMinas no primeiro se-mestre deste ano. Comexceo de Varginha,Lavras e Itajub, houvereduo no nmerodeste tipo de crime. Osdados estaduais souma comparao dosprimeiros seis mesesdeste ano em relao aomesmo perodo do anoLojistas tero que se adequar aoprojeto Shopping a Cu Abertopassado.Segundo os dadosda Seds, a situao deVarginha a mais pre-ocupante. Na cidade, osassassinatos aumenta-ram de 1 para 5 em com-parao com o mesmoperodo, nos seis pri-meiros meses do ano.O levantamento sebaseou nos casos de as-sassinatos em que hou-ve o registro do boletimde ocorrncia.gazetadevarginha@gmail.comwww.jornalgazetadevarginha.comfacebook.com/gazetavgalocal/pgina 03local/pgina 03Nesta segunda repor-tagem sobre a Revitaliza-o do Centro Comercialde Varginha o foco o co-merciante. Assim, o pro-jeto trata de poluio visu-al e sonora, marquises daslojas e banheiros pblicos.O objetivo valorizar a ar-quitetura do local a ser afe-tado pelas mudanas. A im-plementao do Shoppinga Cu Aberto em Varginhaconsta de pedido do presi-dente da Cmara Munici-pal, Leonardo Ciacci.Reunio em Varginhadeve definir data deinaugurao do Samu Inaugurao no incio de agosto j foi descartadaACIV realiza hojeCaf Empresariallocal/pgina 04FernandaBrum fazshow nestasexta emVarginhaBoa sorte!Respostas na prxima edioCNPJ: 21.535.075/0001-47A redao no seresponsabiliza porconceitos emitidos emartigos assinados, mesmosobpseudnimos, que so deinteira responsabilidadede seus autores.Dirio de CirculaoRegional - DiretoraAdministrativa:Ana Maria Silva Piva -Jornalista Responsvel:Lanamara Silva -MTB -8304 JP - Editor:Rodrigo S. Fernandes Sindjori- MG 312/99 - Administra-o/Reviso: Lanamara Silva- Paulo Ribeiro da SilvaFernandes(Jornalista e superintenden-te de redao-M.T.TB.16.851) - Horriode funcionamento das08:00hs s 18:00hsABRAJORI - AssociaoBrasileira de Jornais doInteriorSINDJORI - Sind. Prop.de Jornais e Revistas doInteriorADJORI - Associaodos Jornais do InteriorADI - Associao dosJornais do interior deMinas GeraisENDEREO:Redao e Departamentode Publicidade Av. dosImigrantes, 445 - SantaMaria - CEP 37022-560 -Telefones(35)3221-4668(35)3221-4845VARGINHA/MGE-mail: gazetadevarginha@gmail.comgazetacomercial2@yahoo.com.brEndereo eletrnico:www.gazetavarginha.com.br31 DE JULHO DE 201402 | GAZETA DE VARGINHAPONTO DE VISTA1 - E ESTAS so asgeraes de Aro e deMoiss, no dia em que oSENHOR falou comMoiss, no monte Sinai.2 - E estes so os no-mes dos filhos de Aro:o primognito Nadabe;depois Abi, Eleazar eItamar.3 - Estes so os no-mes dos filhos de Aro,dos sacerdotes ungidos,cujas mos foram con-sagradas para adminis-trar o sacerdcio.4 - Mas Nadabe eAbi morreram peran-te o SENHOR, quandoofereceram fogo estra-nho perante o SE-NHOR no deserto deSinai, e no tiveram fi-lhos; porm Eleazar eItamar administraram osacerdcio diante deAro, seu pai.5 - E falou o SENHORa Moiss, dizendo:6 - Faze chegar a tribode Levi, e pe-na diantede Aro, o sacerdote, paraque o sirvam,7 - E tenham cuidadoda sua guarda, e da guar-da de toda a congregao,diante da tenda da con-gregao, para adminis-trar o ministrio do taber-nculo.8 - E tenham cuidadode todos os utenslios datenda da congregao, eda guarda dos filhos deIsrael, para administrar oministrio do taberncu-lo.9 - Dars, pois, os le-vitas a Aro e a seus filhos;dentre os filhos de Israellhes so dados em ddi-va.10 - Mas a Aro e a seusfilhos ordenars queguardem o seu sacerd-cio, e o estranho que sechegar morrer.11 - E falou o SE-NHOR a Moiss, dizen-do:12 - E eu, eis que te-nho tomado os levitas domeio dos filhos de Israel,em lugar de todo o primo-gnito, que abre a madre,entre os filhos de Israel;e os levitas sero meus.13 - Porque todo o pri-mognito meu; desde odia em que tenho ferido atodo o primognito naterra do Egito, santifiqueipara mim todo o primo-gnito em Israel, desde ohomem at ao animal:Palavras de VidaNmeros e ofcio dos levitasNmeros 03Parte Imeus sero; Eu sou o SE-NHOR.14 - E falou o SE-NHOR a Moiss no de-serto de Sinai, dizendo: 15 - Conta os filhos deLevi, segundo a casa deseus pais, pelas suas fam-lias; contars a todo o ho-mem da idade de um mspara cima. 16 - E Moiss os con-tou conforme ao manda-do do SENHOR, comolhe foi ordenado. 17 - Estes, pois, foramos filhos de Levi pelosseus nomes: Grson, eCoate e Merari.18 - E estes so os no-mes dos filhos de Grsonpelas suas famlias: Libnie Simei.19 - E os filhos de Coa-te pelas suas famlias:Amro, e Jizar, Hebrome Uziel.20 - E os filhos de Me-rari pelas suas famlias:Maeli e Musi; estas so asfamlias dos levitas, se-gundo a casa de seus pais.21 - De Grson a fa-mlia dos libnitas e a fa-mlia dos simetas; estasso as famlias dos gerso-nitas.22 - Os que deles fo-ram contados pelo nme-ro de todo o homem daidade de um ms paracima, sim, os que delesforam contados eram setemil e quinhentos. 23 - As famlias dosgersonitas armaro assuas tendas atrs do ta-bernculo, ao ocidente.24 - E o prncipe dacasa paterna dos gersoni-tas ser Eliasafe, filho deLael.25 - E os filhos deGrson tero a seu car-go, na tenda da congre-gao, o tabernculo, atenda, a sua coberta, e ovu da porta da tenda dacongregao.26 - E as cortinas doptio, e o pavilho daporta do ptio, que es-to junto ao taberncu-lo e junto ao altar, em re-dor; como tambm assuas cordas para todo oseu servio.27 - E de Coate a fa-mlia dos amramitas, e afamlia dos jizaritas, e afamlia dos hebronitas, ea famlia dos uzielitas;estas so as famlias doscoatitas.Continua...Caa-PalavrasVoc um Lder? Ou um Lder de Crach?Gilclr ReginaUma das diferenasmais gritantes que exis-tem nas empresas o l-der de fato e o lder de cra-ch. O primeiro motiva-dor de pessoas, inspira-dor... O segundo age namesmice (como chefe),vira e mexe procura erros,toma decises em detalhesequivocados at, simples-mente para fazer valer suaautoridade, um autnti-co inseguro.Neste caso, para estetipo de chefinho o rela-trio muito mais impor-tante que o resultado.Uma pergunta quesempre tenho que res-ponder a seguinte: Deonde surge a motivao doser humano? Desde que omundo mundo, a moti-vao existe e sempre es-tar relacionada escolhade caminhos e atitudes natomada de deciso.O ser humano usouseu crebro inicialmentepara sua sobrevivncia,sempre vivendo em gru-pos, vamos chamar aqui defamlia. Essa motivaopersiste at os dias atuais.E hoje, o que mais impor-ta para se obter toda essavivncia de resultadoschama-se relacionamen-to.A arte de liderar igual a arte da poltica:Sempre em dois cami-nhos como tudo na vida.Ou voc escolhe a arte defazer amigos mesmo sa-bendo dizer NO quan-do preciso, ou ento serum mope corporativo,um fazedor de inimigos eum construtor de resulta-dos medocres.O Rei Salomo disse:O corao alegre bomremdio, mas o espritoabatido faz secar os ossos.Sempre teremos dois ca-minhos, vivemos mesmonum mundo de escolhas.O lder deve saber tra-balhar com duas situaes:Primeiro que ele estardiante de pessoas e estasso na sua essncia muitodiferentes, com reaes eperfis diferentes.Segundo, reconhecer oque a maioria das lideran-as no mundo reconhece,isto , entender que ogrande desafio para seatingir metas e objetivospassa por uma equipe mo-tivada.O que fazer? Saberaceitar as diferenas indi-viduais e ao mesmo tem-po trabalhar o potencial decada um. No se podeconstruir uma empresa100% em excelncia e re-sultados com uma equipe50% em comprometi-mento com metas, quali-dade ou mesmo na aceita-o de desafios. Afinal,no existe meia-meta!Mas tambm no seconstri metas com lde-res de crachs (figurinhacarimbada de alguns che-fes) que trabalham o ter-rorismo no dia-a-dia, e suanfase somente respei-tar as normas e cobrarrelatrios. Neste caso,adeus resultados!Pense nisso, um forteabrao e esteja com Deus!Gilclr Regina pales-trante de sucesso, escri-tor com vrios livros, CDse DVDs motivacionais quej venderam mais de cin-co milhes de exemplares.Clientes como GeneralMotors, Basf, Bayer, Ban-co do Brasil compram suaspalestras. Mais de 3.000palestras realizadas noBrasil e em outros pases.GAZETA DE VARGINHA | 0331 DE JULHO DE 2014LOCALLojistas tero que se adequar aoprojeto Shopping a Cu AbertoRevitalizao do centro comercial prev faixas elevadas, ilhas de conforto, despoluio sonora e limpezaNesta segunda re-portagem sobre a Revi-talizao do Centro Co-mercial de Varginha ofoco o comerciante.Assim, o projeto trata depoluio visual e sonora,marquises das lojas e ba-nheiros pblicos. O ob-jetivo valorizar a arqui-tetura do local a ser afe-tado pelas mudanas. Aimplementao do Sho-pping a Cu Aberto emVarginha consta de pe-dido do presidente daCmara Municipal deVarginha, Leonardo Ci-acci.Segundo o diretorda Regional Sul de Mi-nas do Sebrae, JulianoCornlio, os tcnicosque vieram a Varginhagostaram da arquitetu-ra do centro da cidade.E o projeto apresentadobusca valorizar esse pa-trimnio local. Muitosdestes imveis so tom-bados pelo Municpio.Os autores do proje-to avaliam que placasgrandes so sinnimode decadncia da rea.As reas de comrciomodernas, incluindograndes shoppings cen-ters, apresentam placassimples e objetivas. Eentendem ser necessrioretirar todas as placasacima das marquises,como aconteceu na RuaTeresa, em Petrpolis-RJ.Na opinio dessesprofissionais, a tendn-cia atual dois tipos deplacas. Uma na fachadaque pode ser luminosaou iluminada, e outratransversal fachadamedindo no mximo 20centmetros de alturapor 60 de comprimen-to, logo acima do nme-ro da loja. Outra ten-dncia considerada mo-derna a placa ficar navitrine, uma associaodo nome com o que sevende.A implantao doshopping a cu aberto narea piloto escolhida(Calado, Rua DelfimMoreira, parte da Presi-dente Antnio Carlos etransversais) prev aindaa recuperao das facha-das e marquises das lo-jas.Os tcnicos conside-ram que a melhoria dafachada, em comparaoao custo de montagemdo empreendimento,custa muito pouco. Eatrai muito a ateno.Alm de contar, no ge-ral, para a aparncia docentro comercial da ci-dade.As marquises dosprdios so considera-das uma proteo aospedestres. Avalia-se, noentanto, que ela s percebida quando cho-ve ou quando o sol estmuito forte. O uso detoldos, feitos com mate-riais de baixa qualidade,podem se degradar etambm ao comrcio aliexistente, pela aparnciadestes equipamentos.Como sugesto, ossegurana, aprovadopela ABNT, para subs-tituir os toldos de mate-rial plstico. A ideia criar um bulevar cober-to, com as marquises demesma largura. Os pro-positores do projetoacham que um bomprojeto em vidro tembom preo e durao ili-mitada.A experincia de exe-cuo e acompanha-mento de muitos proje-tos de revitalizao decentros comerciais, emtodo o pas, permitemaos tcnicos do Sebraeuma srie de concluses.Dentre elas:- Devemos nos cons-cientizar que os clientespreferem informaesconcisas e fceis de ler.- A regra simples: aplaca deve identificar aloja, tanto da caladaonde o estabelecimentoest instalado quanto dooutro lado da rua.- Deve ser colocadaabaixo da marquise.- Basta o nome daloja e 1 ou 2 palavrascomplementares, se foro caso.- Devemos levar emconta tambm que asruas so estreitas, tor-nando menores as dis-tncias de leitura.Na prxima edio,o lado dos consumido-res. Tudo que est sen-do planejado para eles.Porm, tm sua parte deresponsabilidade, nocuidado com o lixo, porexemplo.tcnicos do Sebraepropem o vidro deAssembleia ser realizada em Varginhapara definir data de inaugurao do SamuA to esperada inau-gurao do Samu em Var-ginha ser adiada mais umavez. A primeiro momentoera aguardada a realizaodo curso de treinamento,para os 710 profissionaisselecionados para trabalharna instituio. No entantoo curso j foi concludo, e apreviso de inauguraodo Samu no incio de agos-to j foi descartada.De acordo com a ge-rente administrativa doSamu/Varginha, DanielaBolognani, uma reunioacontecer na prximasexta-feira, 8 de agosto, noauditrio da CooperativaMinasul, em Varginha,aberto imprensa para de-finir a data de inaugurao.Segundo a gerente, areunio verificar ainda aviabilidade de ativao detodas as outras bases con-veniadas no consrcio,atravs dos outros munic-pios envolvidos no projeto.Daniela esclarece a impor-tncia da realizao da as-semblia; so ao todo 153municpios conveniados, necessrio que todas as ba-ses estejam prontas paraser inaugurado o atendi-mento. Todas as prefeitu-ras envolvidas no convnioestaro presentes, cadaqual com seu secretariadode sade esclareceu Dani-ela.Ainda de acordocom a gerente, o pr-dio do Samu em Vargi-nha est praticamentepronto para ser ativa-do; somente algunsdetalhes precisam sercolocados no lugar,como acabamentos in-ternos e o asfaltamen-to do ptio de estacio-namento afirma Dani-ela. Diretor daRegional Sul deMinas doSebrae, JulianoCornlioACIV realiza hoje Caf EmpresarialLOCAL04 | GAZETA DE VARGINHA 31 DE JULHO DE 2014Banheiras - Carpetes - Cermica - Coifas - Cooktops - Cortinas e persianasCubas - Divisrias - Espelhos e Armrios - Fechaduras - Forros - Louas - MetaisPapel de Parede - Pisos Laminados - Pisos Pastilhados - Pisos Vinlicos - PlafnsPortas e Janelas - Puxadores de Porta - Rodaps e GuarniesRua Tiradentes, 375 - CentroVarginha-MG - Cep: 37002-200(35) 3222-1919 / 3222-2914www.realcedecoracoes.netA Associao Co-mercial de Varginha,realizar nesta quinta-feira (31), s 9h da ma-nh, um Caf Empre-sarial para apresenta-o da Campanha deNatal 2014 e novos ser-vios que a ACIV estoferecendo a seus asso-ciados.O evento acontece-r no auditrio da as-sociao e as empresaspresentes vo concorrera um pacote da campa-nha, mas para isso preciso que seja confir-mada presena pelo te-lefone 3219-3350.Canal com o associadoAnderson de SouzaMartins, vice presidenteda ACIV, fala da impor-tncia dos empresriosparticiparem desteevento. O Caf Em-presarial um espaocriado pela ACIV paraaproximar o associadoda entidade, mostran-do o que est sendo re-alizado e divulgando osnovos produtos. Este o espao para que elepossa opinar, fazer suascrticas e sugestes, porisso to importantesua participao, disse.O auditrio daACIV est localizado naRua Presidente Anto-nio Carlos, 303, Centro.Mais informaes pelo3219-3350.Auditrio da ACIV est localizado na Rua Presidente Antonio Carlos, 303Encontro de cuidadoresest com vagas abertasA Unimed Varginharealizar, nos dias 18 a29 de agosto, a quartaedio do Encontro deCuidadores. O eventopretende fazer a reno-vao dos conhecimen-tos sobre o cuidadocom a pessoa idosa ouacamada, que muitasvezes conta com a aju-da de um cuidador fa-miliar ou mesmo pro-fissional.Mais de 90 pessoasj participaram das edi-es anteriores do pro-jeto. Palestras multidis-ciplinares, com profis-sionais de destaque nasreas de sade, mar-cam o Encontro deCuidadores UnimedVarginha 2014. Al-guns dos temas abor-dados neste ano so:Cuidados gerais comidosos foca Alzhei-mer; DPOC InfecoPulmonar; Cuidadoscom higiene (banho,troca de fralda, higie-ne oral etc.); Primeirossocorros; entre outros.As vagas so limi-tadas e qualquer pes-soa pode se inscrever,pelo site www.unimedvarginha.coop.brno espao Ateno aSade ou ento pelocontato telefnico doprprio setor: 3690-7087.Homicdios aumentam 400% emVarginha no primeiro semestreDados apontam que Poos de Caldas, Pouso Alegre e Passos registraram queda de homicdiosLOCALGAZETA DE VARGINHA | 0531 DE JULHO DE 2014A Secretaria de Es-tado de Defesa Social(Seds) divulgou dadosque mostram a reduode homicdios nas mai-ores cidades do Sul deMinas no primeiro se-mestre deste ano. Comexceo de Varginha,Lavras e Itajub, houvereduo no nmerodeste tipo de crime. Osdados estaduais souma comparao dosprimeiros seis mesesdeste ano em relao aomesmo perodo do anopassado.Segundo os dadosda Seds, a situao deVarginha a mais pre-ocupante. Na cidade, osassassinatos aumenta-ram de 1 para 5 em com-parao com o mesmoperodo, nos seis pri-meiros meses do ano.Conforme os nme-ros, em Poos de Cal-das, o nmero de homi-cdios caiu de 4 para 2.Em Pouso Alegre, osassassinatos caram de5 no 1 semestre de2013 para 3 neste ano.Em Passos, os crimescaram de 12 para 10. Jem Lavras, os crimesaumentaram de 2 para3 no mesmo perodo eem Itajub, de 4 para 5.Ainda conformedados do Mapa da Vi-olncia da Secretariade Estado de DefesaSocial, entre 2008 e2012, no houve homi-cdios em 18,3% dosmunicpios mineiros,sendo que 34 dessas ci-dades ficam no Sul deMinas. Na maioria de-las, 29, a populao demenos de 10 mil habi-tantes. Desde 1995, ci-dades como Inga,Olimpo Noronha,Consolao, Dom Vio-so, So Joo da Mata,So Jos do Alegre, Tur-volndia, Carvalhpolise Fama no registramnenhum assassinato.O levantamento sebaseou nos casos de as-sassinatos em que hou-ve o registro do boletimde ocorrncia. Casosque no chegaram aoconhecimento da pol-cia no entraram nasestatsticas. Ainda con-forme os dados, em2012 e no ano passado,no foi registrado ne-nhum homicdio em 57dos 141 municpios daregio, o que represen-ta cerca de 40,4% dascidades da regio. En-tre essas cidades estoSoledade de Minas, Vir-gnia, Aiuruoca, Bae-pendi e Borda da Mata.ContrasteOs novos nmerosdivulgados pela Secre-taria de Defesa Socialapresentam uma me-lhora em relao aos da-dos que estavam dispo-nveis no site oficial dogoverno, Minas emNmeros, relaciona-dos ao 1 quadrimestredeste ano. No comeode julho, um levanta-mento feito no site ofi-cial do governo, queagora est fora do ardevido ao perodo elei-toral, mostrava que onmero de homicdiosregistrados por todos osrgos de segurana emtodo o Sul de Minas era43,1% maior em relaoao 1 quadrimestre de2013.Na poca do levan-tamento, os dadosapontavam que somen-te nos quatro primeirosmeses deste ano, os r-gos de segurana re-gistraram 73 assassina-tos em todo o Sul de Mi-nas, contra 51 do mes-mo perodo de 2013.Assim como no ano pas-sado, quando liderou alista das cidades com 22homicdios registrados,Passos liderava a lista dehomicdios cometidosem 2014: 8.Presidente da Cmara participa desolenidade do Corpo de BombeirosO presidente da Cma-ra Municipal, LeonardoCiacci, participou da sole-nidade militar da Passagemde Comando do 9 Batalhodo Corpo de Bombeiros deVarginha, ocorrida na lti-ma sexta-feira (25), nasede da 1 CompanhiaOperacional, no JardimPrimavera.O comandante do Cor-po de Bombeiros de Var-ginha passa a ser o MajorGiuvaine Barbosa de Mo-raes, substituindo o Te-nente Coronel HernandeBrando David.O presidente da Cma-ra fez questo de agrade-cer ao Tenente CoronelHernande pelo servioprestado com tanta dedica-o e desejar boa sorte aonovo Comandante. Reco-nhecemos o valoroso traba-lho do Corpo de Bombei-ros e vemos que a popula-o tambm reconhece erespeita. Sendo uma dasinstituies de maior cre-dibilidade do nosso pas.Por isso, estamos sempre disposio para ajudar noque for preciso. O Tenen-te Coronel Hernande sem-pre foi bem-vindo e tam-bm recebemos da mesmaforma o Major Giuvaine. ACmara Municipal de Var-ginha parceira de vocs,disse Leonardo Ciacci.31 DE JULHO DE 2014REGIONAL 06 | GAZETA DE VARGINHACai o nmero de mortes na Ferno DiasA Rodovia FernoDias, que liga Belo Ho-rizonte a So Paulo, re-gistrou este ano o me-nor nmero de mortesem um semestre desdeque foi concedida ini-ciativa privada, em2008. De janeiro a junhodeste ano, foram 64mortes, segundo a Au-topista Ferno Dias,que administra os 562quilmetros da estrada,incluindo os 474 emMinas. Em comparaocom mesmo perodo de2013, houve queda de30% nas 92 mortes, se-gunda maior reduopercentual entre semes-tres iguais nos seis anosde concesso.Os acidentes tive-ram a maior queda noperodo (22%), caindode 5.203 nos seis pri-meiros meses de 2013para 4.056 em 2014.Especialistas e a conces-sionria acreditam queos 19 radares 13 emMinas Gerais , instala-dos com atraso e pron-tos para multar desde ofim de fevereiro, repre-sentam a principal expli-cao para a reduo.Apesar de o conv-nio entre a Polcia Ro-doviria Federal (PRF)e a Agncia Nacional deTransportes Terrestres(ANTT) ainda no tersido firmado para fla-grar infraes, os rada-res esto operando e re-gistram todos os carrosque passam acima davelocidade. Apenas nos13 equipamentos de Mi-nas Gerais, mais de 88mil veculos passaramacima da velocidade des-de abril, conforme mos-trou o EM h dois me-ses. Em maio, os regis-tros caram para poucomais de 82 mil, mas, noms passado, subiram,chegando a quase 105mil por excesso de velo-cidade. As estatsticas detrs meses mostram quea cada minuto dois ve-culos passam acima dolimite no trecho minei-ro da Ferno Dias.Em setembro doComea construo da quadra esportiva no Bairro So CristvoComea a constru-o da quadra polies-portiva no lago SoCristvo, em Eli Men-des. A quadra vai bene-ficiar crianas, jovens eadultos gerando maisqualidade de vida.A obra da quadrafoi orada em R$134.002,06, ser pagacom recursos do FUN-DEB (Fundo de Manu-teno e Desenvolvi-mento da EducaoBsica e de Valorizaodos Profissionais daEducao). A empresaDe janeiro a junho deste ano, foram 64 mortes, segundo a empresa que administra a viaano passado, a ANTTassinou um termo deajustamento de condu-ta (TAC) com as conces-sionrias de rodoviapara garantir o cumpri-mento de medidas depreveno em atraso.No caso da AutopistaFerno Dias, foramidentificadas 105 aesatrasadas, incluindo ocontrole eletrnico develocidade.A empresa atrasounovamente o incio daimplantao do sistemaconforme cronogramado TAC, mas concluiutudo at 28 de feverei-ro, conforme previsto, edeu a largada para o fun-cionamento em fase detestes.Radares flagram excesso de velocidade, mas ainda no esto multandoPontal Construtora ePrestadora de Servio jiniciou os trabalhos quesero entregue emaproximadamente qua-tro meses.Obras na Praade EventosComearam novasmelhorias na estruturada Praa de Eventos dacidade. A arena estsendo ampliada, o esta-cionamento ser asfal-tado e as salas reserva-das para a alimentaoesto em fase de acaba-mento."A Praa de Eventoscada vez mais recebegrandes eventos, festase ser umas das melho-res arenas de eventos detoda Minas Gerais", res-saltou o prefeito Wili-am Cadorini.A Praa de Eventosest localizada na Ave-nida da Paz, Bairro SoPaulo.Construo quadra esportiva do Bairro So Cristvo Obras na Praa de Eventos da cidadeBatida entre caminho e carreta mata motorista prensado em cabineO motorista de umcaminho morreu de-pois de bater na trasei-ra de uma carreta naRodovia Ferno Dias,prximo a Campanha,na noite desta tera-fei-ra (29). Segundo a Po-lcia Rodoviria Fede-ral, o caminhoneiro di-rigia prximo ao Km777, quando bateu emuma carreta que saa deum posto de combus-tveis.Conforme a polcia,o motorista do cami-nho ficou prensado nacabine e morreu no lo-cal. A polcia ainda noconseguiu identificar avtima. J o motoristada carreta no ficou fe-rido.O corpo do cami-nhoneiro foi levadopara o IML de TrsCoraes .Adolescente apreendido por trfico de drogasEm Eli Mendes,ontem, 29, PM patru-lhou e apreendeu ado-lescente de 16 anos portrfico de drogas, noBairro Capetinga. Militares patru-lhavam pelo BairroCapetinga, quando,em dado momento,receberam uma denn-cia de que alguns indi-vduos estariam trafi-cando entorpecentes nolocal. De imediato a PMiniciou rastreamento,vindo a localizar umadolescente de 16 anos,M.J.F., que ao visuali-zar a viatura policial ten-tou fugir, porm foi al-canado pelos militares.Durante a busca pesso-al foram localizadas 5pedras de crack eR$75,00, provenientedo comrcio de entor-pecentes. O jovem, que j conhecido no meio po-licial pela prtica defurtos, foi apreendidoe conduzido Delega-cia de Polcia Civil,juntamente com osmateriais encontrados.Aps ser ouvido, oadolescente foi libera-do para sua represen-tante legal.31 DE JULHO DE 2014LOCALA cantora gospel,Fernanda Brum, se apre-senta nesta sexta-feira (1)em Varginha, no ginsiodo Varginha Tnis Clube VTC. O show comea s20:30 horas. A previso de casa cheia, a presen-a de caravanas de toda aregio, e por isso a orga-nizao do show pede cal-ma e que cheguem cedo.Os portes se abrem s 19horas.Segundo o empres-rio Barry Charles S. So-brinho certa a presenade caravanas vindas devrias cidades da regio.Os ingressos esto sen-do vendidos em Para-guau, Machado, TrsPontas, Eli Mendes eCampanha, alm deVarginha.Como o show da pas-tora evanglica e cantoraFernanda Brum sempre muito concorrido,Barry, que tambm oproprietrio da empresaBarry Eventos, pede a to-dos que pretendem assis-tir ao show que compremseus ingressos com ante-cedncia. Eles esto dis-ponveis na Shaloon, Pr GAZETA DE VARGINHA | 07Festa, ticas Diniz, Loja10 e Bookaf.Perf i lPerf i lPerf i lPerf i lPerf i lFernanda Brum uma das mais queridas epopulares cantoras gos-pel do Brasil. J vendeucerca de 20 milhes decpias de CDs/DVDs em20 anos de carreira. Foiindicada ao Grammy La-tino em 2008 e conquis-tou o prmio TrofuPromessas em 2011.Em toda a sua carrei-ra solo j conquistou 12Discos de Ouro, cincode Platina e trs dePlatina Duplo. Ganhoutambm trs DVDs deOuro e um de Platina,todos certificados pelaAssociao Brasileira deProdutores de Discos ABPD. Em julho de2012, Fernanda Brumanunciou o ttulo de maisum trabalho, Liberta-me. O disco foi gravadoem junho. A obra rece-beu composies de v-rios msicos e artistas,como LivingstonFarias, Luiz Arcanjo,Arianne,entre outros. Li-berta-me foi lanado emagosto de 2012.E no Trofu Promes-sas 2012, a festa aconte-ceu no dia cinco de de-zembro no Teatro Geo So Paulo/SP, artistas,pastores e profissionaisdo meio gospel puderampresenciar a maior pre-miao da msica evan-glica nacional. A canto-ra Fernanda Brum ga-nhou o prmio de MelhorCantora e ainda com ogrupo Voices, onde faziaparte, ganhou na catego-ria Melhor Clipe com amsica Aguenta Firme,que conta uma histriade superao junto comas cantoras Marina deOliveira, Liz Lanne,Lilian Azevedo e Eyshila.Fernanda Brum ca-sada desde 1996 com ocantor e produtormusical Emerson Pi-nheiro, ambos pastoresda Igreja Batista Centralda Barra da Tijuca. Jun-tos tiveram dois filhos:Isaac e Laura. Fernandatambm sofreu quatroabortos espontneos. Oocorrido poderia ter sidoum grande motivo para acantora desistir de ter fi-lhos, mas, mesmo assim,isso no a fez abrir modo seu sonho. Fernandainclusive j comps vri-as canes em relao aisso.Pastores desde2002, Fernanda Brume Emerson Pinheiro fo-ram consagrados na Igre-ja Batista Nova Ebenzer,e atualmente pastoreiamna Igreja Batista Centralda Barra, dirigindo o cul-to chamado Quarta Pro-ftica, todas as quartasno Rio de Janeiro.Cantora gospel Fernanda Brum seapresenta nesta sexta em VarginhaO vereador CarlosCosta tem recebidoinmeras reclamaesde pacientes que ten-tam marcar consultaspelo telefone na RedePblica Municipal deSade e no tm con-seguido.Com a inteno deajudar a resolver o pro-blema, o vereadorapresentou uma indi-cao na Cmara deVarginha solicitandoque a Prefeitura tomeprovidncias e resolvaesse problema enfren-tado pela populao.Recebo muitos relatosde pessoas que come-am a ligar antes dohorrio estabelecido eningum atende. Emseguida, s d telefoneocupado e quando fi-nalmente conseguemfalar, no tem maiscomo marcar a consul-ta, pois acabaram as va-gas. Esse fato tem acon-tecido frequentementee com muitas pessoas,explica Carlos Costa.O vereador sugereque seja ampliado o n-mero de linhas telef-nicas e de atendentes etambm seja estendidoo horrio de marcaode consultas para dardignidade s pessoasque procuram pelo ser-vio. A marcao deconsultas por telefone problemtica desdesua implantao no go-Cantora gospel, Fernanda Brum, se apresenta nesta sexta-feira (1) em VarginhaOrganizador do evento Barry Charles S. SobrinhoVereador solicita providncias na marcao de consultas por telefoneverno do ex-prefeitoMauroTeixeira. Continu-ando com os mesmosproblemas no governodo ex-prefeito Eduar-do Carvalho e manten-do-se os problemas noatual governo. No possvel que um servi-o to importante, comaproximadamente 10anos de implantao,no tenha se encontra-do uma soluo paraque funcione correta-mente, conclui o vere-ador.Valentina Mangiapelo atraoda Quinta da Boa MsicaSer hoje, quinta-feira,(31), s 20h, naplataforma de embar-que da Estao Ferrovi-ria de Varginha, a 17edio da Temporada2014 do Projeto Quin-ta da Boa Msica, apre-sentando a super canto-ra e multi-instrumen-tista Valentina Mangia-pelo e banda com seushow acstico. Na aber-tura participao de Vi-nicius Couto, voz e violoe Douglas na percusso. Valentina Mangiape-lo musicista, cantora,varginhense, j possuivasta trajetria com maisde 10 anos dedicando e seentregando a musica comprofissionalismo e pai-xo. Faz uma MPB bemcontempornea, mes-clando samba ao seu som.Lanou seu primeiroCD AMAGO (autoral)ano passado com gran-de sucesso de pblicoe crtica. J se apresen-tou com muito sucessonos principais espaosmusicais de toda a re-gio e tem feito o mai-or sucesso nas noitesvarginhenses e da re-gio. Pela segunda vezno Projeto QBM.08 | GAZETA DE VARGINHA 31 DE JULHO DE 2014REGIONALSapos so encontrados em caixadgua de escola em Ouro FinoVrios sapos e giri-nos foram encontradosdentro da caixa dguada Escola MunicipalProcpio Jos Pereira,no bairro Penha, emOuro Fino. Os bichosforam descobertos de-pois que o local preci-sou ser aberto por fun-cionrios da prefeiturapara uma verificaopor conta de constantefalta dgua. Segundo DaianaCarolina da Silva, mora-dora do bairro, almdos girinos, havia mui-Ms condies de escola causampreocupao no Sul de MinasAs condies estru-turais da escola maisantiga do municpio deItajub tm gerado pre-ocupao entre os paisdos estudantes. Na Es-cola Municipal Sebasti-o Gomes de Oliveira,no bairro So Sebastio,crianas de 4 meses a 5anos de idade so aten-didas em salas com ra-chaduras, mofo e infil-trao.Vigilncia SanitriaA Vigilncia Sanit-ria do municpio emi-tiu um documento in-formando serem neces-srios reparos para ga-rantir a segurana noimvel.Segundo o secret-rio de Educao de Ita-jub, Robson Vaz deLima, o prdio da esco-la passou por avaliao.Ele admite que o im-vel precisa de reparos,mas no considera quehaja urgncia. "Riscopara a segurana dascrianas no tem", dizo secretrio que, no en-tanto, afirma ter inten-o de providenciar umoutro local para abrigaros alunos. " o tempode firmarmos o contra-ta sujeita no local. Dai-ana contou ainda que omau cheiro muito for-to de aluguel, o quedeve lvar um ms", afir-ma.A publicitria Ales-sandra Fogo discordada falta de urgncia nareforma. Suas duas fi-lhas estudam na Esco-la Municipal Sebastiote e que os funcionriosda prefeitura que estive-ram na escola no toma-ram nenhuma provi-dncia ao ver a situaoda caixa dgua. De acordo com An-derson Roberto Dias,responsvel pelo De-partamento de Epide-miologia de Ouro Fino,a limpeza da caixad'gua foi realizada namanh desta tera-feira(29), assim que a Secre-taria de Educao ficousabendo da situao.Dias informou aindaque ser feita uma cole-ta da gua para a verifi-cao da qualidade.Sapos e girinos foram encontrados na caixa dguaAssaltantes roubamR$ 65 mil de motoristaTrs homens ar-mados roubaram R$65 mil em dinheiro deum agenciador decargas na tarde destatera-feira (29) naBR-459, prximo aCaldas. Segundo aPolcia RodoviriaFederal, a vtima, de34 anos, estava emum veculo Captivaquando foi abordadapor trs assaltantesque estavam em umamotocicleta e em umUno.Ainda de acordocom a PRF, a vtimafoi colocada no Unoe ficou sob a mira doscriminosos por cercade 3h at ser liberta-da na MG-455, entreSanta Rita de Caldase Ibitira de Minas. ACaptiva foi encontra-da abandonada nobairro Morada dosPssaros, em Poos deCaldas .Ainda segundo apolcia, o agenciadorde cargas no conse-guiu identificar os cri-minosos e nem a di-reo para onde elesseguiram. At o mo-mento ningum foipreso.Gomes de Oliveira e,para ela, os problemasdo prdio so grandes."A parede da lavan-deria est caindo. A pa-rede tem trinca e h in-filtrao por causa dotelhado. Os caibros es-to podres. O telhadoest cedendo.Quando chove, agua cai pela ilumina-o do banheiro dosprofessores e alagatudo", conta a publici-tria.ProblemasPor toda a escola,vrias janelas estoquebradas e h azule-jos soltos no piso do p-tio. H ainda mofo nacozinha, no depsitode materiais escolarese no almoxarifado,onde ficam bicos e ma-madeiras.Para a estudanteRaquel Aparecida Sou-za Santos Silva, a situ-ao dos colchonetestambm precria. "Aminha filha entrou naescola em janeiro. Emfevereiro deste ano, elateve pneumonia. Ago-ra ela no melhora. Euacredito que o proble-ma esteja aqui por cau-sa do colchonete emque eles dormem, que muito fino", relata.A professora Virg-nia Florncia, que daulas na Escola Muni-cipal Sebastio Gomesde Oliveira, revela que comum encontrar in-setos e roedores noprdio."Aqui tem mui-to rato, muita barata",dizPrefeitura informou que a caixa dgua foi limpa assim que souberam da situaoMs condies de escola deixam pais de alunos preocupados em ItajubNa escola, estudam crianas com idade entre 4 meses e 5 anosMINASTempo frio eleva o nmero de atendimentosnos centros de sade da capital mineiraDurante o inverno,muitas pessoas tendema permanecer em luga-res fechados. No entan-to, esse tipo de compor-tamento pode oferecerriscos. Alm da gripe,outras doenas comunsda estao podem afetara sade de forma nega-tiva, como conjuntivite,rinite e sinusite. Segun-do a Secretaria Munici-pal de Sade de BeloHorizonte, entre os me-ses de abril e agosto, onmero de atendimen-tos nos Postos de Sadee UPAs (Unidades dePronto Atendimento) dacapital chega a ser 30%maior. A estudante Ma-ria Clara Gouveia, de 19anos, uma das belo-horizontinas que con-traiu gripe neste ms.Durante cinco dias, elasentiu febre, dor de ca-bea, garganta inflama-da e nuseas. Fiquei umbom tempo de repouso,tomando apenas sopa.Tomei alguns remdiose depois melhorou, con-ta. Para evitar a gripe, oresfriado e seus sintomasindesejados, alm doagravamento das doen-as respiratrias, neces-srio mudar alguns h-bitos. Evitar aglomera-dos de pessoas e ambien-tes fechados auxilia a di-minuir a transmisso dagripe. A auto medicaotambm pode agravar oproblema, alerta a pedi-atra e alergologista Cori-na Toscano Sad, refern-cia tcnica da Coordena-o de Ateno Sadeda Criana e do Adoles-cente da Secretaria Mu-nicipal de Sade. Se-gundo Roberto Souza,mdico especialista emalergia e imunologia cl-nica, a incidncia de do-enas respiratrias mai-or durante o frio porquea friagem favorece a mul-tiplicao do vrus causa-dor de diversas doenasrespiratrias. O ar secotambm contribui para aobstruo nasal. O ar frioda noite e o resfriamentoda mucosa nasal levamaos quadros de infecesrespiratrias, comoamigdalite, faringite e ri-nite, esclarece. O espe-cialista sugere lavar osagasalhos e cobertorescom frequncia, pois es-ses itens acumulam gran-de quantidade de caros.E para evitar o agrava-mento de doenas respi-ratrias no inverno, omdico aconselha a in-gesto de bastante lqui-Uma reunio entrerepresentantes da Prefei-tura de Patos de Minas, noAlto Paranaba, e do Cen-tro Universitrio de Patosde Minas (Unipam) discu-tiu a possibilidade de des-tinar profissionais doUnipam para atendimen-to na sade pblica domunicpio. A ideia cobriras reas de nutrio, en-fermagem, fisioterapia,psicologia, ortopedia egeriatria. De acordo como prefeito Pedro LucasRodrigues, h dificulda-de em encontrar profissi-onais da sade na cidade.O pr-reitor Fagner deDeus disse que parceriabeneficia a populao euniversitrios.A necessidade de am-pliar os servios na sadepblica da cidade aumen-tou com a abertura daUnidade de Pronto Aten-dimento no Bairro JardimPeluzzo que tem capaci-dade para atender cercade 250 mil pessoas. Deacordo com o prefeito, hdificuldade em contratarmdicos e outros profis-sionais da sade. Segun-do ele, a rea de pediatria uma das mais crticas e omunicpio j realizou v-rios processos seletivos eno obteve sucesso. OUnipam tem sido um dosbraos fortes da adminis-trao municipal. Semessa parceria a situaoseria insustentvel, des-tacou Pedro Lucas.Segundo o pr-reitor,o Unipam tem procurado,desde a construo doCentro Clnico de Especi-alidades, conduzir o ensi-no atrelado s gestes p-blicas de sade. Quando constru-mos o prdio tnhamos aopo de colocar ali salasde aula, mas decidimosjuntos fazer essa parceriacom o Poder Executivopara que nossos universi-trios e graduados possamatuar na sade local, dis-se.GAZETA DE VARGINHA | 0931 DE JULHO DE 2014Prefeitura de Patos de Minas buscaparceria com profissionais da sadePM sai caa de 1,4 mide carros irregularesO proprietrio deveculo irregular emMinas Gerais deveficar atento. A Pol-cia Militar prometeintensificar as blitzenos prximos diaspara flagrar os maisde 1,4 milho de ve-culos que rodam deforma irregular emtodo o estado minei-ro. So desde impe-dimentos judiciaisat um dbito de Im-posto sobre a Propri-edade de VeculosA u t o m o t o r e s(IPVA). A partir deagosto, os finais deplaca quatro, cinco eseis comeam a serfiscalizados pelosmilitares. Cumprindonosso papel consti-tucional, vamos co-brar o documentoobrigatrio que s emitido a partir dopagamento de tribu-tos e multas. Se esti-ver irregular, seroaplicadas as penali-dades previstas noCdigo de TrnsitoBrasileiro, afirma oporta-voz da PolciaMilitar, major Gil-mar Luciano Santos. No Estado, 30%dos veculos estoirregulares. Osprincipais motivosso dbitos de IPVA,seguro e taxa de li-cenciamento. A par-tir de setembro, osfinais restantes deplaca (sete, oito,nove e zero) serofiscalizados. Hoje,contando com essasplacas, so 2,4 mi-lhes de veculoscom algum tipo dependncia. Em Belo Hori-zonte, de 1,4 milhode veculos em con-dio de licencia-mento, 395 mil ain-da no esto total-mente regulariza-dos e esto na miradas blitze dos poli-ciais militares.do, principalmente degua, alm da aplicaode soro fisiolgico nonariz e da utilizao deum aparelho umidifica-dor noite. Colocar ba-cia com gua no adian-ta, acrescenta. Deve-setambm caprichar nalimpeza da casa, compano mido e, no, comvassoura, porque ela ape-nas espalha a poeira. Porfim, importante deixara casa aberta para o ar cir-cular e tomar, sempreque possvel, a vacina an-tigripal.O ar frio da noite e o resfriamento da mucosa nasal levam aos quadros deinfeces respiratrias, como amigdalite, faringite e riniteOAB/MG 81667Delfim Moreira, 258,sala 201- CentroVarginha -MGTel: 3222 2851OAB/MG 81424Rua Argentina, 535Vila PintoTel: 3222-4801gustavo@chalfun.com.brDr. Gustavo ChalfunMande sua pergunta para gazetadevarginha@gmail.comOAB/MG 106.276Rua Dona Margarida, n 48,Bairro Vila Pinto,Tel: (35) 3222-1049Dr. GustavoPinto Biscarogustavopbiscaro@gmail.comOAB/MG 65099Av Salum Assad. David,70 - Santa LuizaTel: ( 35) 3214-5051Dr. PatrciaBregalda Limapatriciabregalda@varginha.com.brOAB/ MG 84.17620 Sub-SeoRua Maria Benedita,63 -sala 106 - Vila Pinto3223-5362/9988-3485Dr. VicenteLima Lordovicentelloredo@yahoo.com.brDr. Daniel Pivadapiva@ig.com.br10 | GAZETA DE VARGINHASAIBA SEUS DIREITOSAnamatra questiona ato do CNJ sobreparticipao de magistrados em leilesA Associao Naci-onal dos Magistradosda Justia do Trabalho(Anamatra) ajuizouAo Direta de In-constitucionalidade(ADI 5153), no Supre-mo Tribunal Federal(STF), contra decisodo Conselho Nacionalde Justia (CNJ) queveda a participao dejuzes e seus cnjugesem leiles promovidospelo tribunal ao qualest vinculado o ma-gistrado, bem comodetermina a comuni-cao respectiva cor-regedoria em caso departicipao em leiloorganizado por outrotribunal. Apesar de adeciso ter sido toma-da pelo CNJ em con-sulta formulada peloTribunal Regional doTrabalho da 5 Regio(TRT-BA), a Anama-tra entende caber ADIpara questionar suaconstitucionalidade.Para a associao, de-cises do CNJ dotadasde generalidade, im-Agenda da OAB Varginha para o ms de Agosto* Dias 12, 13 e 14/08/2014 - Semana do Advogado 2014. Inscries abertas.Para ter acesso programao acesse nosso site www.oabvarginha.org.brpessoalidade e abs-tratividade podem serconsideradas atosnormativos primriospara fins de anlisepor meio de controleconcentrado. A res-posta do CNJ con-sulta diz que veda-da a participao domagistrado em hastaspblicas no mbito dotribunal a que estvinculado, ou a que seestender sua autori-dade, como forma degarantir transparn-cia, moralidade, im-pessoalidade e lisuraao ato. Diz, ainda,que a participao emleiles realizados poroutros tribunais ouramo da Justia deveser eventual, tendo emvista que a participa-o reiterada configu-raria prtica de co-mrcio, atividade ve-dada pela Lei Orgni-ca da Magistratura(Loman). E, por fim,assenta que essas re-gras se aplicam aoscnjuges dos magis-trados, que ficamobrigados a comuni-car aquisies realiza-das. A determinaodo CNJ, no entenderda Anamatra, extrapo-la o determinado pelasnormas de regncia artigos 690-A do C-digo de Processo Civil(CPC) e artigo 497 doCdigo Civil (CC), querestringem a partici-pao de servidores emhastas pblicas e lei-les judiciais , ino-vando de maneira in-devida o ordenamen-to jurdico, com viola-o ao princpios dalegalidade e garan-tia constitucional dodevido processo legal.Quanto obrigaoimposta aos cnjuges,a associao afirma seruma invaso indevidana vida privada do ca-sal, que tem total au-tonomia para condu-zir sua economia do-mstica, tendo em vis-31 DE JULHO DE 2014ta que a restrio aoexerccio do comrciolimita-se pessoa domagistrado.GAZETA DE VARGINHA | 11ESPORTEEmocionado, Felipo celebra retornoao Grmio: "Preciso desse carinho"Por mais estranhoque possa parecer, o pas-sado, presente e o futu-ro do Grmio se fun-dem nesta quarta-feiraem uma linha nica.Nada mais justo queFbio Koff, o presiden-te mais importante dodo clube, tenha assina-do pela terceira vez comLuiz Felipe Scolari, otreinador mais vitoriosocom a trinca de coresazul, preto e branco. Poiss 11h, em solenidaderealizada na Arena, otcnico iniciou comemoo a terceira erafrente ao Tricolor.Sorridente desde odesembarque no aero-porto, Felipo declaroulogo nas primeiras pala-vras a sua paixo ao clu-be. E se emocionou.Admitiu que precisa decarinho depois da elimi-nao por 7 a 1 para aAlemanha na Copa doO atacante PaoloGuerrero foi diagnos-ticado com um edemano msculo posteriorda coxa esquerda eutilizar a semana li-vre j que est sus-penso para a partidacontra o Coritiba, do-mingo, s 16h (hor-rio de Braslia), noCouto Pereiro parase recuperar no CTdo Corinthians. O problema no grave, e a tendncia que o peruano esteja disposio do tcni-co Mano Menezespara o jogo de voltacontra o Bahia, pelaterceira fase da Copado Brasil, daqui a exa-tamente uma semana.Guerrero j vinhasentindo dores napanturrilha, e na vit-Com edema na coxa, Guerrero usasemana livre para recuperaoMundo e projetou o fu-turo no Grmio.- Se eu cogitei vol-tar a trabalhar depois dofim de um trabalho queeu tinha uma outra ideiade trmino, por causado Grmio. O Grmio o nico time que me fa-ria voltar. Todo mundosabe que eu sou gremis-ta. Todo mundo sabeque eu passei aqui. Poresse sentimento, essa si-tuao diferente na mi-nha vida, porque o Gr-mio uma situao dife-rente. Neste momento,sei que tambm precisode um abrao, precisodesse carinho e sei que oGrmio, esse time e es-ses jogadores podem medar - disse. Era como seuma velha famlia se re-encontrasse. Conforme oprprio Felipo disse,trata Koff como umpai. E isso requer inti-midade, que ambos tmde sobra um com o ou-tro. Logo no incio dacoletiva, Felipo que-brou o gelo. Disse que oacordo com Koff foi en-caminhado em um pe-dao de papel e fez umarevelao sobre o encon-tro: - E ainda fui eu quepaguei a conta do almo-o! A negociao foi re-lmpago. Aps a demis-ria por 2 a 0 sobre oPalmeiras, no ltimodomingo, sentiu oproblema na coxa ain-da no primeiro tem-po. Ele permaneceuem campo e abriu oplacar para o Corin-thians, mas foi reava-liado pelo departa-mento mdico e tevedetectado o pequenoproblema. O fato de o Timono atuar no meio desemana colaboroupara que o peruano ti-vesse tempo de recu-perao sem desfalcara equipe.No momento, ocamisa 9 tratadocomo titular absolutodo Corinthians. As nicas varia-es na equipe se doem relao ao parcei-ro de Guerrero no se-tor ofensivo: Romari-nho chegou pausapara a Copa do Mun-do como dono davaga, Luciano chegoua ser testado, mas nes-se momento quemocupa o posto o pa-raguaio ngel Rome-ro. O reforo de 22anos surpreendeu acomisso tcnica alvi-negra e no teve pro-blemas para se adap-tar nova rotina detreinos.O tcnico Cuca, quedeixou o Atltico-MGem dezembro para assu-mir o Shandong Lu-neng, da China, duranteo Mundial de Clubes noMarrocos, contou comosurgiu a ideia de levarpara o Galo o meia Ronal-dinho Gacho, que sedespediu do Atltico-MG nesta quarta-feira,aps quase dois anos edois meses no clube. Napoca, em maio de 2012,o camisa 10 havia deixa-do o Flamengo de manei-ra conturbada, alegandoatraso de salrios e o nocumprimento de clu-sulas do contrato porparte do clube carioca.Mas, no Atltico-MG, foidiferente e teve mo-mentos de glria atuan-do sob o comando deCuca. Cuca lembrou quefoi tudo muito rpido,desde que soube do des-ligamento de R10 doFlamengo, at procurara diretoria atleticana, e anegociao e a chegadado jogador Cidade doGalo. O treinador desta-cou a importncia queRonaldinho teve para ocrescimento de jovensatletas que haviam sidopromovidos das catego-rias de base, como o meiaBernard, atualmente noShakthar Donetsk, daUcrnia,que fez parte dotime campeo da Taa Li-bertadores de 2013 e che-gou seleo brasileira,que disputou a ltimaCopa do Mundo. Me lem-bro que estava na minhasala, no centro de treina-mento, e vi no SporTVque o Ronaldo tinha sadodo Flamengo e pensei nomeu time naquele mo-mento: Nossa, meu time bom, mas est precisan-do pegar mais confiana.E esse cara ia dar maisconfiana para o meutime. Liguei no presi-dente na mesma hora, elefalou com o Maluf e fomosatrs. O Maluf viajou parao Rio, foi l e acertou. Doisdias depois me ligou e dis-se: teu. Eu nem acre-ditei! O homem veio, pe-gou o helicptero e veiotreinar. E ele deu uma moralmuito grande para os me-ninos que estavam subin-do, em especial para oBernard, deu confiana.Eu no sei se foi melhorpara o Atltico-MG a vin-da dele, ou para ele a idaao Atltico-MG. Foi o ca-samento perfeito! disseCuca em entrevista r-dio Itatiaia.31 DE JULHO DE 2014so de Enderson Morei-ra, Koff viajou para SoPaulo na tarde de tera-feira, ao lado do advo-gado Gabriel Vieira. Oacerto foi imediato. Lo-tado por dirigentes econselheiros, o auditriofoi participativo. Os pre-sentes gargalhavam emcada constante piada dotreinador. E foram mui-tas. Sobrou at paraVanderlei Luxemburgo.Felipo disse que nousaria a palavra proje-to para no lembrar otermo to comum dotreinador.- Eu estava tentandofalar plano, at agora,mas no consegui. Vaiprojeto mesmo!Felipo saiu comKoff, o diretor executi-vo Rui Costa, o assessorde futebol Marcos Chi-tolina e outros dirigen-tes para um almoo.Tudo em clima bastantefamiliar, fazendo comque os 18 anos que sepa-raram o treinador doGrmio parecessem ape-nas um curto perodo defrias.Cuca revela blindagem edefine R10 no Atltico-MG:"Casamento perfeito"Sorridente desde o desembarque no aeroporto, Felipo declaroulogo nas primeiras palavras a sua paixo ao clubeEle revela o profundo e o escondido; conhece oque est em trevas, e com ele mora a luz."(Daniel 2:22)Convertido ao cristianismo, filho de fundador doHamas diz que grupo quer dominar o Oriente12 | GAZETA DE VARGINHAEVANGLICAO filho de um dosmembros fundado-res do grupo ativistapalestino Hamas seconverteu ao cristia-nismo e expressousua opinio contrria organizao mili-tante e sua maneirade usar civis comoalvo em sua guerracontra Israel.Mosab HassanYousef um cristoconvertido e autor dolivro Son of Hamas(Filho do Hamasem traduo livre doingls). Numa entre-vista recente CNN ,Mosab disse que osmilitantes do Hamasplanejam dominartodo o Oriente M-dio e no importaquantas vidas pos-sam ser perdidas nabusca pela concreti-zao deste propsi-to.O Hamas no sepreocupa com a vidados palestinos, no sepreocupa com as vi-das de israelenses ouJesus te faz vencedorQuem est em Cris-to rei sobre a prpriavida e as demais coisas.Isso ocorre com todos e,embora o diabo tentedesviar a pessoa dessaverdade, se ela a conhe-ceu, ir assumir-se e tor-nar-se soberana em tudoo que lhe diz respeito.Por que andar tropean-do na vida, sendo enver-gonhado e escondendo-se atrs de mentiras? Avida na f em Jesus completa e d vitria atodo aquele que a abraa.O Nome de Jesus emsua boca o faz mais quevencedor. Ele abre e fe-cha portas, extingue opoder contaminador dodiabo, protege-o dos ata-ques do mal e o faz agircomo o prprio Senhorquando estava aqui naTerra. Com Ele, poss-vel tomar posse da suabno e se desvencilhardas operaes do malig-no. Voc precisa desseNome para viver livre.O indivduo obedi-ente ordem do Senhore cumpridor da Sua mis-so volta com alegria.Isso sempre ocorreu comquem acreditou no Alts-simo. J os rebeldes per-cebem que suas aes fo-ram pura estupidez. Ora,a passagem do ser huma-no sobre a Terra muitocurta. Por isso, tristesaber que, quando entrarna eternidade e issoocorrer com todos , oobstinado ver que optoupelo pior; ele poderia tervencido aqui e se prepa-rado para vencer parasempre. Os discpulos,os quais foram enviadospara realizar as mesmasobras de Jesus, ficaramimpressionados e alegra-ram-se ao ver doenas,dores e opresses saremdas pessoas por quemoraram. O poder dispo-sio do Salvador tam-bm estava disponvelpara eles executarem amisso outorgada peloSenhor. A mesma coisaocorre com quem obede-ce ao chamado recebidode Deus.Jesus havia-lhes or-denado que curassem osenfermos, mas no in-cluiu a expulso de de-mnios. No entanto, aoclamarem com f, cons-tataram a manifestaodos espritos malignos,os quais saram ao seremrepreendidos. Os segui-dores do Mestre volta-ram com satisfao paraLhe dizer que, em NomedEle, at os demnioslhes obedeciam.Muitas coisas tam-bm o surpreendero, sevoc cumprir as ordensde Deus. O poder do Pai perfeito para solucionarqualquer problema. Soba direo divina, as aesmalignas na natureza,como tempestades e ou-tros fenmenos, iro sesujeitar a voc. O Todo-Poderoso decidiu us-lopara executar Seus pro-psitos, por isso no re-cuse a sua chamada nemdeixe de lanar mo daautoridade do Nome deJesus. Os cristos preci-sam acordar para o fatode que, sendo enviadospor Cristo para realizar aSua vontade, tm dis-posio o mesmo poderexercido por Ele em Seusdias na Terra. Assim ocor-rer com voc ao se sub-meter ao mandamento doAltssimo. Nunca deixepara depois nem ore semf, pois Deus decidiuus-lo.Canta alegremen-te, estril, que nodeste luz; rompe emcntico, e exclama comalegria... Amplia o lu-gar da tua tenda, e es-tendam-se as cortinasdas tuas habitaes;no o impeas; alongaas tuas cordas, e fixabem as tuas estacas.Porque transbordarspara a direita e para aesquerda; e a tua des-cendncia possuir osgentios e far que se-jam habitadas as cida-des assoladas. No te-mas, porque no sersenvergonhada; e note envergonhes, por-que no sers humi-lhada; antes te esque-cers da vergonha datua mocidade.Significado de Es-tril: Que no produzfrutos. Que no gera.Incapaz de produzir.Sem resultados.Qual rea de suavida voc no esta ven-norte-americanos.Eles no se preocu-pam com suas pr-prias vidas. Eles con-sideram que morrerpor causa de sua ide-ologia uma formade culto, afirmouMosab.Embora prepara-do a partir de umaidade jovem para setornar um militantedo Hamas, Mosabdecepcionou-se comTome posse das benos de Deus na sua vidaa misso do grupo eadotou o cristianis-mo, perdendo tudo oque tinha conquista-do durante sua vida.Nas mesquitas, oHamas nos ensinouque sem derrama-mento de sangue ino-cente, por causa daideologia, no sera-mos capazes de cons-truir um Estado isl-mico. Eles estavampreparando-nos ado produzir? Voc atuma vez sonhou e pla-nejou, mas no deucerto? Hoje Deus estamandando voc cantaralegremente, isso comf! Rompa (Finalize) aesterilidade com cnti-cos ao Rei dos reis.Deus esta mandandovoc planejar, voltar asonhar e no duvidar.Sabe por qu? As coi-sas vo comear acon-tecer. Deus ainda dizmais: No temas, por-partir dos cinco anosde idade. Esta a ide-ologia que o Hamasestava nos alimentan-do. E sinceramente impossvel para qual-quer um quase aromper e ver a verda-de, e a verdadeiraface do Hamas, e sercapaz de sair do gru-po em algum mo-mento. Como vocpode ver no meucaso, eu tive que per-der tudo s para di-zer no ao Hamas. Ehoje, quando olhopara as crianas deGaza e sei o que elesrecebem como ins-truo, eu sei que elesno tm escolha, la-mentou Mosab Has-san Yousef.O confronto atu-al na faixa de Gaza jcontabiliza mais demil mortos, sendo amaioria de palesti-nos, que ficam nofogo cruzado entreos militares israelen-ses e os ativistas doHamas.31 DE JULHO DE 2014que voc no ser en-vergonhado (a).Oua a voz deDeus e faa os seusplanos, faa a sua par-te, no deixe a incre-dulidade entrar emseu corao, poisDeus no honra umaf falsa. Receba essapalavra e comece acantar. Aonde nogerava, agora vai co-mear a gerar, sejaqual for a rea e a si-tuao!GAZETA DE VARGINHA | 1331 DE JULHO DE 2014BRASILSabesp descarta racionamento em SPA Companhia de Sa-neamento Bsico do Es-tado de So Paulo (Sa-besp) descartou, nestatera-feira (29),o raciona-mento de gua nas regi-es de So Paulo atendi-das pelo Sistema Canta-reira, mesmo aps reco-mendao feita ontem(28) pelo Ministrio P-blico Federal (MPF) paraque essa medida fosseimplementada. A Sabespinformou que garante oabastecimento de todaregio at a chegada daprxima estao chuvosa,em outubro. Consideran-do que as chuvas ocor-ram, a garantia se esten-de at maro de 2015.RecomendaoMPF recomenda que go-verno de SP implementeracionamento de guaEmbora reconhea aimportncia institucionaldo MPF, com o qual sem-pre colabora, a Sabespdiscorda frontalmente daimposio de um raciona-mento. A medida penali-zaria a populao e pode-ria produzir efeitos in-versos daqueles preten-didos pelos procurado-res. So Paulo preferiuenfrentar de forma orga-nizada a maior estiagemde sua histria. Os esfor-os feitos pela populaoe pela Sabesp at o mo-mento equivalem eco-nomia que se obteria comum rodzio de 36 horascom gua por 72 horassem gua, diz a nota dacompanhia.Segundo balano di-vulgadona tera-feira(29) pela Sabesp, 74%dos consumidores nagrande So Paulo dimi-nuram seu consumo emrelao meta. Desde 1de fevereiro, a compa-nhia oferece bnus dedesconto de 30% na con-ta de gua, para quem re-duzir o consumo em20%. Nas leituras feitasentre o dia 1 e 25 de ju-lho, 46% dos consumido-res reduziram o gastodentro da meta. Isso re-sulta em uma economiade 2.400 litros a cada se-gundo na produo degua nestas quatro pri-meiras semanas de julho,informa o levantamento.Apesar dessa reduono consumo por parte dapopulao, o nvel nos re-servatrios do SistemaCantareira continua emqueda e chegou na tera-feira (29) a 15,7% da suacapacidade de armazena-mento. Todo o volumetil do sistema foi consu-mido e resta agora apenaso volume morto - reservatcnica.H um ano, o Canta-O ndice Geral dePreos Mercado (IGP-M), conhecido como in-flao do aluguel, por-que usado como refe-rncia de reajuste namaioria dos contratosde locao, mostrou de-flao pelo terceiro msseguido, segundoaponta a Fundao Ge-tulio Vargas (FGV).Em julho, o indica-dor registrou queda de0,61%, depois de recu-ar 0,74% no ms ante-rior. No mesmo ms doano passado, o ndicehavia subido 0,26%. Noano, o IGP-M acumulaalta de 1,83% e, em 12meses, de 5,32% - abai-xo do teto da meta dameta de inflao doBanco Central, de6,5%.O ndice de Preosao Produtor Amplo(IPA), que calcula ospreos no atacado e temo maior peso no IGP-M, caiu menos de ju-nho para julho, passan-do de -1,44% para -1,11%. A variao depreos dos produtosagropecurios caiu para-2,66% e dos produtosindustriais, -0,53%.J o ndice de Pre-os ao Consumidor(IPC), que apresenta avariao de preos dovarejo e tambm entrano clculo do IGPM-M,mas com peso menor,ficou em 0,15%, em ju-lho, ante 0,34%, em ju-nho. A principal contri-buio o resultado par-tiu do grupo educao,leitura e recreao, quebaixou de 0,62% para -0,04%.Com o menor pesoentre os componentesdo IGP-M, o ndice Na-cional de Custo daConstruo (INCC) re-gistrou, em julho, vari-ao de 0,80%, abaixodo resultado de junho,de 1,25%, influenciadopor materiais, equipa-mentos e servios, cumavariao foi de 0,45%,contra 0,37% no msanteriorSegundo balano da companhia, 74% dos consumidores na grande So Paulo diminuram consumoreira trabalhava com53,7% da sua capacidadetotal.O Cantareira, alm deabastecer 9 milhes dehabitantes na Grande SoPaulo, atende a 5 milhesde pessoas nas bacias dosrios Piracicaba, Capivarie Jundia. Um estudo en-comendado pelo Consr-cio Intermunicipal dasBacias dos Rios Piracica-ba, Capivari e Jundia querepresenta essas cidadesdo interior, e elaboradopela Universidade deCampinas (Unicamp),mostrou que o volume doCantareira pode secar to-talmente em menos de100 dias. O MPF se ba-seou nos resultados des-sa pesquisa para fazer arecomendao de racio-namento ao governo es-tadual.ndice que reajusta aluguel recua pelo 3 ms seguidoCristo fica azul em campanhacontra o trfico de pessoasO ministro da Jus-tia, Jos EduardoCardozo, participoudo lanamento dacampanha "CoraoAzul" no monumentodo Cristo Redentor,no morro do Corcova-do, na zona sul do Rio.A campanha umainiciativa da Organiza-o das Naes Unidas(ONU) para divulgaro combate ao trficode pessoas no mundo.O Cristo foi ilumina-do de azul e ficou as-sim, at quarta-feira,30, quando se come-mora o Dia Mundialcontra o Trfico dePessoas.Tambm foi lana-do pelo Ministrio daJustia o RelatrioNacional de Dados deTrfico de Pessoas,com estatsticas refe-rentes ao ano de 2012colhidas em sete rgosdo governo federal.A Polcia Rodovi-ria Federal identificou547 vtimas de trficode pessoas, a Secretariade Direitos Humanoscontabilizou 141 casos,a Secretaria de Polticaspara Mulheres relatou58 vtimas e o Minist-rio do Desenvolvimen-to Social registrou 292vtimas.A maioria das vti-mas mulher e negracom at 29 anos de ida-de. Como a metodolo-gia ainda no foi unifi-cada, o mesmo casopode ter sido registra-do em vrios rgos."H dois aspectosimportantes: primei-ro, divulgar a neces-sidade de que os ca-sos de trfico sejamdenunciados.No basta s apolcia investigar, preciso que a socie-dade denuncie,quando houver qual-quer suspeita. Outroaspecto que o n-mero de crianas eadolescentes vtimasdesse tipo de crimeest caindo: eram60% dos casos em2010, agora so cer-ca de 40%. Claro queainda h muito a fa-zer, mas os passosesto sendo dados",disse Cardozo.14 | GAZETA DE VARGINHAINTERNACIONALEstados Unidos anunciam sanescontra Rssia por crise na UcrniaO presidente BarackObama declarou nesta ter-a-feira (29) que os Esta-dos Unidos se juntaram Unio Europeia na imposi-o de novas sanes con-tra os setores de energia,indstria de armamentos efinanceiro da Rssia, porseu apoio aos rebeldes noleste da Ucrnia.As maiores sanesque estamos anunciandohoje continuaro aumen-tando a presso sobre aRssia, incluindo seus ali-ados e empresas que apoi-am as atividades ilegais daRssia na Ucrnia, acres-centou.Se a Rssia continuarneste caminho atual, oscustos Rssia continua-ro a crescer, disse Oba-ma.De acordo com o De-partamento do Tesouro dosEUA, o pas aplicar san-es contra o banco VTB, oA Rssia est ofe-recendo uma recom-pensa de 3,9 milhesde rublos (o equiva-lente a R$ 242 mil)para quem descobriruma forma de identi-ficar os usurios darede on-line Tor.Esta rede, gratui-ta, permite que umapessoa se conecte ano-nimamente internet,sem revelar sua iden-tidade ou localizao,ao redirecionar a co-nexo por uma sriede computadores eaplicar criptografia smensagens trocadaspor meio dela.A Tor usada dia-riamente por 500 milpessoas, em mdia. Amaioria est nos Esta-dos Unidos e no Brasil,que tornou-se, emmea-dos de 2013, o se-gundo pas que mais ausa.Segundo o jornal"The Guardian", a Rs-sia o quinto pas emnmeros de usurios,com mais 210 mil.Os participantes doconcurso promovidopelo governo russo de-vem ser cidados rus-sos e enviar suas pro-postas at 13 de agos-to.A rede Tor ganhoudestaque aps o escn-dalo envolvendo a espi-onagem digital promo-vida pela Agncia Na-cional de Segurana(NSA) dos EstadosUnidos.Banco de Moscou, o Bancode Agricultura da Rssia, ea empresa United Ship-building.Com isso, a lista debancos russos que recebemsanes dos EUA aumentapara quase todos os maio-res bancos com mais de50% participao estatal,com exceo do Sberbank.As sanes sobre ostrs bancos probem cida-dos e empresas norte-americanos de fazer tran-saes com dvidas que ex-cedam prazos de 90 dias,ou com novos acionistas.As sanes aplicadas Shipbuilding, empresa deremessas baseada em SoPetersburgo, congelamqualquer ativo que a ela te-nha nos Estados Unidos eprobe transaes norte-americanas com ela.As aes da Rssia naUcrnia e as sanes que jimpusemos deixaram afraca economia russa aindamais fraca, disse Obama.As grandes sanes queestamos anunciando hojeiro continuar a aumentara presso sobre a Rssia,incluindo os companheirose as empresas que apoiamas aes russas ilegais naUcrnia, acrescentou.Obama ainda rejeitousugestes de que a cres-cente frieza nas relaesrusso-americanas signifi-cava o incio de uma novaGuerra Fria. No umanova Guerra Fria, disseObama a jornalistas. uma questo muito espe-cfica relacionada falta devontade da Rssia de reco-nhecer que a Ucrnia podetraar o seu prprio cami-nho. Nesta tera maiscedo, os governos da UnioEuropeia (UE) alcanaramum acordo para impor no-vas sanes econmicas Rssia, tendo como alvo ossetores de petrleo, defe-sa, materiais de uso civil emilitar, e tecnologias sen-sveis.Reunidos em Bruxe-las, os embaixadores dos 28pases membros do blocodiscutiam desde cedo aadotao de novas sanesque incluiriam uma restri-o aos bancos pblicosrussos de operar no mer-cado financeiro europeu,proibio compra e ven-da de armamento militar,bem como restries venda de material com du-pla utilizao (civil e mili-tar) ou destinado inds-tria petrolfera russa.Os europeus tambmdecidiram bloquear osO autor das denn-cias, o americanoEdward Snowden, estatualmente asilado naRssia e usa uma ver-bens de quatro empres-rios russos ligados ao pre-sidente Putin, acusadosde se beneficiar da ane-xao da Crimeia ou decontribuir ativamentepara a desestabilizao doleste da Ucrnia.At o momento, a UEhavia privilegiado sanescontra autoridades polti-cas e da segurana russase ucranianas envolvidasdiretamente na desesta-bilizao da Ucrnia e naanexao da Crimeia, coma inteno de pressionaro governo russo a mudarde atitude em relao acrise. Com esta nova s-rie de sanes, o bloco dum passo importante portratar-se de medidas queatingiro pela primeiravez setores econmicosimportantes da Rssia,assumindo o risco de pre-judicar sua prpria eco-nomia.31 DE JULHO DE 2014Avalanche pode ter soterrado 150 pessoas aps chuvas na ndiaCerca de 150 pessoaspodem estar soterradasaps fortes chuvas provo-carem um deslizamentode terra que atingiu cercade 50 casas na ndia nestaquarta-feira (30).A avalanche atingiu opovoado de Ambegaon, noestado de Maharastra, noOeste do pas. O desliza-mento ocorreu esta manhe destruiu 50 casas. Teme-mos que 150 pessoas este-jam entre os escombros e obarro, disse Alok Avasthy,chefe de operaes da For-a de Resposta de Desas-tres Nacionais (NDRF). ANDRF enviou equipes deresgate e ambulncias regio, mas ainda choveforte no local do acidente,o que dificulta o trabalhodos socorristas. Segundo arede de TV local NDTV,o deslizamento enterrouparte do povoado. As auto-ridades mobilizaram ma-quinaria pesada para tentarresgatar os presos e 30 am-bulncias se dirigiram aolocal, indicou o represen-tante do governo local, Su-arav Rao, agncia PressTrust of India. 'Desconhe-cemos o nmero exato devtimas, avanamos lenta-mente para garantir querecuperamos as pessoaspresas sem perigo', indicouRao.Rssia oferece recompensa para quem acabar com anonimato na webso do programa Torpara se comunicar.Os documentosvazados por Snowdentrazem indcios de quea NSA e sua equiva-lente britnica,GCHQ, tentaram pordiversas vezes quebraro anonimato conferi-do pela rede Tor.No incio de julho,o Parlamento russoaprovou uma lei querequer que empresasde internet armaze-nem os dados de usu-rios russos em cen-tros de dados no pr-prio pas.Os europeus tambm decidiram bloquear osbens de quatro empresrios russosA Tor usada diariamente por 500 mil pessoas, em mdiaGAZETA DE VARGINHA | 1531 DE JULHO DE 2014STIO ENGRENAGEMALUGUEL PARA FESTAS E EVENTOSTratar com o advogadoVitor Comunian(35) 3221-3787 / 9989-7688Rua Delfim Moreira, 258 - CentroRESERVAS PARA O FINAL DE ANO. LIGUE J!16 | GAZETA DE VARGINHA 31 DE JULHO DE 2014ESPORTEAdolescente da P de Vento conquistaterceiro lugar na Maratona do RioMais uma grandeconquista para Renati-nho Vinhas, da Associ-ao P de Vento. En-tre mais de 1.600 com-petidores na faixa et-ria de 0-15 anos, o atle-ta conquistou o tercei-ro lugar na classificaogeral nessa categoria.J Carlos Daniel, quetambm participou nacategoria at 15 anos,obteve o 11 lugar. Osdois se saram muitobem. Terceiro e dcimoprimeiro lugares noso para qualquer um,ainda mais em umacompetio to concor-rida como a Maratonado Rio, diz Renato Vi-nhas, tcnico da Asso-ciao P de Vento queos acompanhou noevento.Renatinho Vinhas eCarlos Daniel participa-ram da categoria Fami-ly Run, em um percur-so de 6km, com sada echegada no Aterro doFlamengo. A competi-o aconteceu no lti-mo domingo (27).Renatinho Vinhasobteve o terceiro lugarcom 27min e 26s e Car-los Daniel conquistou o11 lugar com 32min e30s. muito legal ve-rificar que os resulta-dos so muito positivos.Isso significa que o tra-balho da Associao Pde Vento tem sido feitocom dedicao. Espera-mos, com esses resulta-dos, incentivar maisadolescentes a nos pro-curar e comear a trei-nar atletismo. Quemsabe no sa da Associ-ao um futuro atletaganhador de medalhasolmpicas?, diz Ant-nio Carlos Nery, presi-dente da P de Vento.Encerram hoje as inscries paraa 12 Copa Clube FM de TnisEncerram hoje,quinta-feira (31) as ins-cries para a disputada 12 Copa Clube FMde Tnis que a SandyEventos em parceriacom a emissora de r-dio Clube FM promo-ver no final de sema-na (02 e 03 de agosto)nas quadras do clubecampestre em Vargi-nha.As inscries po-dem ser feitas pelo te-lefone 9988-1970 ousandyeventos@bol.com.brA competio cor-responder 9 etapado campeonato sulmi-neiro, e ser disputadaseparadamente em dezcategorias: Mirim, In-fantil, Adulto A e B, Ve-terano A e B, Principi-ante Infantil, Principi-ante Adulto, Femininoe Especial.A 12 Copa ClubeFM de Tnis, ter oapoio da diretoria doclube campestre, Maxi-loc, Lavadora varginha,Retfica Lider, GobMed Sul, Logos Col-gio e curso. Uniart Tro-fus e da imprensa emgeral.Construir para desenvolver!!!FBRICA DEBLOCOSLUCIANO Avenida dos Imigrantes, 4.425Vargem - Varginha - MGFone: 3223-8833 / 9971-0206Blocos - CanaletasAreias - BritasA Fbrica de Blocos Luciano tem atendido grandes obrasem Varginha e regio! Com qualidade e presteza tem feitocom que seus clientes se mantenham sempre satisfeitos.ANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014ANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014TV MARCA MITSUBISHI 20 POLEGADAS DE TUBO R$ 150,00.VENDE-SEINTERESSADOS FAVORENTRAREM CONTATOPELO TELEFONE35.3219-3333(HOTEL SLEEP INN)ENDEREO:Av. Princesa do Sul,3333 - Jardim Ander,Varginha - MGA Construtora Cherem Ltda, oferece vagas de emprego na rea da Construo Civil para Porta-dores de Necessidades Especiais para as seguintes funes: Pedreiro, Servente, Pintor, Carpin-teiro, Bombeiro.Os interessados entrar em contato no Tel.: 35-8417-6774 falar com Rosane , ou canteiro de obrassituado Rua Lidia Alvarenga de Carvalho, 515 Bairro: Dos Carvalhos Residencial NovoTempo Varginha/MG.VAGAS DE EMPREGOAgora em novo showroompara seu melhor conforto!Muitos modelos de:- Persianas (rol / painel / madeira / com controle remoto)- Papel de parede vinlico- Pisos laminados- Portas e janelas em vidro temperadoColocao especializadaAv. Plnio Salgado, 538 - Vila PintoTelefone: (35) 3221-5831www.divipiso.com/vendas@divipiso.comVVVVVenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visita!a!a!a!a!ANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014Assine Jornal Gazeta de VarginhaANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014Av. So Jos, 317 - Sala 05 - Varginha - (35) 3221-5366NELSONRPRADOClnica de OtorrinolaringologiaR. Jos Cristiano do Prado, 254, Paraguau - (35) 3267-1911Telefone: (35) 3221-4668Email: gazetacomercial2@gmaill.com