monografia completa.pdf

Download Monografia Completa.pdf

Post on 10-Sep-2015

16 views

Category:

Documents

10 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 11

    UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAU- UVA

    CENTRO DE CINCIAS HUMANAS - CCH CURSO DE HISTRIA

    Paulo Roberto Sales Neto

    ANNIMOS DO PEDREGAL: HISTRIAS E MEMRIAS DOS MORADORES

    (1970-2009)

    Sobral/CE Junho/2012

  • 12

    UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAU- UVA Centro de Cincias Humanas - CCH

    Curso de Histria

    PAULO ROBERTO SALES NETO

    ANNIMOS DO PEDREGAL: HISTRIAS E MEMRIAS DOS MORADORES

    (1970-2009)

    Monografia apresentada ao curso de Histria da Universidade Estadual Vale do Acara UVA como requisito parcial para a obteno do grau de graduado em Histria.

  • 13

    FICHA CATALOGRFICA

    PAULO ROBERTO SALES NETO

    SALES NETO, Paulo Roberto

    Annimos do Pedregal: histrias e memrias dos moradores (1970-2009). / Paulo Roberto Sales Neto. Sobral 2012. Monografia de graduao: Universidade Estadual Vale do Acara UVA. 66p. Inclui Bibliografia

    1. Santana do Acara/CE. 2. Bairro Pedregal. 3. Memrias.

  • 14

    ANNIMOS DO PEDREGAL: HISTRIAS E MEMRIAS DOS MORADORES

    (1970-2009)

    BANCA EXAMINADORA

    Esta monografia foi julgada e aprovada em sua forma final pela orientadora e membros da banca examinadora, composta pelos professores:

    _________________________ Prof Dr. Telma Bessa Sales

    Orientadora

    _________________________ Prof. Msc. Benedito Gensio Ferreira

    (convidado)

    _________________________ Prof. Msc. Viviane Prado Bezerra

    (convidada)

    Aprovada em ____ de Junho de 2012.

    Sobral/CE Junho/2012

  • 15

    AGRADECIMENTOS

    Agradeo a todos aqueles e aquelas que indiretamente e diretamente

    contriburam com esse trabalhando. Agradeo ao Laboratrio das Memrias e das

    Prticas Cotidianas LABOME, onde consegui os recursos para realizar as

    entrevistas e fazer as transcries. Aos amigos petianos: Adelmo Braga, Aline

    Mendes, Kim Souza, Fran Liberato, Thiago Rocha, Luis Carlos Lima, Gervnia

    Sampaio, Moacir Portela, Alan Jonh, Jaqueline Gomes, Daniel Taboza, Cosma Silva,

    rika Vasconcelos, Alnlia, Anderson e tutor do Programa de Educao Tutorial

    PET/Histria Prof. Carlos Augusto Pereira dos Santos, com os quais vivi uma

    temporada de intensas aprendizagens.

    Agradeo tambm aos bolsistas do NEDHIS, FUNCAP e CNPq, Llian Paiva,

    Marcos Farias, Gardnia Lins e Vera Silva pela amizade da convivncia diria.

    Agradeo ainda meus colegas de sala, em nome daqueles que durante a graduao

    fiquei mais prximo, trocando aprendizagem, experincias e nos divertindo muito,

    so eles Emdio Jonhson, Gleiciane Paulo Albuquerque, Luiza Edilia Lima e, j nos

    ltimos perodos Ana Paula dos Santos. Aos professores que durante o curso de

    Histria.

    Aos colaboradores dessa pesquisa, sem a ajuda dos quais no teria

    conseguido desenvolver esse trabalho de pesquisa. Sou muito grato ao Sr. Pedro

    Celestino Santos, Maria de Ftima Silva, Ana Carmelita do Esprito Santo, Jos

    Maria Rocha, Joo Batista do Esprito Santo Justo, Maria do Socorro Sales e

    Francisco das Chagas, a todos vocs meu muito obrigado.

    Agradeo imensamente aos professores que aceitaram participar da banca

    avaliadora, professor Benedito Gensio de Oliveira e professora Viviane Prado

    Bezerra, e com especial carinho a professora Telma Bessa Sales, que colaborou

    muito com a realizao dessa pesquisa, com sua infinita pacincia e compromisso.

    No posso esquecer-me da Unio dos Universitrios de Santana do Acara

    UNISA, que possibilita h quase trinta anos que estudantes possam se deslocar de

    Santana do Acara at Sobral, sem a existncia da mesma, esse sonho no seria

    possvel. A Luciana de Paula que fez as ltimas correes. Aos meus pais, meus

    maiores educadores, e aos meus irmos que torceram por mim durante todo esse

    percurso de quatro anos e meio.

  • 16

    ANNIMOS DO PEDREGAL: HISTRIAS E MEMRIAS DOS MORADORES

    (1970-2009) Palavras-chave: 1. Santana do Acara/CE. 2. Bairro Pedregal. 3. Memrias.

    Resumo:

    O objetivo deste trabalho compreender o processo de constituio do Bairro

    Pedregal, reconhecendo e valorizando as personagens, principalmente por meio das

    narrativas dos seus moradores. O bairro Pedregal surgiu na dcada de 1970, com

    apenas algumas moradias construdas em taipa e palha. No incio de 1980, a igreja

    catlica por meio do Movimento de Promoo Humana - MPH conseguiu junto ao

    governo do Estado financiamento para a construo de casas em regime de mutiro,

    que levou o nome de Conjunto Habitacional Luza Tvora. Depois da construo do

    conjunto habitacional, o MPH continuou por alguns anos a dar assistncia aos

    moradores por meio da realizao de projetos, tais como: chapeleiras, olarias e

    hortas comunitrias. O MPH deixou de atuar depois que o padre ficou com suas

    atividades limitadas por motivo de sade e a Associao Comunitria Beneficente do

    Bairro Pedregal passou a lutar por mais espaos para construo de novas

    moradias. Por volta do ano 2000 houve a ocupao de terrenos pertencente

    parquia e em 2006 houve nova ocupao de terrenos, desta vez de particulares,

    que ainda hoje est em litgio, mas os moradores continuam l. Dialogando com

    tericos, como PORTELLI, THOMPSON e VILANOVA pretendemos d sentido a

    nossa pesquisa compreender a dinmica da cidade.

    .

  • 17

    THE ANONYMOUS OF PEDREGAL: STORIES AND MOMORIES OF RESIDENTS.

    ( 1970 2009)

    Keywords: 1. Santanas Acara/EC. 2. Pedregal Neighborhood. 3. Memories.

    Summary:

    The objective of this study is to understand the process of formation of the Pedregal

    neighborhood, recognizing and valuing the characters, especially through the

    narratives of its residents. The Pedregal district emerged in the 1970s, with only a

    few houses built in mud and straw. In the early 1980, the Catolic Church through the

    Promotion of human Movement-MPH managed by the state government funding for

    the construction of houses under the task force that took the name of Luiza Tavora.

    After the construction of housing, the MPH continued for some years to provide

    assistance to residents through the implementation of projects, such as milliners,

    pottery and community gardens. The MPH ceased to operate after the priest stood

    with his activities are limited due to health and membership of the Community Benefit

    District Pedregal now fighting for more space to build new homes. Around the year

    2000 was the occupation of land belonging to the parish and in 2006 there was a

    new occupation of land, this time in particular, which is still in dispute, but residents

    are still there. Dialoguing with theorists such as PORTELLI, THOMPSON and VILA

    NOVA intend to make sense of our research to understand the dynamics of the city.

  • 18

    Lista de fotos

    Anexo I - Foto 1: Pe. Francisco Jos Arago e Silva falando aos moradores no dia da inaugurao. Anexo II - Foto 2: Os fogos de artifcio soltados por um morador foi parte da festa de inaugurao da COHAB Luiza Tvora. Anexo III - Foto 3: D. Luiza Tvora (1 dama do estado do CE) de braos dados com a Dona Tereza Arcanjo (1 Dama de Santana do Acara/CE) e ao seu lado o prefeito de Santana do Acara, Batista Arcanjo. Anexo IV - Foto 4: O MPH homenageia o governador do estado com uma grande faixa de agradecimentos. Anexo V - Foto 5: Logomarca do Clube dos Amigos da Natureza. Anexo VI - Foto 6: Essa uma casa que no foi demolida, existe at hoje no Bairro Pedregal. Anexo VII - Foto 7: Estudantes do Centro Educacional Municipal Joo Cordeiro, participam da inaugurao do COHAB Luza Tvora. Onde o diretor era o Pe. Arago. Anexo VIII - Foto 8: Populao participa da solenidade de Inaugurao da COHAB Luiza Tvora. Anexo VIII - Foto 09: Vista atual do Bairro Pedregal. Essa rua no faz parte das casas construdas pelo MPH. Anexo VIII - Foto10: Derrubada do Judas na Semana Santa, quando os moradores do Pedregal se renem assistir e festejar essa cultura.

  • 19

    Lista de siglas

    ACS Agente Comunitria de Sade.

    AMENCAR - Associao de Apoio Criana e Adolescente.

    CAGECE Companhia de gua e Esgoto do Cear.

    CNPJ Cadastro Nacional de Pessoa Jurdica.

    CNPq Conselho Nacional de Pesquisa.

    COELCE Companhia Energtica do Cear.

    COHAB Conjunto Habitacional Luza Tvora.

    EMATERCE Empresa de Assistncia Tcnica e Extenso Rural do Cear.

    FEBEMCE - Fundao do Bem Estar do Menor.

    FUNCAP Fundao Cearense de Apoio a Pesquisa.

    FUNSESCE - Superintendncia da Fundao dos Servios Sociais

    IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatstica.

    INCRA Instituto Nacional da Reforma Agrria.

    INSS Instituo Nacional do Seguro Social.

    JAC Juventude Agrria Catlica

    JEC Juventude Estudantil Catlica

    JIC Juventude Independente Catlica

    JOC Juventude Operria Catlica

    JUC Juventude Universitria Catlica

    LABOME Laboratrio das Memrias e das Prticas Cotidianas.

    MPH Movimento de Promoo Humana.

    NEDHIS Ncleo de Estudos e Documentao Histrica.

    ONG Organizao no-governamental.

    PRODECOR - Programa de Desenvolvimento das Comunidades Rurais.

    SUDEPE Superintendncia do Desenvolvimento da Pesca.

    UFC Universidade Federal do Cear.

    UNICEF Fundao das Naes Unidas para a Infncia.

    UNISA Unio dos Universitrios de Santana do Acara.