montessori santa terezinha .releituras de obras da tarsila do amaral, ... Ÿfesta junina: mais uma

Download MONTESSORI SANTA TEREZINHA .releituras de obras da Tarsila do Amaral, ... ŸFESTA JUNINA: mais uma

Post on 06-Nov-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Boletim do Colgio Montessori Santa Terezinha - Ano 12 - N 40 - Maio-Agosto/2012MONTESSORI SANTA TEREZINHA

    Rele

    itu

    ras p

    rod

    uzi

    das

    pelo

    En

    sin

    o F

    un

    dam

    en

    tal I

  • EDITORIAL

    Informativo Montessori Santa Terezinha uma publicao do Colgio Montessori Santa Terezinha

    Tiragem: 1.500 exemplares

    Colaborao: Equipe Pedaggica e Educacional

    Designer Grfico: Silvio Oliveira da Matta

    Coordenao Geral: Prof Neuza Maria Scattolini Mantenedora e Diretora-geral

    COLGIO MONTESSORI SANTA TEREZINHAAv. Eng. Armando Arruda Pereira, 1.888 - (Metr Jabaquara)

    CEP 04312-120 - SP - Tel.: (11) 5018-1022

    www.santaterezinha.com.br

    EXP

    EDIE

    NTE

    Este informativo serve como um canal de estreitamento de vnculos entre a escola e a comunidade e de painel de apresentao do nosso projeto pedaggico na sua rotina diria, no segundo trimestre.

    A proposta divulgar para todos os leitores notcias, com diferentes abordagens, que tm em comum a nossa maior preocupao: apresentar uma escola que faz a diferena extrapolando os Parmetros Curriculares e visando construo integral da identidade dos nossos alunos, que so conhecidos em suas

    individualidades e com as suas especificidades.Ancorado nesses ideais, nosso colgio trabalha com propostas multiculturais e tecnologia de ponta que o tornam

    vibrante, dinmico, sempre acompanhando as mudanas que asseguram um ensino significativo, to importante nesse mundo globalizado.

    Como demonstrao da nossa proposta, vrios eventos foram desenvolvidos neste trimestre dos quais destacamos: ENCONTRO CULTURAL: um momento de integrao entre alunos e famlias da Educao Infantil ao Ensino

    Mdio inspirado na Semana de Arte Moderna, que representou uma verdadeira renovao de linguagem quanto experimentao, liberdade criadora, ruptura com o passado; deu incio ao movimento modernista e literatura brasileira propriamente dita tendo como fio condutor a apreciao da arte sob todas as suas linguagens. Foram feitas vrias releituras de obras da Tarsila do Amaral, assim como de outros grandes personagens da nossa histria, pelos alunos do Ensino Fundamental II.

    FESTA JUNINA: mais uma oportunidade de convvio e de aprendizagem, pois, alm das atividades folclricas especficas dessa festa, nossa comunidade explorou o centenrio da vida e a obra de Luiz Gonzaga. Este tema foi trabalhado com vrias releituras de obras artsticas em todos os segmentos, do Infantil ao Ensino Mdio, inclusive utilizando as msicas desse compositor nas danas tpicas.

    ESTUDOS DO MEIO: alunos de todos os segmentos vivenciaram, em lugares diferenciados, a prtica da teoria exposta em sala de aula. Dessa forma, o aprendizado tornou-se efetivo, agradvel e mais rico.

    FRUM FAAP: concentrao de alunos do Ensino Mdio de todo o Brasil que simula conferncias como as que ocorrem na ONU. importante frisar que nossos Colgios, Montessori e Domus, se destacaram entre os melhores do Brasil com Menes Honrosas.

    CURSO DE FRIAS: ao pioneira do nosso colgio que oferece opes de passeios, recreao e diverso para os alunos que permanecem na escola nos meses de janeiro e julho.

    Nosso colgio vive em permanente movimento, assim como o mundo atual. Portanto, alm dos eventos citados, outros tantos foram apresentados: reunies de passagem, que preparam famlias e alunos para o segmento subsequente; aulas experimentais para alunos do 5 ano, que tm por objetivo inseri-los gradativamente na dinmica do 6 ano; Dia das Mes, dos Pais e dos Avs; , ocorrida no colgio e na USP - encontro com profissionais de diversas Jornada das Profissesfaculdades e universidades que esclarecem as dvidas e orientam nossos jovens para a realidade do mercado de trabalho; visitas s mais conceituadas universidades de So Paulo e ainda h muito por vir.

    No podemos deixar de comunicar a importante e feliz adoo do material do para os alunos Sistema Anglo de Ensino os osdos 6 aos 9 anos. Com isso, obtiveram um excelente posicionamento no Ranking Brasil, conquistando as seguintes

    os os os osporcentagens na mdia geral: 6 anos: 72,8% - 7 anos: 94,6% - 8 anos: 95,1% - 9 anos : 92,2% .O Colgio Montessori Santa Terezinha orgulha-se de ser assim: braos abertos para acolher, e asas que estimulam a

    autonomia e preparam nossos alunos para voos cada vez mais ousados conforme prope nosso projeto pedaggico.

    A cultura, sob todas as formas de arte, de amor e de pensamento, atravs dos sculos, capacitou o homem a ser menos escravizado.

    EDITORIAL

  • EDUCAO INFANTIL

    BerrioNido Nido

    Berrioee

    ...sotnemom sosoicerp ed alhtiA par

    No relato das beraristas, cada beb falou de suas conquistas tais como: sentar com apoio, engatinhar, dar os primeiros passos, correr, subir em brinquedos, brincar na bola. Os primeiros balbucios, as histrias com fantoches e livros, as cantigas favoritas, alm das primeiras palavras: Oi, mam, papa, tia...

    J seguro minha mamadeira e gosto muito de suco.

    Me alimento muito bem e a minha sopa j contm gros

    Alimento-me muito bem e j sei comer sozinho

    Durmo sozinha e meu sono tranquilo

    E como deixar de fora a narrativa das brincadeiras e atividades? Arremessar brinquedos, experiment-los colocando-os na boca, passar por tneis, subir na gangorra, banho ldico, papel celofane, entre muitos outros...

    Eu, Allison, e toda a famlia mineira da Lvia ficamosemocionados com o relatrio dela! Vocs realizaram

    e realizam um excelente trabalho! Parabns!

    Vemos nos bilhetes dos pais a alegria por terem conhecimento desses momentos...

    A sobrevivncia humana dependedo cuidado que os adultos dedicams crianas. no presente da infncia

    que nasce a expresso do futuroTnia Ramos Fortuna, 2004

    4 Informativo MONTESSORI SANTA TEREZINHA N 40

    Gostaria de ser uma mosquinha para v-lo(a) na escola. Eis um jargo antigo muito utilizado

    pelas famlias dos nossos pequenos alunos. Ento, ao final de junho, entregamos o Relatrio Individual de cada beb, no

    formato de um lbum de fotos com legendas, para saciar a curiosidade comum e saudvel dos pais que desejam ter conhecimento de cada etapa da evoluo de seus filhos.

    Identificado com a prpria foto, cada aluno apresentou suas Beraristas e um pouco de sua rotina escolar... Contou como se alimenta, os momentos de higiene e onde dorme.

  • aternal IIMaternal M II Entre palitos de sorvete

    ou rodeados por elementos do fundo do mar, com muita poesia e faz de conta, a turma do Maternal II explorou diversos ESCONDERIJOS. Envolvidos pelo mundo imaginrio onde tudo possvel, desvendaram segredos e mistrios que existem entre o esconder e o achar.

    aternal I Maternal M I

    Piu!!!!Piu!!!!

    EDUCAO INFANTIL

    Em ARTE POR TODA A PARTE, o Maternal I esbanjou criatividade. Receberam a visita de um ilustre tatu bola, recitaram sua parlenda,

    embarcaram num trem e viajaram numa deliciosa poesia com Joo Teimoso e a Maria Fumaa.

    Informativo MONTESSORI SANTA TEREZINHA N 40 5

    ardim Jardim JNeste projeto, o Jardim se deparou com

    diversas parlendas, curiosas lendas como a do Curupira (que nos ajudou a ressaltar a importncia da natureza), ouviu histrias de cordel, conheceu o

    Bumba Meu Boi (representado pelas danas) e fez um grande baile utilizando instrumentos musicais tpicos da regio nordeste,

    como a zabumba.

  • Informativo MONTESSORI SANTA TEREZINHA N 406

    A questo do lixo muito importante e deve ser trabalhada com as crianas. Neste ano, as turmas do Maternal ao Jardim optaram por este tema na Oficina do Texto. Com cenrios e bonecos de massinha criados

    pela artista plstica Luna, a oficina proporcionou uma discusso e reflexo sobre questes sociais e ambientais. Os livros escritos pelos

    alunos foram impressos em cores para que as famlias compartilhem dessa leitura.

    J o Pr optou por Uma aventura em retalhos. Cenrios e personagens de sucata confeccionados manualmente pelo artista Daniel Cabral, serviram como pano de fundo desta histria com elementos como castelos, reis e princesas, drages e monstros to prximos do imaginrio dessa faixa etria.

    oficinas do texto EDUCAO INFANTIL

    EDUCAO INFANTIL

    PALAVRAS DE ANA MARIA MACHADOPr Pr

    doESTUD S

    Ao ler Portinholas, de Ana Maria Machado, os alunos do

    Pr descobriram o estreito relacionamento desta famosa escritora com as obras de Portinari.

    Para ampliar o conhecimento sobre Portinari, levamos as turmas para visitarem a exposio Guerra e Paz, na Fundao Memorial da Amrica

    Latina.Esta foi a primeira vez que

    os painis Guerra e Paz foram exibidos no Brasil.

    Alm de sermos elogiados pelos organizadores do evento pelas ricas colocaes de nossas crianas, pudemos perceber sua emoo no contato com uma obra to grandiosa.

    Pr Pr

    Inebriados com a magia das PALAVRAS DE ANA MARIA MACHADO, o Pr j conheceu algumas de suas histrias. Fascinados com Doroteia, a centopeia, os alunos reviveram com

    emoo, o carinho, afeto e dedicao de uma verdadeira amizade. Assim como na histria da Dorotia, as crianas brincaram de comprar e vender sapatos e, no final, discutiram sobre cada morador do jardim,

    preocupando-se em escrever cartazes que orientassem os outros alunos do colgio sobre a importncia de cada bichinho que habita aquele espao.

  • Informativo MONTESSORI SANTA TEREZINHA N 40 7

    osos1 aos 5 Anos - Fundamental

    A partilha do lanche coletivo e a interao de todos permitiram uma manh gostosa, quando tambm foi perceptvel o carinho e o empenho das mes pela organizao do lanche enviado.

    No ltimo dia de um semestre de muito aprendizado e estudo contnuo, os alunos comemorar