jornal chapéu de palha

Download Jornal Chapéu de Palha

Post on 12-Mar-2016

221 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edio n. 42

TRANSCRIPT

  • So Joo da Boa Vista e Regio - Outubro/2011 - Edio 42 - Ano 4 - Distribuio Gratuita

  • Datas comemorativas de outubro01 Dia Internacional da Terceira Idade01 Dia de Santa Terezinha01 Dia do Vendedor01 Dia Nacional do Vereador03 Dia Mundial do Dentista03 Dia do Petrleo Brasileiro04 Dia da Natureza04 Dia do Barman04 Dia do Poeta04 Dia de So Francisco de Assis05 Dia Mundial dos Animais07 Dia do Compositor09 Dia do Aougueiro e profissionais dosetor10 Semana da Cincia e Tenologia10 Dia Mundial do Lions Clube11 Dia do Deficiente Fsico11 Dia do Teatro Municipal12 Dia de Nossa Senhora Aparecida12 Dia da Criana12 Dia do Atletismo12 Dia do Engenheiro Agronomo12 Dia do Mar12 Dia do Descobrimento da Amrica12 Dia do Corretor de Seguros12 Dia Nacional da Leitura13 Dia do Terapeuta Ocupacional13 Dia do Fisioterapeuta

    14 Dia Nacional da Pecuria15 Dia do Professor16 Dia Mundial da Alimentao16 Dia da Cincia e Tecnologia16 Dia do Anestesiologista17 Dia da Industria AeronuticaBrasileira17 Dia do Eletricista18 Dia do Mdico18 Dia do Pintor19 Dia do Profissional de Informtica20 Dia do Arquivista

    23 Dia da Fora Area Brasileira e doAviador24 Dia das Naes Unidas ONU25 Dia da Democracia25 Dia do Dentista Brasileiro25 Dia do Sapateiro28 Dia de So Judas Tadeu28 Dia do Funcionrio Pblico29 Dia Nacional do Livro30 Dia do Balconista30 Dia do Comercirio30 Dia do Fisiculturista31 Dia Mundial do Comissrio de Vo31 Dia das Bruxas Halloween31 Dia da Reforma Luterana

  • ki mania

    Edson & Hudson, uma trajetria de indas e vindasOs irmos Huelinton Cadorini Silva (So Jos

    do Rio Pardo-SP, 23 de agosto de 1974) e UdsonCadorini Silva (Cssia dos Coqueiros-SP, 16 deagosto de 1972), conhecidos como Edson & Hudsonso uma dupla de cantores sertanejos que comearama cantar muito novos em praas pblicas, bares,rodeios, bailes, etc, mostrando desde crianas otalento para o sucesso. Quando crianas cantavamutilizando outro nome para a dupla, que se chamavaPep e Pupi. Quando pequeno, Edson foi para atrsda casa onde morava e comeou a cantar. Vendoisso, Hudson se juntou a ele e logo comeou a fazera segunda voz. O pai Beijinho observou o talentodos dois e decidiu investir nos filhos.

    Eles eram de famlia circense e adquirirammuitas experincias no circo, boas e ruins, que osajudou a fortalecer a unio e mostrar a fora epotencial que tinham para a msica. A fuso da timavoz de Edson com a guitarra do Hudson, fez comque a dupla se tornasse uma das mais queridas doBrasil, agradando as pessoas de todas as idades. Jproduziram 11 CDS, 3 DVDS.

    No final de 2008, a separao dos cantoresfoi anunciada pelo site oficial da dupla, para o dia 01de janeiro de 2010. Para finalizar a carreira emcomum acordo, Edson e Hudson que formaram aprimeira dupla a oferecer ao pblico um estilo demsica diferente que revolucionou o mercadosertanejo, visitaram durante o ano de 2009 cadacidade que fez com que o sonho deles se tornasserealidade e aproveitam essa ocasio dereconhecimento nacional e sucesso por todo o Brasilpara anunciar de forma respeitosa aos fs e a

    imprensa, que chegou a hora de ambos seguirem seuscaminhos, colocando em prtica idias individuais emcarreira solo. Lanaram no primeiro trimestre desteano o ltimo CD/DVD chamado Despedida.

    A volta - Aps dois anos sem cantar juntos,Edson e Hudson decidiram no incio do ms desetembro deste ano, refazer a dupla. Em questo dedias, a dupla j estavam em estdio produzindo asprimeiras msicas. Uma delas j sucesso nas rdios,Deu saudade.

    Os motivos reais da separao , ao contrriodo que se disse demais por a, nunca houve brigaspor questes musicais. Ambos sempre tiveram clarona cabea que o estilo deles foi o que os diferencioue o que os fez chegar ao sucesso palavras deHudson. Os problemas foram de relacionamento,decorrente de depresso e alcoolismo de ambos.Assumiram que o consumo abusivo de bebida, dasduas partes, passou a atrapalhar a relao dos dois.

    A dupla retorna aos palcos, de forma oficial,no dia 22 de outubro num show que ser realizadono Credicard Hall em So Paulo.

  • Queda do milho nos EUA chance para exportaes no BrasilPara Abramilho, situao no mercado internacional extremamente favorvel

    A queda na safra de milho dos EUA a grandeoportunidade para os milhocultores brasileiros. Deacordo com a Associao Brasileira dos Produtoresde Milho (Abramilho), os preos e a situao dacultura no Brasil nunca foram to favorveis e, se osprodutores souberem aproveitar o momento, essa a chance de colocar o pas frente das maioresprodues do mundo e, consideravelmente, elevaras exportaes.

    Os milhocultores devem aumentar as apostasno gro. Temos um dos melhores gros do mercadoe a perspectiva de produo para a safra 2011/12 de mais de 50 milhes de toneladas, comentaAlysson Paolinelli, presidente-executivo da entidade.Ele afirma que, com esse resultado, ser possvelabastecer o mercado interno e ainda disponibilizarmilho para outros pases do mundo.

    Os EUA so o principal concorrente dosbrasileiros no mercado internacional e j informaramque tero que diminuir a produo de etanol paradestinar parte do milho para abastecer o mercado

    interno. Por isso, as novas possibilidades deexportao aumentam, conta Paolinelli.

    Segundo o Departamento de Agricultura dosEstados Unidos (USDA), a produo de milho safra2011/12 deve ficar em 317 milhes de toneladas,3,2% menor que o estimado em agosto. Aprodutividade mdia tambm caiu 3,2%, e passoupara 154 sacas por hectare. O pas o maior

    exportador mundial do gro, e a notcia abre espaopara que outros produtores como o Brasil, grandeprodutor mundial possam suprir a demandamundial.

    Tecnologia diferencial para produtoresbrasileiros

    Para o presidente-executivo da Abramilho, aspossibilidades tecnolgicas disponveis no Brasilfavorecem os produtores. As tecnologias desementes que temos so adaptveis ao clima. Almdisso, o sistema de produo e manejo brasileirosso muito bem estruturados. Tudo isso eleva nossaproduo e produtividade, salienta.

    De acordo com previso da consultoriaCleres, lavouras semeadas com milho devem ocupar8,2 milhes de hectares na safra vero, garantindopelo menos 36 milhes de toneladas do gro 10%a mais do que na safra vero 2010/11.Fonte: Portal do Agronegcio

  • Colaboradores da Cooperbatata participam de treinamento em So PauloNo incio de setembro, os

    funcionrios da Cooperbatata,Sheila Beatriz (Enfermeira doTrabalho), Antnio Joo(Coordenador de Operaes SILO), Marcos Roberto(Coordenador de Manuteo SILO) e Srgio (ADM Tecnico de Segurana doTrabalho), participaram de umtreinamento na empresaIndutherm em So Paulo, queteve como objetivo o melhorconhecimento do aparelho

    detector de gases porttil DG-500. Os principais pontos dotreinamento foram:-Manuseio do aparelho DG-500;-Gases identificados peloaparelho DG-500;-Finalidade e importncia do usodo aparelho DG-500;-Instalao e utilizao dosoftware do aparelho DG-500 nocomputador.

    O aparelho DG-500 desuma importncia pois identificaa falta ou excesso de oxignio e

    presena de gases txicos ouexplosivos no ambiente detrabalho, inclusive em espaosconfinados, evitando assimacidentes que podem levarfacilmente uma ou mais pessoasa bito. Os colaboradoresparticipantes obtiveram um timoaproveitamento do treinamentoestando assim mais preparadospara o uso do aparelho,diminuindo ainda mais aschances de algum acidentegrave.

  • Tenha sempre o cuidado de rodar coma presso correta, pois a calibragemincorreta o principal fator que diminuia vida til dos pneus. A calibrao deveacontecer semanalmente, sempre compneus frios Calibre os pneus sempreque for pegar estrada. Excepcionalmen-te nessas condies, aconselhvel uti-lizar duas libras acima da normalmenterecomendada. Aproveite a calibragempara certificar-se de que as vlvulas noapresentam vazamentos e que estocom suas respectivas tampas, evitandoa penetrao de umidade no interior dopneu. Utilizar presso abaixo da reco-mendada aumenta a rea de contato dopneu com o solo, provocando rapida-mente o desgaste nas laterais da bandade rodagem. Isso diminui a durabilida-de, piora o consumo de combustvel,superaquece os pneus e pode gerarquebras e separaes dos componen-

    tes de sua estrutura. A presso acimada indicada altera o contato do pneucom o solo, acelerando o desgaste nocentro da banda de rodagem. Alm dis-so, o supertensionamento da carcaao torna mais suscetvel a cortes, preju-dica o conforto ao rodar e diminui aaderncia. No descanse o p no pe-dal da embreagem enquanto dirige. Este um hbito muito comum entre os mo-toristas, mas que pode provocar a quei-ma do disco da embreagem. Alm dis-so, os rolamentos e o volante do motorpodem ser danificados.

    Ateno para a calibragem dos pneus

  • Dourado, o famoso rei dos riosAtendendo a pedidos, o Jornal Chapu de Palha volta a publicar a matria do peixe Dourado, espcie cobiada pelos pescadores

    Considerado o rei dos rios, odourado pertence a uma famlia que temo corpo lateralmente deprimido e omaxilar inferior proeminente. O tempomdio de vida de 15 anos e seu portevaria de acordo com seu habitat; soencontrados exemplares de 70 a 75 cme peso de 6 a 7 kg na Bacia do Paraguai,no Pantanal. Na Bacia do Prata e Baciado So Francisco, alguns rarosexemplares podem atingir os 20 kg. Aespcie apresenta o chamadodimorfismo sexual, com as fmeas sendosempre maiores que os machos, podendoatingir mais de um metro decomprimento. O dourado macho temespinhos na nadadeira anal, que noaparecem na fmea.

    Carnvoro agressivo e canibal, odourado se alimenta de pequenos peixesnas corredeiras e nas bocas de lagoas,principalmente durante a vazante,

    quando os outros peixes migram para ocanal principal. Sua dieta formadabasicamente por tuviras, lambaris epiaus.

    Os exemplares nadam emcardumes nas correntezas dos rios eafluentes e realizam longas migraes

    reprodutivas -