oito passos saude

Download Oito Passos Saude

Post on 11-Sep-2015

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Como ter saúde em 8 passos

TRANSCRIPT

  • Adaptao:Ana Maria de Oliveira Freitas

    Edio:Rosimeire de Brito Souza

    Capa:Jean Rosa

    Reviso:Karina Carnassale DeanaEric Rosa

    Publicado no Brasil por:Publicaes IESTCaixa Postal 95.023Santa Cruz da SerraCep: 25.255-970

    Primeira Edio:Dez mil exemplares

    Rio de Janeiro, maio de 2010

  • Ana Maria Fonoaudilo-ga graduada pela Universidade de Fortaleza, especialista em Informtica na Educao pela Universidade Federal do Cear e graduada em Health Ministries pelo Hartland College.

    Desde julho de 2008, minis-tra aulas de sade no Instituto de Educao e Sade de Taqua-ra. Sempre estudando sobre as implicaes da dieta no desem-penho fsico, mental e moral do cristo, dedica parte de seu tempo dando palestras nessa rea e levando a mensagem de um estilo de vida saudvel aos lares de sua comunidade e de localidades mais distantes.Con

    hea o

    Autor

  • 7Introduo

    Nossa sadeA sade um grande tesouro. o bem

    mais valioso que algum pode ter. fcil perd-la, mas difcil recuper-la. O dinheiro, a reputa-o ou o sucesso saem caros, se forem adquiri-dos s custas da sade. Nenhuma dessas coisas traz verdadeira felicidade se no houver sade. Em contraste, uma condio harmoniosa e sau-dvel de todas as foras vitais do corpo e do esp-rito proporcionam bem-estar. Quanto mais puras e intensas forem essas foras, maior ser nossa felicidade.

    Infelizmente, a maioria das doenas e dos vcios, que aige a humanidade, causada pela

  • Oito passos para ter sade

    8

    falta de conscincia das leis do nosso corpo. Os maus hbitos, a satisfao de necessidades baixas, a compreenso errada da sade e os mtodos de trabalho pouco saudveis enfraquecem as foras vitais do corpo. A falta de movimento e o excesso de trabalho fsico e mental desequilibram facil-mente o sistema nervoso.

    Hoje em dia, muitas pessoas so desequili-bradas e nervosas. Sentem-se doentes, sofrem de dores de cabea, sentem-se vazias por dentro, podendo desenvolver um longo estado depres-sivo, e tentam suprimir esses sentimentos com comprimidos e drogas leves. Isso no atinge lite-ralmente apenas a sade fsica, mas tambm se repercute negativamente nas relaes familiares e conjugais.

    O que podemos fazer, ento, a m de con-servar a nossa preciosa sade? Precisamos, em primeiro lugar, reetir cuidadosamente em algu-mas perguntas: Conhecemos as leis de tempe-rana de nosso corpo? Aprendemos diariamente como conservar essa estrutura complexa que o Criador nos deu em boas condies de sade? Consumimos regularmente alimento saudvel que produz boa composio sangunea? Traba-

  • Oito passos para ter sade

    9

    lhamos excessivamente quando est em nosso poder evitar essa situao? Damos importncia vestimenta apropriada que estimula a boa circu-lao sangunea? Beneciamo-nos com o exerc-cio fsico, o ar fresco ou a inuncia regular da luz do Sol? O lcool, a nicotina ou a cafena determi-nam o ritmo de nossa vida? Controlamos o nosso apetite ou acontece exatamente o contrrio? Se voc, leitor, no tiver a certeza de poder respon-der a essas perguntas de forma positiva, muito importante fazer uma pausa e pensar bem no seu estilo de vida antes que seja tarde demais.

    Se voc tem ignorado as leis fsicas de seu corpo, estabelecidas no momento da Criao, re-ita sinceramente e mude o seu estilo de vida. Use os oito poderes curativos que Deus providenciou para a cura e a restaurao total da sade. Ele Se comprometeu a manter o nosso organismo sau-dvel, se formos obedientes s Suas leis e coo-perarmos com Ele. Uma vida de acordo com as leis da natureza garante-nos melhor sade fsica, mental e espiritual. Mesmo nos casos em que parece no haver esperana, no deveramos su-bestimar o potencial das foras restauradoras da natureza. Os seus mais simples remdios so os

  • Oito passos para ter sade

    10

    verdadeiros remdios da Criao, e os seus fortes efeitos no sobrecarregam nem enfraquecem o corpo.

    A seguir, convido-o a estudar como cada uma das leis naturais pode inuenciar positiva-mente nossa sade.

    A luz solarO Sol um dos maiores fatores revitaliza-

    dores da natureza. No por acaso que ele se encontra distncia, altura e velocidade absolu-tamente perfeitas! Devemos valorizar a luz solar tal como as plantas o fazem, pois a luz solar baixa a presso arterial, o nvel de colesterol, o nvel de acar no sangue, previne o cancro, aumenta a resistncia s infeces, inuencia os hormnios sexuais de forma positiva e combate as depres-ses, a psorase, a furunculose e a acne.

    A falta de exposio ao Sol durante meses, como acontece com a tripulao de um subma-rino, eleva a presso arterial, causa distrbios na circulao e provoca o desenvolvimento do dia-betes. Alm disso, sabe-se que quanto maior for o afastamento do espectro natural da luz solar,

  • Oito passos para ter sade

    11

    estando o organismo exposto luz articial, esta poder causar enfermidades. Estudos revelam que nos escritrios, nos complexos desportivos e nos hospitais o uso de lmpadas uorescentes provoca o aumento dos hormnios do estresse (ACTH) e do cortisol. A luz articial branca e bri-lhante impede a distribuio da melatonina. O resultado nervosismo e cansao. Assim, todos os cmodos de uma casa devem ser abertos dia-riamente para que os raios do Sol possam en-trar. Esse cuidado , na realidade, muito ecaz na preveno de doenas.

    Um dos efeitos mais importantes dos raios solares na promoo da sade e da vida a formao da vitamina D na pele. A vitamina D necessria para uma absoro melhor do cl-cio que adquirimos atravs do alimento e para a sua xao nos ossos. Alm disso, importante para a atividade de todo o sistema imunolgico. Protege-nos contra os tumores do intestino, da mama e at do melanoma.

    Programe-se para fazer um passeio dirio ao ar livre, de 30 a 60 minutos, mesmo que o cu esteja nublado. Evite, porm, a exposio exage-rada aos raios solares, pois isso causa um efeito

  • Oito passos para ter sade

    12

    contrrio ao esperado, provocando enfraqueci-mento do sistema imunolgico e o risco de de-senvolver tumores.

    O ar puroTodos os dias inspiramos cerca de 8.000

    litros de ar. Isso mostra a importncia dessa subs-tncia para a nossa vida. O ar puro e fresco per-mite que o sangue circule de forma saudvel por todo o organismo. Ele refresca o corpo e o man-tm saudvel e forte.

    Da mesma forma, sob sua inuncia, a mente e o pensamento mantm a calma e o ni-mo. O ar puro estimula o apetite, melhora a di-gesto e proporciona um sono saudvel. Atravs dele, as irritaes da pele e das vias respiratrias so minimizadas. Reduz-se a incidncia de ger-mes e bactrias, o perigo de infeco diminui e, assim, o estado do enfermo melhora. Aumenta-se a capacidade de concentrao e de atividade e os sintomas do cansao so atenuados.

    Passamos 90% do tempo em que estamos despertos em ambientes fechados. Uma vida vivida em recintos pequenos e mal ventilados

  • Oito passos para ter sade

    13

    gera o enfraquecimento do sistema imunol-gico e diminui a circulao do sangue. Surgem as depresses e a melancolia. Como se isso no bastasse, os pulmes no so capazes de realizar o processo de limpeza do p e de fungos. Esse fator o responsvel por diferentes quadros cl-nicos e pelo crescente nmero de alrgicos e as-mticos. Sempre que for possvel, seja vero ou inverno, deve-se deixar o ar entrar nos ambien-tes fechados para manter uma boa circulao de ar fresco.

    O corpo necessita de uma boa dose de oxignio para que o processo metablico ocor-ra nas melhores condies, sem que haja falhas. Se a dose de oxignio no for suciente, o fgado ca sobrecarregado devido ao processo de fer-mentao. Os resduos permanecem nos tecidos o que resulta em acidez do corpo. Sentar-se ao ar livre e inalar a fragrncia revitalizadora das r-vores e das ores reativa as foras restauradoras da sade e promove o bem-estar.

  • Oito passos para ter sade

    14

    O repousoPara as pessoas que esto cansadas da vida

    na cidade com muitas luzes e o barulho das ruas, o descanso e a liberdade do campo so muito bencos. Busque o descanso mental na beleza, no silncio e na paz da natureza. V para longe do tumulto e das distraes da vida urbana. Tan-to a atividade como o descanso regular devem fazer parte da vida.

    Deus estabeleceu seis dias para o trabalho e separou o stimo como um dia de descanso. Ele reconheceu que entre as necessidades do ser humano inclua-se um dia de descanso para relaxar e no pensar em trabalho e nem nas pre-ocupaes. Sem esse dia de descanso, a vida e a sade estariam em perigo.

    Perodos adequados de sono e de descan-so so de vital importncia para a sade do cor-po e da mente. necessrio um perodo de des-canso para poder relaxar e ter paz interior. Hoje em dia, isso no acontece com muitas pessoas.

    Anualmente, receitam-se mais de 20 mi-lhes de medicamentos para a induo do sono e vendem-se mais de 600 milhes de calmantes

  • Oito passos para ter sade

    15

    e comprimidos para dormir. As razes so muitas e variadas. Problemas na escola, problemas nos relacionamentos, assdio no trabalho, nervosis-mo, sentimento de inutilidade, dio e ressenti-mento em relao a outras pessoas, sentimen-tos de culpa e supercialismo so uma forte carga para a mente e para a moral.

    Apenas Jesus Cristo oferece-nos a opor-tunidade de encontrar o alvio de nossos fardos: Vinde a Mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei (Mateus 11:28).

    O verdadeiro descanso no signica car sentado em frente televiso ou jogar um jogo no computador. No mundo atual, os nossos sen-tidos esto fortemente sobreexcitados. Por isso, precisamos deliberadamente nos afastar dessas coisas e buscar o silncio para elevar a Deus uma orao ou para um refrescante dilogo com os queridos.

    Saia da rotina apressada de seus afazeres e experimente o alvio dos problemas do d