gazeta de varginha - 28/05/2015

Download Gazeta de Varginha - 28/05/2015

Post on 22-Jul-2016

219 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edição 9.241

TRANSCRIPT

  • Mx: 25 / Mn: 15

    Unifal-MG anuncia a abertura docurso de medicina em Varginha

    EDIO 9.241R$ 1, 00 VARGINHA, 28 DE MAIO DE 2015

    Informao foi divulgada pela universidade; projeto ser enviado para anlise do MEC

    gazetadevarginha@gmail.comwww.jornalgazetadevarginha.com facebook.com/gazetavga

    pgina 02

    PONTO DE VISTA

    DEUS FIEL

    A amizade de Jnatas paracom Davi

    O conselho internoda Universidade Fede-ral de Alfenas (Unifal)aprovou a abertura docurso de medicina nocampus de Varginha. Ainformao foi divulga-da pela assessoria dauniversidade nestaquarta-feira (27).

    O projeto aindaser enviado para o Mi-nistrio da Educao(MEC) para anlise eaprovao. Por en-quanto, no h umapreviso para a abertu-ra das turmas.

    A Unifal j tem ocurso de medicina nocampus de Alfenas. Asmatrculas para a pri-meira turma foramabertas em janeiro de2014 e foi o curso maisconcorrido da universi-dade naquele ano, com97 candidatos paracada uma das 60 vagas.

    Varginha chega a 20 mil lotes venda; Plano Diretor a soluo

    49ANOS

    Revelando Verdades

    local/pgina 04

    Samuel 18local/pgina 05

    TEMPO

    local/pgina 03

    Em Varginha, den-tro de pouco tempo ha-ver cerca de 20 mil lo-tes venda. Essa umadas afirmativas feitaspelo vice-prefeito e se-cretrio municipal deAdministrao, VrdiLcio Melo, na Cma-ra Municipal, convida-do que foi para falar so-

    bre os loteamentos, se-jam eles aprovados,com processos em tra-mitao e indeferidos.

    A soluo para oproblema, segundoVrdi, um novo Pla-no Diretor para a cida-de.

    Militares fazem

    treinamento

    de primeiros

    socorros junto

    ao Samu

    local/pgina 03

    Homem preso aps

    agredirmotoristade nibus

    Trs acidentes ocorremem rodovia que ligaVarginha a Paraguau

    regional/pgina 08

    Um nibus de umaempresa de transporteintermunicipal bateuem um barranco depoisque um passageiroagrediu o motorista etentou tomar a direona tarde desta tera-feira (26) em Trs Co-raes. Conforme umrepresentante da em-presa, o nibus seguiade Varginha com dire-o a Cambuquira.

  • Gazeta de Varginha LtdaCNPJ: 21.535.075/0001-47

    Telefones(35) 3221-4668

    (35) 3221-4845 (fax)

    Dirio de circulao regionalHorrio de funcionamento:

    8h s 18h

    Diretora administrativa:Ana Maria Silva Piva

    Jornalista responsvel:Lanamara Silva (MTB: 8304 JP)

    Editor:Rodrigo S. Fernandes(Sindjori-MG: 312/99)

    Administrao / reviso:Lanamara Silva

    Jornalista e superintendentede redao:

    Paulo Ribeiro da SilvaFernandes (MTB: 16.851)

    Endereo:Av. dos Imigrantes, 445 - Santa

    Maria - CEP: 37022-560 Varginha

    E-mail:gazetadevarginha@gmail.com

    (redao)gazetacomercial2@gmail.com

    (comercial)

    Site oficial:www.jornalgazetadevarginha.com

    ABRAJORI AssociaoBrasileira de Jornais do

    InteriorSINDJORI Sind. Prop. De

    Jornais e Revistas doInterior

    ADJORI Associao dosJornais do Interior de

    Minas GeraisADI Associao dosJornais do Interior de

    Minas Gerais

    A redao no se responsa-biliza por conceitos emitidosem artigos assinados, mes-mo sob pseudnimos, queso de inteira responsabili-dade de seus autores.

    28 DE MAIO DE 201502 | GAZETA DE VARGINHAPONTO DE VISTA

    Llio Braga Calhau

    Quando chega o fimdo ms, sempre vemaquele frio na barriga.Quer dizer que as con-tas esto chegando. Euma das piores situaesque enfrentamos a deno conseguir adminis-trar corretamente os re-cursos financeiros ehonrar com todos osnossos compromissos,no verdade?

    Tendo educao fi-nanceira pode-se com-bater esse problema comduas abordagens: a pre-ventiva (evitar a situaode endividamento) e arepressiva, e mais dura,que consiste na adoodas medidas necessri-as como corte de despe-sas, venda de ativos,substituio de emprs-timos por outras opera-es com menores cus-tos financeiros, etc. Lis-to aqui cinco dicas decomo o comportamen-to pode te ajudar a termaior controle sobre asfinanas.

    Previna-seQuando se trata de

    cuidar do equilbrio fi-nanceiro pessoal, o ca-minho preventivo amelhor sada. Isso por-que todas as aes de-senvolvidas, quando seest em situao finan-ceira de emergncia, somais difceis, uma vezque o equilbrio emoci-onal e o prazo curto parase conseguir novas fon-tes de renda pressionamas pessoas a adotaremmedidas emergenciais,que podem ser prejudi-ciais ao patrimnio dafamlia. Um exemplo que muitas famlias re-correm a venda de seusimveis para quitar d-vidas. Vale a pena reser-var um dinheiro do seuoramento para se res-guardar de possveisacontecimentos desa-gradveis.

    Estude sobreeducao financeira

    Vejo que muitoseducadores financeirostm focado em questestcnicas como, porexemplo, o uso de pla-nilhas de oramentos,na hora de orientar aspessoas. De fato, a pre-

    1- Depois dessaconversa de Davi comSaul, surgiu to gran-de amizade entre J-natas e Davi que Jna-tas tornou-se o seumelhor amigo.

    2- Daquele dia emdiante, Saul manteveDavi consigo e no odeixou voltar casa deseu pai.

    3- E Jnatas fez umacordo de amizadecom Davi, pois se tor-nara o seu melhor ami-go.

    4- Jnatas tirou o

    manto que estava ves-tindo e o deu a Davi,com sua tnica, e atsua espada, seu arco eseu cinturo.

    5 Tudo o que Saullhe ordenava fazer, Davifazia com tanta habili-dade que Saul lhe deuum posto elevado noexrcito. Isso agradou atodo o povo, bem comoaos conselheiros deSaul.

    6- Quando os solda-dos voltavam para casa,depois que Davi matouo filisteu, as mulheres

    Palavras de Vida

    A amizade de Jnatas para com DaviSAMUEL 18Parte Isaram de todas as cida-des de Israel ao encon-tro do rei Saul com cn-ticos e danas, com tam-borins, com msicasalegres e instrumentosde trs cordas.

    7- As mulheres dan-avam e cantavam:"Saul matou milhares;Davi, dezenas de milha-res".

    8- Saul ficou muitoirritado com esse refroe, aborrecido, disse:"Atriburam a Davi de-zenas de milhares, masa mim apenas milhares.

    Cinco dicas de como seu comportamento

    pode ajudar na administrao financeiraocupao deveria seranterior a isso, no senti-do de se buscar antesdessa fase a mudanareal do comportamentodos consumidores. preciso buscar conheci-mento sobre como lidarcom seu dinheiro.

    No aceite todasas promoes

    O consumidor, em-bora tenha seus direitosresguardados legalmen-te, vitimizado quaseque diariamente porcentenas de estmulosde marketing para gas-tar dinehiro. As empre-sas trabalham no limiteda legalidade. So ofer-tas de promoes, queacabam sendo pssimaspara o consumidor quecompra sem cautela coi-sas que no precisa ouno quer. A, conse-quentemente, surgemas dvidas.

    No acredite em to-das promoes, seja di-ligente ao verificar ospontos positivos e nega-tivos de todas as com-pras, no aceite ser pres-sionado com a estrat-gia do marketing de di-

    zer que h poucos pro-dutos (escassez) ou deque a promoo termi-na hoje (senso de ur-gncia). Voc compra sequiser e nem toda ofer-ta pode ser boa pravoc.

    No pegueemprstimos

    O consumidor devepassar a adotar uma pos-tura mais defensivaquando lida com o seuequilbrio financeiro,pois aquelas pessoas queofertam emprstimosfceis no mercado, soas primeiras pessoasque iro process-lo ju-dicialmente, quandohouver inadimplncia.

    Tenha equilibriofinanceiro

    Zele pelo seu equil-brio financeiro comoum guardio de um cas-telo, porque se os exr-citos do endividamentoinvadirem sua vida, voce sua famlia sero afe-tados com isso. Com-portamento tudoquando se trata de man-ter o equilbrio financei-ro. Fique atento com

    isso. Sua famlia vaiagradecer!

    Com disiplina e co-nhecimento voc pode-r ter maior controle so-bre seu dinheiro e no ocontrrio.

    *Llio Braga Calhau Promotor de Justia de

    defesa do consumidordo Ministrio Pblico deMinas Gerais. Graduadoem Psicologia pela UNI-VALE, Mestre em Di-reito do Estado e Cida-dania pela UFG-RJ eCoordenador do site edo Podcast EducaoFinanceira para Todos.

    O que mais lhe falta se-no o reino?"

    9- Da em dianteSaul olhava com invejapara Davi.

    10- No dia seguinte,um esprito malignomandado por Deusapoderou-se de Saul, eele entrou em transe emsua casa, enquanto Davitocava harpa, como cos-tumava fazer. Saul esta-va com uma lana namo

    11- e a atirou, dizen-do: "Encravarei Davi naparede". Mas Davi des-

    viou-se duas vezes.12- Saul tinha medo

    de Davi porque o Se-nhor o havia abandona-do e agora estava comDavi.

    13- Ento afastouDavi de sua presena edeu-lhe o comando deuma tropa de mil solda-dos, que Davi conduziaem suas campanhas.

    14- Ele tinha xitoem tudo o que fazia,pois o Senhor estavacom ele.

    15- Vendo isso, Saulteve muito medo dele.

    16- Todo o Israel etodo o Jud, porm,gostavam de Davi,pois ele os conduziaem suas batalhas.

    17- Saul disse aDavi: "Aqui est a mi-nha filha mais velha,Merabe. Eu a dareiem casamento a voc;apenas sirva-me combravura e lute as ba-talhas do Senhor".Pois Saul pensou:"No o matarei. Dei-xo isso para os filis-teus!"Continua..

  • LOCALGAZETA DE VARGINHA | 0328 DE MAIO DE 2015

    Unifal-MG anuncia a abertura docurso de medicina em VarginhaInformao foi divulgada pela universidade; projeto ser enviado para anlise do MEC

    O conselho internoda Universidade Fede-ral de Alfenas (Unifal)aprovou a abertura docurso de medicina nocampus de Varginha. Ainformao foi divulga-da pela assessoria dauniversidade nestaquarta-feira (27).

    O projeto aindaser enviado para o Mi-nistrio da Educao(MEC) para anlise eaprovao. Por en-quanto, no h umapreviso para a abertu-ra das turmas.

    A Unifal j tem ocurso de medicina nocampus de Alfenas. As

    na da Unifal em Alfe-nas foi o primeiro doSul de Minas a ser ofe-recido por uma institui-o federal. No primei-ro semestre deste ano,a Universidade Federalde Lavras (Ufla) tam-bm passou a ter o cur-so de medicina.

    DiretoriaNas eleies realiza-

    das no dia 29 de abril,a