jean jacques rousseau 3

Download Jean jacques rousseau 3

Post on 30-Jun-2015

288 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. JEAN-JACQUESROUSSEAU

2. BIOGRAFIAJean-Jacques Rousseau nasceu em28 de Junho de 1712, em Genebra,falecendo em 1778.rfo de me nascena teve umainfncia difcil. 3. Em 1746, com 28 anos, Rousseau foiprimeiro para Lyon, como preceptor,depois para Paris, onde conheceuDiderot, Condillac e outrosiluministas.Viveu ento uma existncia compoucos recursos. 4. Colaborou na criao daEnciclopdia;Foi secretrio do embaixador francsem Veneza.Tornou-se conhecido com o Discursosobre Cincia e Artes, e com o Discursosobre a origem da Desigualdade. 5. Obra de RousseauDevemos consider-lo umpedagogo, filsofo e poltico,cujas ideias tiveram e aindatm enorme influncia. 6. Depois de ter rompido com osenciclopedistas, escreve as suasobras mais importantes:Nova Helosa,Contrato Social eEmlio. 7. A sua vida pessoal contradiz asua obra (mas isso aconteceucom muitas outras pessoas). Defacto, teve cinco filhos deThrse Levasseur que envioupara um orfanato.Anos depois, no livro Emlio,procurou explicar como se ensinauma criana. 8. Escreveu Constituies para aCrsega e para a Polnia; AsCartas da Montanha e asConfisses.A sua obra foi muito contestada,principalmente pela Igreja, ecausou grande revoluo nasideias educativas. 9. Rousseau inaugura o que sepode chamar Modo Pedaggicode encarar a Infncia.Para ele a Criana o centro daactividade educativa; naturalmente Boa; a Sociedade que corrompe oser humano. 10. Jean-Jacques Rousseau e a suapoca:Rousseau um homem daIdade Moderna, mas compreocupaes caractersticasda Idade Contempornea.Muitos dos seus ideaiscorrespondem aos daRevoluo Francesa. 11. Em 1762, Rousseau escreveuma obra qual d o nome deContrato Social.Problema central dessa obra:Qual a Natureza Humana? 12. No tempo em que Rousseauescreveu era comum pensarque a criana:Tem tendncias egostas; anrquica;No tem conscincia moral;Tem de ser educada ou ficarselvagem m. 13. Rousseau defende que a criana BOATudo que foi criado por Deus BOM;O homem corrompe-se na luta peloTer e pelo Poder porque paraRousseau,Os selvagens, indivduosencontrados pelos navegadoreseuropeus, eram Bons.Esta a teoria do Bom Selvagem. 14. TEORIA SOCIAL e POLTICA deROUSSEAUA luta pelo Poder e peloTer so as causas detodos os males ecorrupes. 15. Fernando Piteira Santos, naapresentao traduo de LeonardoPereira Brum, de 1974, (Prefcio, in Rousseau, J.-J. OContrato Social trad. Leonaldo Pereira Brum, Mem Martins, Europa-Amrica, col. Livros de Bolso1974, pp 7-8.Diz que Rousseau no quis escreverum manifesto revolucionrioE que fala dos princpios daDeclarao dos Direitos do Homem edo Cidado; 16. O Contrato social pode ser vistocomo:Uma Teoria da DemocraciaContempornea que abarcaa Igualdade,a Liberdade dos Cidados ea Soberania do povo. 17. EmlioRomance publicado em 1762.Rousseau pretende uma mudanasocial a partir da educao, defendendoque a criana se desenvolva afirmandoo seu ser de acordo com a sua prpriaexperincia pessoal, pois a sociedade,para ele, corrompe o homem. 18. Rousseau defende uma educao natural; No Emlio relata a educao ideal de um jovem,acompanhado por um preceptor, longe dasociedade corrupta. Defende que o homem deve agir de acordo comos seus interesses naturais e no por imposiode regras exteriores e artificiais. 19. Jean-Jacques Rousseau defendeque a criana um ser comcaractersticas prprias, ao contrriodas ideias comuns no seu tempo quedefendiam que a educao dacriana deveria ser voltada para osinteresses do adulto e da vida adulta. 20. Para Rousseau a educao aexpresso livre da criana no seucontacto com a vida.O educador deve formar o alunopara ser homem no sentido deser autnomo e livre. 21. Propostas Fundamentais deRousseau Ensinar/Aprender a fazer; A prtica antecede a teoria; A natureza o primeiro mestre dacriana; A primeira educao asensorial, segue-se a educaomoral, depois a intelectual e sdepois a profissional;A educao deve respeitar o ritmoindividual. 22. Nova Helosa (referncia breve)Editada em 1761;Histria romntica de um amorinfeliz;O homem forma-se e vive nasociedade e na famlia. 23. Rousseau e a PolticaA nica sociedade poltica que Rousseauaceitava era a sociedade democrtica.A sociedade da sua poca, sendoestratificada, impedia o desenvolvimento danatureza boa do homem. 24. A Educao como PolticaRousseau acaba por considerar aEducao como uma totalidade, umaPoltica, pois para ele, pela Educaopode transformar-se o todo Social.Esta viso um exagero, por vezesusado contra os prprios educadores,pois muitos aspectos da Sociedadeescapam aco da Educao. 25. Rousseau: a Escola e a Sociedade 26. O que sucede que a Sociedade (S)engloba a Educao (E), pelo que aviso de Rousseau exagerada. 27. Concluses:Jean-Jacques Rousseau foilimitado pela poca em queviveu, mas o seu contributopara a Educao no Ocidentefoi fundamental. 28. A Valorizao da Criana como serespecfico, nunca como um adultoem miniatura;A centragem do processo educativono aluno;A valorizao do trabalho manual;A ideia de educar a mulher;Abriram caminho a abordagensnovas sobre a Infncia. 29. Tais abordagens seriam, mais tarde A mdico-higienista e A Psicolgica que acabam de vez com aviso da criana como ser humano adulto emminiatura. Apesar de exagerar, Rousseau teve umpapel fundamental na defesa dos direitos daInfncia (ainda hoje ignorados em muitoscasos).