sped – serviço público de escrituração digital escrituração fiscal digital - efd

Download SPED – Serviço Público de Escrituração Digital Escrituração Fiscal Digital - EFD

Post on 17-Apr-2015

111 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Slide 1
  • SPED Servio Pblico de Escriturao Digital Escriturao Fiscal Digital - EFD
  • Slide 2
  • EVOLUO
  • Slide 3
  • EVOLUO
  • Slide 4
  • HOJEEVOLUO
  • Slide 5
  • SPED Sistema Pblico de Escriturao Digital O QUE SPED? QUAL A BASE LEGAL? QUANDO ENTRA EM VIGOR? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ?????????????? Dvidas???...Atualizar-se a palavra de ordem ? ?
  • Slide 6
  • Eu sei exatamente o que SPED? Eu sei exatamente o que SPED? A minha empresa est preparada? Quais so as exigncias que a minha empresa est submetida? O que preciso fazer para atender s exigncias do SPED? Qual o prazo que tenho para atender s exigncias do SPED? O QUE O SPED?
  • Slide 7
  • O SPED instrumento que unifica as atividades de recepo, validao, armazenamento e autenticao de livros e documentos da escriturao comercial e fiscal dos empresrios e das sociedades empresrias, mediante fluxo nico, computadorizado, de informaes. Conceito do SPED
  • Slide 8
  • Compartilhamento de Informao Conceito do SPED No ser mais necessria a troca de informaes entre os rgos, pois todos recebero os mesmos dados que a empresa ir enviar. Fortalecimento do controle e da fiscalizao por meio de compartilhamento de informaes entre as Instituies participantes; Disponibilidade de cpias autnticas e vlidas da escriturao para usos distintos e concomitantes.
  • Slide 9
  • Conceito do SPED
  • Slide 10
  • ESTRUTURA DO SPED 1. Nota Fiscal Eletrnica NF-e 2. Escriturao Contbil Digital - ECD 3. Escriturao Fiscal Digital - EFD
  • Slide 11
  • Preparando-se para atender ao SPED. Sua Empresa
  • Slide 12
  • Atualizao dos sistemas com solues para a gerao dos arquivos magnticos. Acesso a INTERNET em banda larga; Impressoras e Computadores; Rotinas de Backup; Rotinas de Contingncia de Energia. Tecnologia da informao e comunicao.
  • Slide 13
  • O SPED promove a quebra de alguns paradigmas, como, por exemplo, o manuseio das Notas Fiscais em papel e a entrega de vrias obrigaes fiscais. Pessoas
  • Slide 14
  • No cenrio do SPED, os fiscos (Federal, Estadual e Municipal) pretendem integrar os processos fiscal tributrios, gerando a possibilidade da reduo e simplificao das legislaes existentes. Legislao
  • Slide 15
  • Revisar os cadastros de fornecedores e clientes; Revisar os dados dos produtos; Revisar a tabela de CFOP e CST; Treinar, em diferentes nveis, todos os colaboradores da empresa; Auxlio do profissional contbil para as adaptaes legislao; Preparando a minha empresa para o SPED.
  • Slide 16
  • Trabalho em equipe.
  • Slide 17
  • O Contribuinte O Contador O Sistema de Gesto Preparando a minha empresa para o SPED.
  • Slide 18
  • Slide 19
  • O primeiro passo a ser dado para entrar neste mundo virtual
  • Slide 20
  • Atualmente, existem diversas ACs no Brasil que emitem certificados digitais tanto para pessoas fsicas, quanto jurdicas. So elas: Serpro (Servio Federal de Processamento de Dados), CertiSign, Serasa, Caixa Econmica Federal, Correios, Banco do Brasil, Bradesco, Ita, Itautec e outros. Para obter a sua Certificao Digital: Dirija-se a uma AC (Autoridade Certificadora), preencha o formulrio com seus dados e pague uma taxa que varia de acordo com o modelo do documento; Apresente carteira de Identidade ou Passaporte - se for estrangeiro -, CPF, Ttulo de Eleitor, comprovante de residncia e nmero do PIS/PASEP; Pessoas jurdicas devem apresentar registro comercial, no caso de empresa individual, ato constitutivo, estatuto ou contrato social, CNPJ e documentos pessoais da pessoa fsica responsvel; CERTIFICADO DIGITAL - SEGURANA
  • Slide 21
  • Especifique a finalidade do uso do certificado junto a AC. Fornecido por Autoridade Certificadora(AC); Seu objetivo garantir a inviolabilidade das informaes contidas no documento eletrnico, a privacidade e a identificao de quem o utiliza; Possuem prazos definidos para uso; Podem ser adquiridos em cartes, token ou software. CERTIFICADO DIGITAL
  • Slide 22
  • SISTEMA NACIONAL DE CERTIFICAO DIGITAL
  • Slide 23
  • Token Dispositivo eletrnico de conexo USB. Este sistema garante a privacidade em caso de roubo de senhas Smart Card Cartes Inteligentes (smart cards) para armazenamento de Certificados Digitais E-CPF e E-CNPJ. Leitora Digital: Utilizada para conexo em apenas um computador. Utilizao em diversos computadores que possuam instalado a Cadeia de Certificados Digitais (www.ccd.serpro.gov.br) CERTIFICADO DIGITAL - UTILIZAO
  • Slide 24
  • SPED Fiscal (EFD) Escriturao Fiscal Digital - EFD
  • Slide 25
  • A Escriturao Fiscal Digital - EFD um arquivo digital, que se constitui de um conjunto de escrituraes de documentos fiscais e de outras informaes de interesse dos fiscos das unidades federadas e da Secretaria da Receita Federal do Brasil, bem como de registros de apurao de impostos referentes s operaes e prestaes praticadas pelo contribuinte. Este arquivo dever ser assinado digitalmente e transmitido, via Internet, ao ambiente Sped (PVA). ESCRITURAO FISCAL DIGITAL (EFD)
  • Slide 26
  • A PARTIR DE 1 JANEIRO DE 2009, A EFD DE USO OBRIGATRIO PARA CONTRIBUINTES DO ICMS E IPI; A CRITRIO DO FISCO DA UNIDADE FEDERADA, O CONTRIBUINTE PODER SER DISPENSADO DE ENTREGA DA EFD; EMPRESAS OBRIGADAS A EFD (PROTOCOLO ICMS 77/2008). ATO COTEPE/ICMS N 1, DE 7 DE JANEIRO DE 2009 (http://www.fazenda.gov.br/confaz/) Quem est obrigado entrega do EFD?
  • Slide 27
  • REGISTRO DE ENTRADAS; REGISTRO DE ENTRADAS; REGISTRO DE SADAS; REGISTRO DE SADAS; REGISTRO DE INVENTRIO; REGISTRO DE INVENTRIO; REGISTRO DE APURAO DO ICMS; REGISTRO DE APURAO DO ICMS; REGISTRO DE APURAO DO IPI. REGISTRO DE APURAO DO IPI. Quais as informaes a serem prestadas na EFD?
  • Slide 28
  • AS MESMAS DESCRITAS NO RICMS/SP PARA QUEM NO PREENCHER OS LIVROS, ATRASAR OU NO ENTREGAR A GIA/ICMS. AS MESMAS DESCRITAS NO RICMS/SP PARA QUEM NO PREENCHER OS LIVROS, ATRASAR OU NO ENTREGAR A GIA/ICMS. 100(cem) UFESPs; Aps o dcimo dia til - multa de 2%(dois por cento) do valor das operaes de sadas ou prestaes de servio realizadas no perodo, acrescida do valor equivalente a 100(cem) UFESPs; inexistindo valor das operaes de sadas ou prestaes de servio a multa equivale a 100(cem) UFESPs acrescida de mais 100(cem) UFESPs (artigo 592, VII, a do Regulamento do ICMS). Comunicado DA n 55/2009: o valor da Unidade Fiscal do Estado de So Paulo - UFESP para o perodo de 1 de janeiro a 31 de dezembro de 2010 ser de R$ 16,42. 100(cem) UFESPs; Aps o dcimo dia til - multa de 2%(dois por cento) do valor das operaes de sadas ou prestaes de servio realizadas no perodo, acrescida do valor equivalente a 100(cem) UFESPs; inexistindo valor das operaes de sadas ou prestaes de servio a multa equivale a 100(cem) UFESPs acrescida de mais 100(cem) UFESPs (artigo 592, VII, a do Regulamento do ICMS). Comunicado DA n 55/2009: o valor da Unidade Fiscal do Estado de So Paulo - UFESP para o perodo de 1 de janeiro a 31 de dezembro de 2010 ser de R$ 16,42. Comunicado DA n 55/2009 Comunicado DA n 55/2009 Quais as penalidades aplicveis?
  • Slide 29
  • Desmaterializaodeprocedimentos Sistema Pblico de EscrituraoDigital Decreto n 6.022, de 22 de janeiro de 2007. (PAC 2007- 2010) Um dos maiores projetos de desmaterializao do Pas...
  • Slide 30
  • DESMATERIALIZAO DE PROCEDIMENTOS... Desmaterializao de Procedimentos...
  • Slide 31
  • ARQUIVOS DIGITAIS Desmaterializao de Procedimentos...
  • Slide 32
  • Padres abertos Requisitos elevados Disponibilidade Segurana Performance Web Services + + Internet Padres e Requisitos do Sped
  • Slide 33
  • AGENDA DE IMPLANTAO E INCIO SPED Sistema Pblico de Escriturao Digital SPED Sistema Pblico de Escriturao Digital EFD ECD NF-e NFS-e CT-e e-LALUR Central de Balanos e-LALUR Central de Balanos Outros Projetos Outros Projetos Para as empresas sujeitas ao acompanhamento diferenciado referente aos fatos contbeis do ano de 2008 (entrega em Junho de 2009). Para as demais, sujeitas ao Lucro Real, dos fatos contbeis a partir de 01/2009 ser em junho de 2010. J implantado, em desenvolvimento ou em fase de implantao em: So Paulo, Belo Horizonte, Natal, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro e Salvador. Incio da Fase de Produo a partir de 03/04/2009, com participao de Empresas convidadas. Sem previso e sem desenvolvimento oficial ainda. J se cogita (embora sem estudos oficiais): Livro de Controle de Produo e Estoques CIAP (Controle de Crdito de ICMS do Ativo Permanente) Selo Especial de Controle Definio de Livro de PIS/COFINS E-Folha Fiscal Digital Contbil Digital NF Eletrnica NF-Servio Eletrnica C.Transporte Eletrnico Atualizao das listas de empresas obrigadas Contribuintes do ICMS e IPI www.fazenda.sp.gov.br/sped
  • Slide 34
  • IPI Apurao do IPI DIPJ DNF DIF-Cigarros DIF-Bebidas DCP Selos de controle PIS/Cofins Dacon Livros Fiscais: Entradas Sadas Inventrio CSLL Apurao de CSLL IRPJ LALUR Outros: DEREX DIPJ DIRF DCPMF DIF-Papel Imune ISS Apurao ISS Bacen: Balancetes IFT Publicaes CVM: ITR DFP Susep: Formulrios Publicaes Previdncia GFIP Livros Contbeis: Dirio Razo ICMS Apurao ICMS GIA ITENS DE ABRANGNCIA NO SPED
  • Slide 35

Recommended

View more >