Gazeta de Varginha - 23/07/2014

Download Gazeta de Varginha - 23/07/2014

Post on 01-Apr-2016

224 views

Category:

Documents

8 download

DESCRIPTION

Edio 9.033

TRANSCRIPT

pgina 02PONTO DE VISTALevtico 26Mx: 21 / Mn: 08Admoestao contra a idolatriaFalta de licenciamentos impedeoperao do aterro sanitrioEDIO 9.033R$ 1, 00 VARGINHA, 23 DE JULHO DE 2014DEUS FIELlocal/pgina 03A Copasa a responsvel pelo aterro; funcionamento estava previsto para este segundo semestrelocal/pgina 03Muitos municpiosdo Sul de Minas no voconseguir cumprir oprazo para que as pre-feituras deixem de usarlixes. Dentro de 15dias, cidades do pas in-teiro no vo poder maisutilizar reas como es-sas para depositar os de-jetos produzidos pelosmoradores, comrcios eindstrias. O prazo foideterminado por umalei aprovada em 2010.Em Varginha, oatual depsito ainda Projeto do Presdio de Varginha indicado ao Prmio Innovarelixo. A rea dever serdesativada at o inciodo ano que vem. Noatual lixo so deposi-tadas trs mil toneladasde lixo por ms. Se-gundo o secretrio mu-nicipal de Meio Ambi-ente, Joadylson Ferrei-ra, o aterro sanitrio jest construdo, masdepende de alguns li-cenciamentos ambien-tais para entrar em fun-cionamento.gazetadevarginha@gmail.comwww.jornalgazetadevarginha.comfacebook.com/gazetavgalocal/pgina 05local/pgina 04O projeto Msicano Presdio de Vargi-nha foi indicado aoPrmio Innovare, querene as melhores pr-ticas da justia brasilei-ra. O resultado do pro-jeto o Coral Razes doFuturo composto porreeducandos, que seroapreciados pelos mem-bros do conselho queescolhe os premiadosno dia 15 de agosto.Medicamentos jchegam s farmcias12% mais baratospgina 09Enquanto isso, Varginha continua utilizando o lixo no bairro CorcettiDois homensroubammalote comR$ 29 milem VarginhaCNPJ: 21.535.075/0001-47A redao no seresponsabiliza porconceitos emitidos emartigos assinados, mesmosobpseudnimos, que so deinteira responsabilidadede seus autores.Dirio de CirculaoRegional - DiretoraAdministrativa:Ana Maria Silva Piva -Jornalista Responsvel:Lanamara Silva -MTB -8304 JP - Editor:Rodrigo S. Fernandes Sindjori- MG 312/99 - Administra-o/Reviso: Lanamara Silva- Paulo Ribeiro da SilvaFernandes(Jornalista e superintenden-te de redao-M.T.TB.16.851) - Horriode funcionamento das08:00hs s 18:00hsABRAJORI - AssociaoBrasileira de Jornais doInteriorSINDJORI - Sind. Prop.de Jornais e Revistas doInteriorADJORI - Associaodos Jornais do InteriorADI - Associao dosJornais do interior deMinas GeraisENDEREO:Redao e Departamentode Publicidade Av. dosImigrantes, 445 - SantaMaria - CEP 37022-560 -Telefones(35)3221-4668(35)3221-4845VARGINHA/MGE-mail: gazetadevarginha@gmail.comgazetacomercial2@yahoo.com.brEndereo eletrnico:www.gazetavarginha.com.br 23 DE JULHO DE 201402 | GAZETA DE VARGINHAPONTO DE VISTA29 - Porque comereisa carne de vossos filhos, ea carne de vossas filhas.30 - E destruirei osvossos altos, e desfarei asvossas imagens, e lana-rei os vossos cadveressobre os cadveres dosvossos deuses; a minhaalma se enfadar de vs.31 - E reduzirei as vos-sas cidades a deserto, e as-solarei os vossos santu-rios, e no cheirarei ovosso cheiro suave.32 - E assolarei a terrae se espantaro disso osvossos inimigos que nelamorarem.33 - E espalhar-vos-eientre as naes, e desem-bainharei a espada atrs devs; e a vossa terra ser as-solada, e as vossas cidadessero desertas.34 - Ento a terra fol-gar nos seus sbados, to-dos os dias da sua assola-o, e vs estareis na terrados vossos inimigos; entoa terra descansar, e folga-r nos seus sbados.35 - Todos os dias daassolao descansar, por-que no descansou nosvossos sbados, quandohabitveis nela.36 - E, quanto aos quede vs ficarem, eu porei talpavor nos seus coraes,nas terras dos seus inimi-gos, que o rudo de uma fo-lha movida os perseguir;e fugiro como quem fogeda espada; e cairo semningum os perseguir.37 - E cairo uns sobreos outros como diante daespada, sem ningum osperseguir; e no podereisresistir diante dos vossosinimigos. 38 - E perecereis en-tre as naes, e a terra dosvossos inimigos vos consu-mir.39 - E aqueles que en-tre vs ficarem se consu-miro pela sua iniqidadenas terras dos vossos ini-Palavras de VidaAdmoestao contra a idolatriaLevtico 26Parte IImigos, e pela iniqidade deseus pais com eles se con-sumiro.40 - Ento confessaroa sua iniqidade, e a iniqi-dade de seus pais, com assuas transgresses, comque transgrediram contramim; como tambm elesandaram contrariamentepara comigo.41 - Eu tambm andeipara com eles contraria-mente, e os fiz entrar naterra dos seus inimigos; seento o seu corao incir-cunciso se humilhar, e en-to tomarem por bem ocastigo da sua iniqidade,42 - Tambm eu meGraas ao Projeto dasNaes realizamos muitasatividades,e cada dia fize-mos uma nova descober-ta sobre a diversidadebrasileira. Entre tantas, oassunto que despertoumaior curiosidade nosalunos do 2 Perodo C daProfessora Suelydina, fo-ram as cobras. Acabamospercebendo que o movi-mento maior se davaquando as crianas en-contravam algum animalque dava medo, chaman-do os demais amigos paraolhar, logo ascendemoslembrarei da minha alian-a com Jac, e tambm daminha aliana com Isaque,e tambm da minha alian-a com Abrao me lembra-rei, e da terra me lembra-rei.43 - E a terra ser aban-donada por eles, e folgarnos seus sbados, sendoassolada por causa deles; etomaro por bem o castigoda sua iniqidade, em ra-zo mesmo de que rejeita-ram os meus juzos e a suaalma se enfastiou dos meusestatutos.44 - E, demais distotambm, estando eles naterra dos seus inimigos,Um projeto da Fauna brasileiranossa luzinha da aten-o, esse era o tema! En-to em roda conversamoscom os pequenos sobre apossibilidade de pesqui-sa sobre esse assunto,seus interesses e curiosi-dades a respeito do mes-mo... Registramos estasinformaes, elaborandouma lista de pesquisa:Como as cobras vivem?De que se alimentam?Porque so importantespara o meio ambiente?Estas so algumasperguntas que os alunosdo 2 perodo C, tm aresposta na ponta da ln-gua. Eles sentiram-severdadeiros herpetlo-gos.A atividade consistiuem pesquisas para conhe-cer o mundo das cobrase esclarecer dvidas dascrianas sobre as cobraspeonhentas e no peo-nhentas. Antes de partirpara o estudo, o grupo seperguntou: a lngua dacobra serve para comuni-car? Ser que as cobrasque tm olhos pretos sovenenosas?A sucuricome gente? Por que alngua da cobra partida?Cobras comemcobras?Diante de tantasperguntas as crianasfo-ram solicitadas com aju-da da famlia , a encon-trar respostas para suasindagaes, construindoassim seu prprio conhe-cimento.Montaram uma ma-quete com o habitat dascobras; construram car-tazes, cobras com meias,rolhas de garrafa, grava-tas, massinha de modelar,e coletivamente os pe-quenos confeccionaramuma sucuri com rolinhosde papel higinico queseria o mascote destenosso projeto,fizeramapresentaes explicandoat mesmo como se faz oRespostas do Caa-Palavrasda edio passadaBoa sorte!Respostas na prxima ediono os rejeitarei nem meenfadarei deles, paraconsumi-los e invalidara minha aliana comeles, porque eu sou oSENHOR seu Deus. 45 - Antes por amordeles me lembrarei daaliana com os seus an-tepassados, que tirei daterra do Egito peranteos olhos dos gentios,para lhes ser por Deus.Eu sou o SENHOR.46 - Estes so os es-tatutos, e os juzos, e asleis que deu o SENHORentre si e os filhos de Is-rael, no monte Sinai,pela mo de Moiss.soro antiofdico. No projeto, as crian-as aprenderam, porexemplo, que a cobra tro-ca de pele, que ela dormede olho aberto porqueno tem plpebras e quea lngua ajuda a sentironde ela est se moven-do. Um dos nossos alunosde cinco anos, nem pre-cisou pensar muito paradizer o que mais gostoude aprender. Que ela (cobra)nasce do ovo , diz. Foiuma experincia gratifi-cante para toda a turma.GAZETA DE VARGINHA | 0323 DE JULHO DE 2014LOCALFalta de licenciamentos impedeoperao do aterro sanitrioA Copasa a responsvel pelo aterro; funcionamento estava previsto para este segundo semestreMuitos municpiosdo Sul de Minas no voconseguir cumprir oprazo para que as prefei-turas deixem de usar li-xes. Dentro de 15 dias,cidades do pas inteirono vo poder mais uti-lizar reas como essaspara depositar os dejetosproduzidos pelos mora-dores, comrcios e in-dstrias. O prazo foi de-terminado por uma leiaprovada em 2010.Em Varginha, o atu-al depsito ainda lixo.A rea dever ser desati-vada at o incio do anoque vem. No atual lixoso depositadas trs miltoneladas de lixo porms. Segundo o secret-rio municipal de MeioAmbiente, JoadylsonFerreira, o aterro sanit-Enquanto isso, Varginha continua utilizando o lixo no bairro Corcettirio j est construdo,mas depende de algunslicenciamentos ambien-tais para entrar em fun-cionamento.Na regio, apenascidades como So Lou-reno e Eli Mendes seadiantaram para cum-prir as exigncias. Omunicpio de So Lou-reno se uniu a oito mu-nicpios em um consr-cio para a instalao deuma usina de triagem ecompostagem. O lixodos municpios de SoLoureno, Soledade deMinas, Carmo de Minas,Itanhandu, Itamonte,Pouso Alto, Dom Vio-so, Olmpio Noronha eCristina sero processa-dos no mesmo local.Juntos esses pequenosmunicpios formamuma populao de 100mil habitantes. A usinater capacidade paraprocessar 150 toneladasde lixo. A previso queela comece a operar em2015.Em Eli Mendes, asituao tem sido maissimples de se resolver. Aotodo so 12 toneladas delixo orgnico por dia queso levadas para umaterro controlado. Pelomenos uma tonelada dematerial reciclvel j separada na coleta sele-tiva, o que diminui omontante a ser tratado.O local tem ainda 25anos de vida til e estpassando por adapta-es para atender as exi-gncias da lei.Em todo o estadode Minas Gerais, aindaexistem lixes em 264municpios, segundo aSecretaria de Meio Am-biente. Em 280 cidades,existem aterros contro-lados ainda em fase deregularizao. No Sul deMinas, conforme os da-dos do governo, existem48 lixes e 50 aterroscontrolados.Aterro de VarginhaA Cmara Municipalde Varginha aprovouem outubro de 2013 umprojeto de lei que deu Companhia de Sanea-mento de Minas Gerais(Copasa) o direito deadministrar o aterro con-trolado e o aterro sanit-rio do municpio por 26anos.O aterro sanitrio ficana zona rural entre Var-ginha e Carmo da Ca-choeira. Para assumir aadministrao, a Copasatem que finalizar a ope-rao do aterro contro-lado em funcionamentoe recuperar a rea doaterro sanitrio. Almdisso, a companhia terque regularizar as licen-as ambientais dos doisaterros, que esto venci-das. A partir disso, a Co-pasa poder comear aoperar. A previso parao incio do funciona-mento do aterro sanit-rio, na poca, era o se-gundo semestre de2014.Situao em outrascidadesEm Poos de Caldas,existe um aterro contro-lado, mas segundo o se-cretrio de Servios P-blicos da cidade, JosMuniz Alves, o local administrado atualmen-te por uma empresa. Aprefeitura assinou umTermo de Ajuste de Con-duta com o MinistrioPblico e o aterro deixa-r de ser controlado parase tornar um aterro sa-nitrio, que o modeloideal para os depsitos delixo, por ter o tratamen-to do chorume liberadopelo lixo. Um terreno aolado do atual depsitode lixo ser utilizadopara o aterro sanitrio.Ainda conforme o secre-trio, uma reunio serrealizada nesta semanapara discutir a situao.Segundo o SistemaEstadual de Meio Ambi-ente e Recursos Hdri-cos, a penalidade paraquem no se adequar lei varia de acordo como tamanho do municpioe o dano ambiental cau-sado pelo lixo. As puni-es variam entre multasdirias, embargos, sus-penso de atividades,entre outros.Homens armados roubam malote com R$ 29 mil em VarginhaDois homens ar-mados roubaram ummalote com R$ 29mil do escritrio deuma obra na tardedesta segunda-feira(21) no Centro deVarginhaSegundo informa-es da Polcia Militar,os suspeitos chegaramao local, exigiram queum funcionrio entre-gasse o dinheiro e fu-giram em seguida.PagamentoAinda conforme aPM, o malote havia aca-bado de ser entregue aoescritrio, e o dinheiroseria usado para o pa-gamento de funcion-rios. A PM realizoubuscas, mas at a pu-blicao da reporta-gem, ningum haviasido preso.Medicamentos j chegam sfarmcias 12% mais baratosLOCAL04 | GAZETA DE VARGINHA 23 DE JULHO DE 2014Banheiras - Carpetes - Cermica - Coifas - Cooktops - Cortinas e persianasCubas - Divisrias - Espelhos e Armrios - Fechaduras - Forros - Louas - MetaisPapel de Parede - Pisos Laminados - Pisos Pastilhados - Pisos Vinlicos - PlafnsPortas e Janelas - Puxadores de Porta - Rodaps e GuarniesRua Tiradentes, 375 - CentroVarginha-MG - Cep: 37002-200(35) 3222-1919 / 3222-2914www.realcedecoracoes.netCadastramento Escolar2015 para crianas de4 a 6 anos vai at sextaA Secretaria Muni-cipal de Educaoconvoca os pais ou res-ponsveis pelas crian-as de 4 a 6 anos com-pletados ou que irocompletar at o dia 30/06/2015, para o Ca-dastramento Escolar2015, que acontecenessa semana, at sex-ta-feira 25 de julho.Para atender a to-dos foi montado umesquema especial deatendimento, das 8hs 16h, na sede da Se-cretaria Municipal deEducao, na RuaDelfim Moreira, n293, Centro.Podem se cadastrarcrianas de 4 a 06 anoscompletos ou que irocompletar at o dia 30de julho de 2015, alu-nos que esto vindo deoutras localidades oude escolas particularese candidatos que de-sejam retornar aos es-tudos.No ato do recadas-tramento os pais/res-ponsveis deveroapresentar original ecpia da Certido deNascimento da crian-a, da conta de luz re-cente e do compro-vante de escolaridadepara alunos de escolasparticulares ou candi-datos que esto retor-nando aos estudos.Garanta a vaga doseu filho no EnsinoFundamental da redepblica.Mais informaespor ser obtidas atravsdo 3690-2094.Os medicamentosque passaram a ter aiseno do PIS/CO-FINS esto chegandomais baratos nas farm-cias desde esta segun-da-feira (21). O Gover-no Federal ampliou em174 a lista de substnci-as que ficam livres dacobrana desses tribu-tos, o que deve levar auma reduo de 12%,em mdia, nos preosdos produtos. A chama-da lista positiva, coma incluso dos novosprodutos, j soma maisde mil itens com siste-ma especial de tributa-o, o que representa75,4% dos medicamen-tos comercializados emtodo o pas.Atualmente, quase atotalidade os medica-mentos tarja vermelha epreta esto isentas dePIS/COFINS. Essa me-dida visa reduzir o cus-to para a populaocom medicamentos es-senciais, utilizados parao tratamento de artritereumatoide, cncer demama, leucemia, hepa-tite C, doena de Gau-cher e HIV, entre ou-tros problemas de sa-de.Os critrios estabe-lecidos pelo Ministrioda Sade e a Cmara deRegulao do Mercadode Medicamentos(CMED) na seleo dassubstncias que tero obenefcio levam em con-siderao as patologiascrnicas e degenerati-vas; os programas desade do governo insti-tudos por meio de po-lticas pblicas e a es-sencialidade dos medi-camentos para a popu-lao. Para fazerem jusao benefcio, os medica-mentos devem estar su-jeitos prescrio mdi-ca e estarem destinados venda no mercado in-terno.A Cmara de Regu-lao responsvel pelomonitoramento dospreos dos remdios epor garantir que as re-dues tributrias sejamintegralmente refletidasnos preos fixados comoteto para os produtos.Projeto do Presdio de Varginha indicado ao Prmio InnovareO resultado do projeto Msica no Presdio o Coral Razes do Futuro, composto por reeducandosLOCALGAZETA DE VARGINHA | 0523 DE JULHO DE 2014O projeto Msicano Presdio de Vargi-nha foi indicado aoPrmio Innovare, querene as melhores pr-ticas da justia brasilei-ra. O resultado do pro-jeto o Coral Razes doFuturo composto porreeducandos, que se-ro apreciados pelosmembros do conselhoque escolhe os premia-dos no dia 15 de agos-to.Uma das mais tra-dicionais honrarias domeio jurdico, o objeti-vo do Prmio Innovare identificar, premiar edisseminar prticasinovadoras realizadaspor magistrados, mem-bros do Ministrio P-blico estadual e federal,defensores pblicos eadvogados pblicos eprivados de todo Bra-sil.O projeto do Pres-dio de Varginha foi ins-crito no Prmio Inno-vare, com aceitao,pela finalidade que abusca da ressocializaodo reeducando atravsdo contato com a m-sica. Os interessados emconcorrer preenchemum formulrio eletrni-co, encontrado nesteportal durante o pero-do de inscries, eapresentam suas prti-cas inovadoras e comresultados comprova-dos. As prticas recebi-das e de acordo com oregulamento do Pr-mio so visitadas porconsultores especiali-zados e posteriormen-te analisadas e julgadaspelos membros da Co-misso Julgadora. Noso premiadas idias ousugestes para o apri-moramento da Justia.A cerimnia de Premi-ao ocorre em dezem-bro com a participaodas maiores autorida-des brasileiras.Fundado sob a ba-tuta do juiz criminal,Oilson Hoffmann Sch-mitt, o coral atualmen-te regido pelo profes-sor Elias de Brito Perei-ra, aluno de licenciatu-ra em Msica no Unis.Os reeducandos reali-zam apresentaes emescolas, igrejas, Fruns,e tambm em cidadesda regio. So apresen-tados vrios estilos mu-sicais e depois um tes-temunho de um dosintegrantes.Segundo o juiz, omovimento surgiu davontade de oferecer aosdetentos uma atividadecultural e socializadoraque auxiliassem os de-tentos no desenvolvi-mento da capacidadede interao intrapes-soal e interpessoal.Partimos do pressu-posto de que a vivnciamusical possibilita otrabalho das emoes, odesenvolvimento dasensibilidade, a percep-o auditiva, a sociabi-lidade, entre tantas ou-tras coisas, como a pos-sibilidade de ser pro-porcionada uma vivn-cia com outros contex-tos socioculturais, almda ampliao da baga-gem cultural com oaprendizado de msi-cas de nossa prpriacultura e de culturasafins, afirmou. Oilson destaca ain-da a participao pio-neira do professor Mo-acir Ximenes, o apoioda direo do Presdiode Varginha, e especi-almente do agente Ro-dolfo Bandeira.Em 2013 foram re-alizados 34 apresenta-es. Este ano, at omomento, j foram 12apresentaes, sendoque a prxima exibioocorrer na cidade deCaxambu. Este eventonacional de Corais, de-nominado Canta Bra-sil/2014 reune mais deuma centena de entida-des participantes.Merece destaquenas apresentaes, co-menta o juiz, a parte emque os detentos doseus depoimentos, con-tam suas histrias devida. visamos com issomostrar ao pblico queo crime, efetivamente,no compensa, e queeles esto pagando suadvida para com a soci-Juiz criminal, Oilson Hoffmann Schmitt, fundador do projeto Msica no Presdioedade e ao crimeno mais preten-dem voltar. Comessas apresenta-es queremoslevar a boa novado humanismoe do amor, des-taca.As apresen-taes feitas pos-suem conotaomuito singular,qual seja, levarao pblico quedentro da cascado homem exis-te uma pessoaboa, inteligente,sensvel, carentee que todos osdias h uma lu-ta entre o bem eo mal e que deve ao fi-nal aquele ser vitorio-so, finaliza o juiz Oil-son. 23 DE JULHO DE 2014REGIONAL 06 | GAZETA DE VARGINHACom estiagem, racionamento de gua mantido em So Joo da MataDistribuidora de produtos para lojas pet,agropecurias e supermercados, oferece 1vaga para representante comercial na regioque possua veculo prprio e experincia emvendas.Contato: (31) 8420-9020 9781-0578.A cidade de SoJoo da Mata continuacom a poltica de com-bate ao desperdcio degua. Em janeiro desteano, a prefeitura baixouo decreto de raciona-mento de gua devido falta de chuvas na re-gio. Em seis meses,nove pessoas foram no-tificadas por escrito porno respeitarem as me-didas de economia. Se-gundo a administraomunicipal, com o raci-onamento, o desperd-cio de gua foi reduzi-do pela metade.So Joo da Matatem 2,8 mil habitantese a gua, que vem deduas nascentes na Ser-ra da Grota, distribu-da de graa. No entan-to, a seca tem prejudi-cado sua captao. Umdos crregos est qua-se seco, mesmo com oracionamento.Na tentativa de co-laborar, os moradoresde So Joo da Matacriaram novas rotinas.A autnoma DamarisMachado, por exemplo,conta que a mesmagua usada para lavaras roupas aproveita-da na lavagem dos ta-petes, cmodos da casae o quintal. At a guada banheira do bebentra no reaproveita-mento.Francisco Pereira,por sua vez, suspendeuo servio do lavagem decarros em sua borracha-ria. Nem mesmo a man-gueira foi deixada nolocal para evitar sua uti-lizao. Pelo decreto deracionamento de gua,os moradores de SoJoo da Mata estoproibidos de usar guatratada para lavar cala-das, ruas e carros. Ofornecimento de guatambm cortado duashoras por dia. H pre-viso de multa paraquem descumprir asregras.A responsvel peloservio de tratamentode gua na cidade, N-dia Alves, diz que o de-creto da prefeitura temajudado a manter o for-necimento. No entanto,todos esperam que vol-te a chover em novem-bro para que a situaoseja normalizada.Segundo a prefei-tura, apesar do registrode pessoas que des-cumpriram as novas re-gras de uso da gua,nenhuma multa foiaplicada aos usuriosporque no houve rein-cidncia. Desde o inciodo ano, alm das novepessoas que foram no-tificadas por escrito,outras 30 receberamadvertncia verbal.Decreto com novas regras para consumo de gua foi baixado em janeiroHomem mascarado faz dois assaltos em AlpinpolisUm bar e um postode combustveis foramassaltados na noite des-ta segunda-feira (21)em Alpinpolis. Se-gundo a Polcia Militar,os assaltos acontece-ram em um intervalo de20 minutos, pouco de-pois das 21h. No foidivulgada a quantia le-vada dos dois estabele-cimentos.Aparentemente osassaltos foram cometi-dos pela mesma pessoa,que usava a mesmamscara e revlver, masat a publicao destareportagem ningumfoi preso.De acordo com aPM, o primeiro assaltofoi registrado em umbar na regio do StioBarra Doce, na zonarural de Alpinpolis, nasada para Bom Jesusda Penha . A polcia in-formou que o dono dobar, um homem de 51anos, contou ter sidoabordado por uma pes-soa usando uma msca-ra vermelha e brancacom um revlver pe-queno. Depois de pe-gar o dinheiro do cai-xa, o homem fugiu comum comparsa que oaguardava em umamotocicleta.Na sequncia, a PMregistrou o segundoroubo a um posto decombustveis no bairroJardim Trevo, na entra-da de Alpinpolis pelaMG-446. Dois frentis-tas relataram terem sidoabordados por um ho-mem igualmente usan-do uma mscara ver-melha e branca e por-tando um revlver pe-queno. Aps esse se-gundo assalto, o bandi-do foi visto fugindo ap, mas no foi encon-trado pela polcia.Srie de recitais chegaao Sul de Minas GeraisA cidade de Caxam-bu, no Sul de Minas, re-cebe, no prximo sba-do (26), a srie de reci-tais itinerantes Concer-tos comentados de cra-vo nosso Barroco mi-neiro. O projeto umainiciativa da AssembleiaLegislativa de MinasGerais (ALMG) e renediversas aes culturaisde valorizao do artistaAleijadinho, cone doBarroco. O evento serrealizado s 20 horas, noSalo de Convenes doHotel Glria (Avenida Ca-milo Soares, 590).Cidades de todas asmacrorregies do Estadotero a oportunidade deassistir ao evento, que in-tegra a Agenda Comemo-rativa do Bicentenrio daMorte de Aleijadinho etem a parceria da Comis-so OAB Cultural SeoMinas. A abertura dasapresentaes foi em Di-amantina (Regio Centraldo Estado), no ltimo s-bado (19).O repertrio dosconcertos inclui obrasde compositores doBarroco mineiro, comoManoel Dias de Olivei-ra, Francisco Gomes daRocha e Lobo de Mes-quita. Nos recitais, ocravista Antonio Carlosde Magalhes executaobras sacras e profanasdo sculo XVIII trans-critas para o cravo, ins-trumento tpico e genu-no desse perodo.Dupla furta retroescavadeirapara desvirar carro na regioDois homens furta-ram uma retroescava-deira da Prefeitura deCarrancas na noite des-ta segunda-feira (21).Segundo a Polcia Mi-litar, a mquina foi fur-tada por suspeitos como objetivo de desvira-rem um carro que ha-via capotado em umaestrada na zona rural.Aps denncias, apolcia foi at o local eencontrou o veculo jde volta pista, masno havia ningum porperto. No carro, que foiapreendido, havia si-nais da retroescavadei-ra. A mquina tambmfoi abandonada no lo-cal.Os suspeitos fugi-ram em outro veculo eat a publicao destareportagem, ainda notinham sido presos.23 DE JULHO DE 2014LOCALO setor de combate dengue em conjuntocom a vigilncia ambi-ental, desenvolve perio-dicamente amostragensreferentes ao Aedes Ae-gypti, atravs de seusAgentes de Controle deEndemias, mantendo acidade sob controle erealizando permanente-mente aes de comba-te este mosquito trans-missor da dengue econscientizao de for-ma geral, em todos osaspectos, em nosso mu-nicpio.Mas para garantir osucesso das aes, con-vocam a populaopara se movimentaremainda mais na conscien-tizao da populaocom relao preveno dengue!Nesta quarta-feira,23 de Julho, o Setor de GAZETA DE VARGINHA | 07Mutiro da Dengue estarna Vila Mendes nesta quartaCombate Dengue e aVigilncia Ambiental,juntamente com seusAgentes de Combate Endemias e com o apoioda Secretaria de Obrasatravs da Limpeza Ur-bana (com mquinas,caminhes e servios devarrio), da Secretariade Agricultura (commquinas e caminhes)e da Secretaria de Meio-Ambiente (com o cami-nho coletor de lixo) etambm dos Postos deSade da Famlia dosBairros e seus Conse-lhos Comunitrios, Es-colas, Creches e Pontosdo Comrcio Local, es-taro realizando umMutiro de Limpeza emtodo o Bairro Vila Men-des, das 7h30 at s 13h,percorrendo todas asRuas neste trabalho deeliminao de possveisfocos do aedes Aegypti- mosquito transmissorda febre amarela e dadengue.Coleta de materialinservvelDurante o Mutirosero coletados os ma-teriais inservveis depo-sitados nas caladas pe-los moradores, comomveis velhos, pneus,objetos que detmgua, dentre outros,que sero recolhidospelo Mutiro de Com-bate Dengue. S nosero recolhidos entu-lhos de construo erestos de podas de r-vores. Vale ressaltar quenos mutires que vmsendo realizados, tmsido retirados uma m-dia de 08 10 cami-nhes com materiais in-servveisEm Varginha, on-tem (21), Polcia Militarobteve sucesso duran-te Operao, um ho-mem foi preso, vriosentorpecentes foramapreendidos, alm deum revlver calibre .38. Durante operaoBatida Policial, por vol-ta das 20 horas, a PMrecebeu denncia an-nima de que um ho-mem, conhecido comoBaiano, estava comer-cializando entorpecen-tes no Bairro Vila Men-des.De imediato, os mi-litares iniciaram buscaspelo homem, e aps le-PolciarecuperaveculofurtadoEm Varginha, nes-ta tera-feira, 21, Pol-cia Militar agiu rpido,rastreou e recuperouveculo furtado. No ltimo domin-go, 20, um pedreiroinformou PM que seuveculo tinha sido fur-tado. O homem haviaestacionado seu carropor volta das 20 horasem frente sua resi-dncia, e quando saiupara trabalhar, consta-tou que seu veculo ha-via sido furtado, j queno estava mais no lo-cal. A vtima acionou aPM atravs do 190, querapidamente iniciourastreamento no intui-to de localizar o vecu-lo. Durante as buscas,os militares obtiveraminformaes da locali-zao do carro, vindo aencontr-lo estaciona-do na rodovia, no tre-cho Trs Pontas/ Var-ginha, sem pessoasdentro. Diante dos fatos, ocarro recuperado foiremovido ao ptio cre-denciado, e posterior-mente restitudo v-tima.Operao da PM apreende revlver e drogasvantar informaes des-locaram-se sua resi-dncia, situada na RuaJaime de Oliveira, Bair-ro Park Rinaldi, ondeele foi encontrado eabordado pela equipepolicial. Ao ser procedidabusca pessoal ao ho-mem, L.C.S., 28, e nasua residncia, foramencontradas 9 pedrasde crack, prontas paracomercializao, 1 pe-dra bruta da mesmasubstncia, 2 buchas demaconha, 1 revlver ca-libre .38, vrias muni-es, R$ 156,00 em di-nheiro, entre outros. Baiano, que j conhecido no meio po-licial por diversas de-nncias referentes trfico de drogas, con-fessou a propriedadedos materiais e foi pre-so em flagrante delito.Os materiais encontra-dos foram apreendidose conduzidos, junta-mente com o autor, Delegacia de PolciaCivil, onde o Delegadoratificou o flagrante.Vereador sugere desconto no IPTU para quem adotar animais abandonadosBuscando alternati-vas para minimizar osproblemas enfrentadospela quantidade excessi-va de animais que se en-contram abrigados noCanil Municipal, o vere-ador Srgio Takeishiapresentou uma indica-o na Cmara de Vargi-nha solicitando que aPrefeitura conceda des-conto no IPTU Impos-to Predial e TerritorialUrbano de muncipesque adotarem esses cesque esto no local. Sabe-mos que a Prefeitura re-aliza um bom trabalho noCanil Municipal, masmesmo assim enfrentadificuldades para abrigartodos os animais de ruade nossa cidade. A lota-o est longe de ser aideal e isso faz com queos ces vivam em um am-biente superlotado, porisso acredito que seriauma boa iniciativa incen-tivar, por meio de con-cesso de desconto noIPTU, a adoo respon-svel desses bichinhosque merecem ter umlar, explicou SrgioTakeishi.O vereador ainda ex-plicou que a alternativano causaria prejuzo aoscofres pblicos, vistoque seria reduzido o cus-to com a manuteno docanil. O Municpio temum gasto anual de cercade R$ 600 mil com o ca-nil. Eu acredito que essevalor pode ser minimiza-do caso ocorram maisadoes. Os descontos noIPTU no iro prejudicara arrecadao do Munic-pio, na verdade, eu acre-dito que com essa medi-da haver um lucro nocaixa da Prefeitura., co-menta Srgio.Para que a propostado vereador se concreti-ze, o Executivo precisacriar um Projeto de Leiprevendo esse desconto,pois essa iniciativa nopode partir do Poder Le-gislativo.De acordo com o ve-reador Srgio, os benef-cios sero mais do que fi-nanceiros. Precisamostambm ressaltar que es-tamos falando de umanova cultura ao incenti-var a adoo e tambm desegurana e sade pbli-ca, j que vamos reduziro nmero de animais pe-rambulando pelas ruas,conclui Srgio.08 | GAZETA DE VARGINHA 23 DE JULHO DE 2014REGIONALLei probe criao de galinhas narea urbana em MuzambinhoA Prefeitura domunicpio de Muzam-binho deu um prazo de90 dias para que mora-dores que criam gali-nhas na cidade paremcom a atividade. Umadeterminao queconsta no cdigo mu-nicipal de vigilncia emsade probe a criaoe engorda de aves eporcos no permetrourbano. A medida temgerado polmica na ci-dade.Segundo o fiscal daVigilncia Sanitria deMuzambinho HlioNeto, a lei foi regula-mentada em 2010. Omau cheiro e a prolife-rao de moscas nas casas vizinhas fizeram a populao nos questio-A clnica de reabili-tao de dependentesqumicos de Poos decaldas de onde seis me-nores foram resgatadospor homens armadosna semana passada vaiganhar reforo na se-gurana. Cmeras seroinstaladas e murosconstrudos no local.Dois dos seis adolescen-tes que fugiram, apenasum menor, de 13 anos,retornou ao centro. Osdemais esto no Pres-dio de Andradasaguardando transfe-rncia para algum cen-tro de menores.Os adolescentesque esto no presdiodevem ficar por pelomenos 45 dias na insti-tuio carcerria. J asvtimas que foram bale-adas durante a fuga dogrupo em Andradas,ainda esto hospitaliza-das. O comercianteHamilton Martins, quelevou um tiro na boca,permanece na UTI daUnimed em Poos deCaldas. J o funcion-rio pblico Antenor Di-nar e colocamos em vi-Clnica de onde menores foram resgatados ir aumentar seguranagor a lei. Demos umprazo de 90 dias paraque os criadores pos-sam tomar providnci-as e no ter perdas paraeliminar esses animaisda zona urbana, expli-ca.O aposentado Jairde Assis Dias criava ga-los e galinhas desdequando morava naroa. Quando se mu-dou para a cidade, asaves foram junto. Maisque uma tradio, eleconta que os bichosmantm o terreno lim-po e ainda comem for-migas e escorpies. Osfiscais da dengue sem-pre aparecem aqui emcasa e nunca acharamnada na minha hortapor causa das galinhas,afirma.Dona Vilma de F-tima Ribeiro pensio-nista e cria aves paracomplementar a rendada famlia. Ela j ven-deu parte dos animaisque tinha no terreiroassim que ficou saben-do da lei. No acheibom porque uma ren-da que ajuda a genten?, lamenta.PrazoO prazo para a reti-rada das aves terminano dia 16 de outubro.Quem desobedecer a leina cidade poder sermultado.ogo Barbosa, que foiatingido no peito, estem estado grave naUTI da Santa Casa deSo Joo da Boa Vista(SP).O diretor da insti-tuio, Aleandro Ricar-do da Cruz, disse quedesconhecia a informa-o passada pela PolciaCivil na semana passa-da, de que os adolescen-tes so perigosos e quetinham vrias passa-gens pela polcia. Elestambm pertenceriam auma gangue da cidadede Passos."Eu como diretorno tinha essa informa-o que alguns pacien-tes j tinham fichas cri-minais, at com homi-cdio qualificado", ale-ga.Ainda conforme apolcia, nenhum dosnove envolvidos assu-miu a autoria dos dis-paros. Todos tm pas-sagens pela polcia.Conforme a polcia, oresgate dos adolescen-tes, que tm entre 14 e17 anos, foi organizadapor dois rapazes de 18anos e um outro ado-lescente, de 17. Os doissuspeitos maiores deidade vo responderpor tentativa de homi-cdio e formao dequadrilha.Resgate e vtimasbaleadasOs seis adolescen-tes foram retirados daclnica de reabilitaoque fica no bairro SoConrado na noite dequinta-feira (17). Se-gundo a Polcia Militar,trs pessoas, dois adul-tos e um menor, chega-ram armados ao local eanunciou que estavaml para 'resgatar' os me-nores. Ainda conformea polcia, aps o resga-te, os adolescentes fu-giram para Andradas epor volta de 6h de sex-ta-feira (18), balearamdois moradores emuma tentativa de furto.Todos foram detidospouco depois e levadospara a sede da PolciaMilitar na cidade.O centro de reabili-tao em dependnciaqumica onde aconte-ceu o resgate fica nobairro So Conrado,prximo BR-146, en-tre Poos de Caldas eAndradas. No local, 130pessoas passam por tra-tamento no local, entreelas 14 adolescentes dePassos, onde o trficode drogas alcana umdos maiores ndices doSul de Minas. A unida-de possui internados deCmeras sero instaladas e muros construdos em Poosforma voluntria, invo-luntria ou compuls-ria. O tratamento, comdurao de 9 meses, in-clui reunies, dinmi-cas em grupo, acompa-nhamento mdico epsicolgico.Aps a Polcia Civildo municpio de Alfenasapreender quatro qui-los de maconha estam-pados com o desenho dosuper-heri "Hulk", foia vez da Polcia Militarda cidade fazer a apre-enso de 15 pinos de co-cana com a imagem dopersonagem Taz, da s-rie animada Taz-Ma-nia. A droga estava comum jovem de 18 anosque foi preso em fla-grante no ltimo sba-do (19).Segundo a PM,tambm foram apreen-didos com o rapaz 21pedras de crack, quatroPinos de cocana compersonagem 'Taz' soapreendidos em Alfenasbuchas de maconha eR$ 77 em dinheiro. Nodia 16 de junho, a PM deAlfenas tambm apre-endeu 200 cpsulas decocana que tinhamadesivos da bandeira doBrasil.EmpenhoO governo municipal parece estar empenhadona conquista do aeroporto de cargas para Varginha.Nos bastidores, dizem que este projeto um objetivoperseguido pelo prprio prefeito Antnio Silva. E asnegociaes para investimentos pblicos e privadosno aeroporto de Varginha esto em pleno andamen-to, apesar da torcida contra do deputado federalpetista que agora luta pra levar os recursos federaispara o aeroporto de Pouso Alegre e no o de Vargi-nha. Ainda assim, a expectativa que os voos comerci-ais voltem pra Varginha ainda este ano, bem comonovos investimentos para outra a ampliao do aero-porto municipal. Porm o Governo municipal pete-bista precisa ficar atento. A eleio agora para osdeputados, governo estadual e federal, no pru-dente fazer tantas promessas e criar tantas expectati-vas! Afinal o povo, quando recebe promessas, as querpara ontem, o que talvez no seja o caso das mudan-as que esto planejadas para o aeroporto de Vargi-nha.Isonomia!Os servidores pblicos municipais ficaram sur-presos com as informaes divulgadas pela Colunasobre o pagamento de aluguel para os mdicos no-meados em Varginha para atender o Programa MaisMdicos, do Governo Federal. Na verdade, segundoportaria federal e convnio assinado entre o munic-pio interessado em receber o Programa Mais Mdi-cos e a Unio, o governo federal paga o salrio domdico, algo em torno de R$12 mil, e o municpiogarante moradia, alimentao e gua potvel aosmdicos do programa. Alguns municpios, ao invsde pagar moradia e alimentao aos mdicos, estoconvertendo este benefcio em uma bolsa moradia/alimentao que paga em espcie aos profissio-nais. Muitos acreditam que a implantao do MaisMdicos em Varginha ser benfica para a comuni-dade. Mas, lado outro, a comparao da carga hor-ria, remunerao e, talvez eficincia, dos atuais m-dicos pblicos com os recm contratados pelo MaisMdicos ira expor uma chaga antiga da classe m-dica nacional: tem muito profissional ganhandomuito para trabalhar pouco!Odair Cunha: Fala muito!!A coluna ainda esta finalizando os nmeros parainformar os gordos gastos de telefonia do gabinetedo deputado federal Odair Cunha (PT). O que j sesabe que o parlamentar fala muito por conta dosnossos impostos. As salgadas contas telefnicas dogabinete de Odair Cunha (PT) so pagas com a cotapara atividade parlamentar, um recurso extra de suasexcelncias parlamentares bancada por ns contri-buintes, alm do polpudo salrio, para ajudar a mantero nosso caro Poder Legislativo nacional. Aps fecharos nmeros a coluna vai informar os leitores!Segurana pblica 01O Legislativo Federal (Cmara e Senado) apro-vou o Estatuto Geral das Guardas Municipais, novalei nacional que regulamenta as Guardas Municipais(GM), o texto foi para sano da presidente Dilma,que deve aprovar a matria sem mudanas, uma vezque o texto final fruto de acordo com a base gover-nista. A nova lei d maiores poderes as Guardas Mu-nicipais, dando direito a porte de armas, e atribuioRODRIGO SILVA FERNANDES advogado e articulis-ta poltico do Jornal Gazeta de Varginha as quartas esextas - e-mail: rodrigogazeta@bol.com.brFATOS E VERSESGAZETA DE VARGINHA | 0923 DE JULHO DE 2014as Guardas Municipais na proteo do patrimniopblico e privado, bem como a proteo popula-o, alm de permitir tambm sua atuao no trnsi-to. Com as mudanas que sero implementadas, asGuarda ter pleno poder de polcia, igualando-se aPolcia Militar dos Estados. Esta nova legislao vaiacabar com as disputas jurdicas e de vaidades queexistiam entre as GM e a PM em Minas. Varginha um destes casos de vaidade ferida, quando a PMagiu para conseguir a liminar do MP para impedirque a GM de Varginha atuasse no trnsito. Por sorte,tal liminar j perdeu o efeito e o sentido com a novalegislao. Porm um novo obstculo existe para ple-na atuao da GM na cidade. O Executivo municipalenviou projeto de Lei para a Cmara a fim de criar 30cargos de Agente de Trnsito. Por alguma razo des-conhecida, essa administrao municipal no tem in-teresse de colocar a GM atuando no trnsito, emboraa nova legislao permita tal ao. Vejam que, caso secrie 30 agentes de trnsito, isso ser suficiente ape-nas no 1 ano quando no exigido frias, despensasmdicas, etc. Depois esse efetivo pequeno para ro-dar turno de 24 horas, com 3 equipes na cidade. Pa-rece que o Executivo tem apenas o interesse arreca-datrio, pois com tal efetivo de 30 agentes de trnsi-to, apenas a rea azul seria fiscalizada, trazendo re-torno financeiro aos cofres pblicos e deixando osbairros sem fiscalizao. Enquanto que se a GuardaMunicipal voltasse ao trnsito, seu efetivo maiorque 30 homens, dando maior cobertura em toda acidade. Alm de maior abrangncia aos trabalhos,pois, o Guarda Municipal pode atuar tambm na Se-gurana Pblica e no apenas no trnsito.Segurana Pblica 02Com as mudanas aprovadas na lei que regula-menta as Guardas Municipais em todo o Brasil, hampla vantagem em se aproveitar todas as atribui-es da GM, que uma fora de segurana munici-pal j criada e estruturada em Varginha, do que de-pender apenas da PM ou se criar uma nova estrutu-ra administrativa como os Agentes de Trnsito, quevo onerar os cofres pblicos. Ademais, vejam outrosmotivos para se ter a Guarda Municipal Civil atuan-do tambm no trnsito:1- Quando voc escalar um guarda civil na es-cola, ele controla o trnsito e se torna um policial queprotege as pessoas, alunos, profissionais, ele maiscompleto. Um agente de trnsito apenas tem poderde policia de trnsito e se o mesmo tiver outra ocor-rncia dever acionar um GM ou PM.2- Quando um guarda municipal depara comuma ocorrncia de trnsito ele autua, orienta, remo-ve o veiculo e faz o boletim de ocorrncia, j o agentede trnsito se remover ter que chamar um militarno local para auxiliar.3- Caso um condutor ou pessoa desacata umguarda ele autua e prende em flagrante delito e con-duz o acusado a autoridade policial que o delega-do, j o agente ter que pedir apoio a um Militar ou aum guarda civil municipal.4- Guarda civil tem mobilidade 24 horas nacidade e com supremacia de fora, j o agente sem-pre ter que ter apoio de uma fora de seguranapblica.5- Todo efetivo da Guarda Municipal, ao fazerpoliciamento pela cidade e nas praas poderia tam-bm fiscalizar o trnsito at mesmo em bairros afas-tados.Fica evidente que, com a nova lei, em todo Bra-sil as guardas esto sendo usadas em sua plenitudede atribuies como em BH e RJ entre outras cida-des, sem a dependncia, mas com a soma de outrasforas de segurana. No utilizar a GM de Varginhaem sua plenitude de atribuies seria mais que umdesperdcio de recursos pblicos, mas um gesto deineficincia administrativa. Pois em cidades como La-vras, Trs Coraes, Passos, Poos de Caldas etc, osconflitos e inseguranas jurdicas que existiam antesda nova legislao, levou os governos municipais aoenfraquecimento das GMs e/ou criao de agentesde trnsito, quando na verdade, o certo agora ser ocaminho inverso!Filho adotivo, tratado com carinho!O governo municipal do PTB, aliado de pri-meira hora dos Aecistas que controlam o Governo deMinas ha 12 anos no podem reclamar do GovernoFederal petista como fazem dentro e fora dos palan-ques. Nestes quase dois anos de gesto do prefeitoAntnio Silva (PTB), o governo federal investiu bemmais em Varginha do que os tucanos do Governo deMinas que se dizem aliados de Antnio Silva e seupadrinho poltico Dilzon Melo (PTB). Prova dissoso os muitos convnios e recursos diretos do gover-no federal encaminhados a Varginha. Nesta semanaque passou a Prefeitura de Varginha iniciou os tra-balhos de preparao do terreno (terraplanagem)onde ser construdo o CIE Centro de Iniciao aoEsporte, que faz parte do programa de infraestrutu-ra esportiva do Plano de Acelerao do Crescimento PAC 2. Localizado na Avenida Zoroastro FrancoCarvalho, aos fundos do Jornal Gazeta, o terreno darespao ao CIE, um ginsio poliesportivo com es-trutura para receber at 13 modalidades olmpicas(atletismo, basquete, boxe, handebol, jud, lutas, t-nis de mesa, taekwondo, vlei, esgrima, ginstica rt-mica, badminton e levantamento de peso), seis para-olmpicas (esgrima de cadeira de rodas, jud, halte-rofilismo, tnis de mesa, vlei sentado e goalball) euma no-olmpica (futsal). A assinatura do contratoda ordem de R$ 3 milhes entre a Prefeitura e a Cai-xa Econmica federal aconteceu em 16 de junho. Comisso Varginha se colocou entre as 263 cidades brasi-leiras que foram contempladas com o Centro de Ini-ciao ao Esporte (CIE). Em que pese a prosa fiadado deputado falador Odair Cunha (PT), que j nodestina recursos para Varginha como gosta de falar,os recursos do CIE chegam a Varginha por esforodo ex-secretrio executivo do Ministrio do Espor-tes, que do PC do B (mesmo partido do ministro doEsportes) e do deputado federal Dimas Fabiano (PP),que tem articulado junto aos ministrios para conse-guir recursos para a cidade.S depois das eleiesO ex-senador Clsio Andrade deve passar umms no exterior tratando da necrose nos ossos. E navolta do Brasil, pretende ficar uns dois meses demolho, at a superao total da doena. Ou seja, svai estar recuperado quando a eleio tiver acabado.Tudo indica que Clsio continua muito bem comAcio. Ao renunciar ao seu mandato em funo dadoena, ele abriu caminho para a posse do tucanoAntnio Aureliano, filho de Aureliano Chaves, pol-tico decisivo na eleio de Tancredo Neves em 1984.E deu de bandeja para o PSDB mais uma cadeira noSenado.OAB/MG 81667Delfim Moreira, 258,sala 201- CentroVarginha -MGTel: 3222 2851OAB/MG 81424Rua Argentina, 535Vila PintoTel: 3222-4801gustavo@chalfun.com.brDr. Gustavo ChalfunMande sua pergunta para gazetadevarginha@gmail.comOAB/MG 106.276Rua Dona Margarida, n 48,Bairro Vila Pinto,Tel: (35) 3222-1049Dr. GustavoPinto Biscarogustavopbiscaro@gmail.comOAB/MG 65099Av Salum Assad. David,70 - Santa LuizaTel: ( 35) 3214-5051Dr. PatrciaBregalda Limapatriciabregalda@varginha.com.brOAB/ MG 84.17620 Sub-SeoRua Maria Benedita,63 -sala 106 - Vila Pinto3223-5362/9988-3485Dr. VicenteLima Lordovicentelloredo@yahoo.com.brDr. Daniel Pivadapiva@ig.com.br10 | GAZETA DE VARGINHASAIBA SEUS DIREITOSAgendamento eletrnico para retirada de processoscontribui para racionalizar servio jurisdicional no STFDiariamente, aProcuradoria Geral doEstado do Rio de Ja-neiro (PGE/RJ) levaprocessos que trami-tam no STF para a suasede local. Quandoseus prepostos che-gam ao Supremo, osautos j os aguardamna Seo de Atendi-mento Presencial(SAP), e a retirada, en-to, se efetua de for-ma instantnea, semfilas. Isso porque aPGE/RJ usuria ha-bitual do servio de"Carga Programada",um sistema de acessoaos autos com datadefinida, conforme anecessidade de advo-gados, partes e inte-ressados.Alm da carga pro-priamente dita, tam-bm possvel agen-dar a vista dos proces-sos no balco ou fazercpias reprogrficas,bastando, para isso,preencher o formul-Agenda da OAB Varginha para o ms de Julho* Dia 23/07/2014 - Dia da Valorizao da Sade do Advogado, nas dependnciasda Justia do Trabalho, de 12 s 17 horas* Dia 26/07/2014 - Realizao de Festa Julina (26/07)* Dia 30/07/2014 - Aula Inaugural Comisso OAB Jovem na FADIVA Noturno;rio online, solicitan-do um processo dis-ponvel, e atender aosrequisitos estabeleci-dos em lei. Dessemodo, o sistema pro-porciona vantagensao usurio, que oti-miza a sua rotina detrabalho e evita con-tratempos, alm deimprimir celeridade econfiabilidade ao ser-vio prestado peloSupremo.No dia 10 deagosto, o Carga Pro-gramada do STFcompletar quatroanos de funciona-mento, representan-do 64% desses pedi-dos de carga, cpiaou vista dos autosatendidos na SAP.Em 2013, ano de mai-or demanda, foram3.102 registros. Onmero de movi-mentaes nos pro-cessos, no entanto,vem diminuindo, emrazo do maior volu-me de processos ele-trnicos, que repre-senta hoje mais dametade da demandado STF. Vale lembrarque os agendamentosse do exclusivamen-te com os processosfsicos, cujos autos es-tejam no Supremo,excludos os arquiva-dos.Sem o servio deCarga Programada, ousurio tem queaguardar 15 minutos,no mnimo, isso se oprocesso estiver dis-ponvel. Se estiver forado Tribunal ou empoder de ministro, porexemplo, o advogadono poder ser aten-dido no momento dademanda feita pesso-almente.SucessoO xito do CargaProgramada confir-mado por aqueles queatuam diretamentecom o sistema, sejaservidor do STF ouusurio externo. Coma programao, o Tri-bunal tem, de ante-mo, o desenho dofluxo do servio, pos-sibilitando equipe sepreparar para prest-lo, diz Inaldo Siquei-ra, chefe da Seo deAtendimento NoPresencial.Roberta Gomes,assessora processualda PGE/RJ, declara:Sabemos que quandochegarmos ao Supre-mo tudo dar certo,facilitando o servioexterno da procura-doria, diz a assesso-ra, que destaca tam-bm a celeridade e afacilidade de acesso aosistema. A PGE/RJ atualmente o usuriocom o maior nmerode solicitaes, umamdia de quatro pordia. H casos, no en-tanto, em que o pro-cesso pode estar in-disponvel. Quandoisso acontece, o soli-citante informadopor e-mail at as 18hdo dia anterior aocomparecimento. Oprazo para o solici-tante ficar com os au-tos segue as regrasprocessuais, estabele-cidas em lei. Quemno optar pelo agen-damento, ainda poderecorrer carga con-vencional.A anlise quanto possibilidade decarga, vista ou cpiados processos dacompetncia dequem est com aguarda dos autos,como um gabineteou secretaria. O sitedo Supremo tem umquadro com explica-es sobre o servio,para que a pessoa co-nhea melhor o fun-cionamento antes depreencher o formu-lrio.Para quem preci-sa checar processosno Tribunal com fre-quncia, o agenda-mento deixou a tare-fa bem mais simples.O advogado Andrei-ve Ribeiro de Sousaprecisava vir ao STFcerca de trs vezespor semana, quandofazia uso da cargaconvencional. Agora,pode programar-semelhor. Quando vi-nha ao Tribunal so-licitar algum proces-so, no tinha certezade que conseguiriater acesso, conta.Hoje o advogados comparece depoisde fazer o agenda-mento: quando no possvel fazer car-ga, eles avisam por e-mail na vspera. Issoevita uma viagemperdida. Andreivelista ainda outra van-tagem: se no diamarcado eu no pu-der comparecer,peo a um estagiriocadastrado que faaas cpias ou a pr-pria carga.23 DE JULHO DE 2014SADEGAZETA DE VARGINHA | 11Desde a adoodos Objetivos de De-senvolvimento do Mi-lnio, em 2000, asmortes por HIV/Aidse tuberculose no Bra-sil caram a taxas mai-ores do que a mdiaglobal, indica um es-tudo divulgado nestatera-feira (22).Alm disso, o n-mero de anos de vidasalvos graas ao aces-so a tratamento e pre-veno ficou acima doregistrado em pasesem desenvolvimento,segundo a pesquisa.De acordo com orelatrio, publicado narevista cientfica "TheLancet" e divulgadona Conferncia Inter-nacional sobre Aids,que ocorre em Mel-bourne, na Austrlia,as mortes em decorr-Mais de 700 mi-lhes de mulheres nomundo se casaramquando ainda eramcrianas, denunciounesta tera-feira (22)a Unicef, que organi-za em Londres umaconferncia sobre aluta contra os casa-mentos forados e amutilao genital fe-minina.A conferncia, in-titulada "Girl Summit2014", co-organiza-da pelo primeiro-ministro britnico,David Cameron, e aprimeira deste tipo,segundo o Fundodas Naes Unidaspara a Infncia, aUnicef.Seu objetivo conseguir apoios emtodo o mundo paracolocar fim aos casa-mentos forados e ablao de clitris,Mais de 700 milhes de mulheresse casaram na infncia, diz UnicefTratamento de HIV/Aids no Brasil salvamais que mdia global, diz estudorncia do HIV noBrasil caram a umataxa anual de 2,3%entre 2000 e 2013,maior do que os 1,5%registrados global-mente.Nos casos de mor-tes por tuberculose, ataxa anual de quedafoi de 4,5% desde2000, acima da m-dia global de 3,7%.No clculo dosanos de vida salvosgraas ao acesso a te-rapia antirretroviral,programas para pre-venir a transmissodo HIV de me parafilho e a promoo douso de camisinhas, oBrasil atinge um n-dice de 0,37, em umaescala que vai de0,07, para pases empior situao, at0,49, em pases mui-to ricos."O desempenhodo Brasil est acimado registrado em ou-tros pases em desen-volvimento, que foi de0,28 a 0,35", disse BBC Brasil um doscoautores do estudo,Paulo Lotufo, profes-sor da Faculdade deMedicina da USP e di-retor do Centro dePesquisa Clnica doHospital Universitrioda USP.De acordo com oestudo, entre 1990 e2003, mais de 230 milanos de vida foramsalvos no Brasil graasao acesso prevenoe tratamento. De 2004a 2008, foram mais de450 mil anos. E de2009 a 2013, quase682 mil anos.Em todo o mun-do, foram 20 milhesde anos de vida salvosdesde 1990, mas o au-tor principal do estu-do, Christopher Mur-ray, alerta que a quali-dade dos programasde tratamento e pre-veno do HIV/Aidsainda tem grandes va-riaes de acordo coma regio do planeta ediz que ainda h mui-to a ser feito paraavanar no combate doena.O estudo foi con-duzido por um grupointernacional de cien-tistas e coordenadopelo Institute for He-alth Metrics and Eva-Programa ajuda Hemocentro de Brasliaa manter estoques de sangueUm aplicativousado pelo Hemo-centro de Brasliatem ajudado a insti-tuio no combateaos baixos estoquesde sangue, cena co-mum nos hemocen-tros do pas. O DoeSangue alerta osusurios do progra-ma sobre quandoeles esto aptos a fa-zer uma nova doa-o. Doadores em vi-agem so informa-dos sobre os esto-ques dos hemocen-tros na regio ondeeles se encontram,por exemplo. O pro-grama ainda colabo-ra para derrubar mi-tos, como om quediz que doar com re-gularidade afina osangue ou vicia.O analista de sis-temas Jnior Alma-da aprovou o siste-ma. A gente viu quetem gente de vrioslugares do Brasil eat de fora que baixa-ram. Ento voc vque tem gente que-rendo esse tipo deferramenta e temgente que quer doare gostaria de ter es-ses mecanismos maisfceis para se comu-nicar e saber que umdeterminado hemo-centro tem a necessi-dade de doao.O Hemocentrode Braslia tambmelogia o programa.A receptividade temsido muito grande,para a nossa felicida-de, porque a deman-da dos pacientesaqui do DF por san-gue tem aumentadocada vez mais e temsido um desafio parans da captao e dohemocentro conse-guir manter o nme-ro de doadores al-tura, informou ainstituio.que atinge mais de130 milhes de mu-lheres e meninas nos29 pases da frica edo Oriente Mdioonde sua prtica mais frequente, se-gundo a Unicef.A cpula redigiruma "Carta Internaci-onal" pedindo o fimdestas prticas e no-vos programas paraprevenir os casamen-tos forados e de me-ninas em 12 pases emdesenvolvimento.Entre os partici-pantes da confernciase encontra o pai deMalala Yousafzai, amenina paquistanesaque sobreviveu a umataque dos talibs e seconverteu em mili-tante a favor do aces-so das meninas a es-colas.Segundo novosdados da agncia daONU, entre as 700milhes de mulheresvtimas de casamen-tos forados, mais deum tero (250 mi-lhes) tinham menosde 15 anos quando secasaram.Sobre as mutila-es genitais, pratica-das especialmente em29 pases da frica edo Oriente Mdio, aUnicef aponta umamelhora da situao,afirmando que o riscopara uma adolescentesofrer mutilao geni-tal diminuiu um ter-o em 30 anos.luation (IHME) daUniversidade de Wa-shington, nos EUA.Com a anlise do Glo-bal Burden of Disease2013 (Carga Global deDoenas) possvelverificar a incidncia emortalidade por HIV,tuberculose e malriaem 188 pases de 1990a 2013.Segundo os pes-quisadores, o ritmo dodeclnio global no n-mero de mortes e in-feces das trs doen-as passou a ser maisforte a partir de 2000,com a adoo dos Ob-jetivos do Milnio porgovernos ao redor domundo. O objetivonmero 6 combatera propagao dessasdoenas e garantiracesso universal aotratamento.23 DE JULHO DE 2014Em todo o mundo, foram 20 milhes de anos de vida salvos desde 1990Volta, minha alma, ao teu sossego, pois o SENHORtem sido generoso para contigo."(Salmo 116:7)Assistncia religiosa em hospitaisvira lei em algumas cidades de SP12 | GAZETA DE VARGINHAEVANGLICADepois de seraprovado pela Cma-ra de Piracicaba (in-terior de So Paulo),o projeto de lei foisancionado pelo pre-feito Gabriel Ferrato(PSDB) e passa a au-torizar assistnciareligiosa nos hospi-tais, asilos e abrigospara idosos da cida-de.Com a lei, de au-toria dos vereadoresevanglicos PauloCampos (Pros) e LuizCarlos Arruda (PV),os pacientes de insti-tuies pblicas e pri-vadas que solicitaremapoio religioso pode-ro receber padres,pastores e outros l-deres espirituais.Ao justificar a lei,Campos afirmou quemuitos religiosos es-tavam sendo impedi-dos de entrarem noshospitais para visitarfiis. Fao reuniescom frequncia comlderes de vrias reli-gies que me alerta-ram que muitos queA heranaNada se compara aoque o Senhor fez por nsna obra de salvao, aqual exigiu a morte doSeu Filho em nosso lu-gar. Estvamos l, fomoscrucificados com Jesus,morremos e fomos se-pultados com o Senhor.Quando Deus O vivifi-cou, tambm fomos vi-vificados e ressuscita-mos com Ele (Cl 2.13).Por isso, quem O rece-beu como Salvador con-segue a justificao detodos os pecados.O decreto do Altssi-mo garante que seremosabenoados com a obrados mais laboriosos daTerra. Perceba que issofoi prometido 700 anosantes de Cristo nascer.Ento, hoje, o cristo nopode continuar na mis-ria e em qualquer sofri-mento. A obra da nossarecriao foi mais per-feita do que a da criao.Nesta, ao sermos feitosdo barro, recebemos oflego de Deus. Ao acei-tarmos Jesus, fomos re-criados nEle; logo, te-mos parte dEle em ns.Os egpcios eramcapazes de concretizarobras maravilhosas, poistinham dons que os de-mais no possuam; ago-ra, segundo o texto bbli-co, eles so trazidos paranos ajudar. A verdade que os salvos se tornarolderes incontestes. Essapromessa sua, para quevoc clame e espere ocumprimento dela. Assim, o que fizerser bem elaborado eadmirado por todos;com isso, o Senhor serlouvado com o que lheacontecer. tempo decrer e realizar aquilo queEle tem determinadopara sua vida.Do mesmo modo, osetopes, peritos em ne-gcios, iro se juntar ans para serem nossosajudadores. H, ainda, apromessa dos sabeus,homens de grande esta-tura, que nos fazem re-fletir sobre os nobres,estimados entre todos,os quais se tornaro nos-sos auxiliares. Creia empromessas como essas eas reivindique, a fim deque o Todo-poderoso astorne reais. Procure doAltssimo o entendimen-to que Ele almeja lhe dara esse respeito. importante que agraa divina atue em seuinterior, pois, assim, aspessoas que a virem emsua vida sentiro o dese-jo de se juntar a voc eajud-lo a servir ao Se-nhor. Voc no foi cha-mado para ser um para-sita na f, algum quenunca melhora, no curado, no prosperanem se santifica e, porisso, d um pssimo tes-temunho do que signifi-ca ter f em Deus. Pelocontrrio: voc pode edeve ser uma bnopara todos.Nenhum desses po-vos mencionados noversculo, por melhoresque sejam, tm de serexemplos para os servosde Deus.Os salvos que pre-cisam assumir seu lugarem Cristo e mostrar queter nascido de novo foiimportante, a fim de au-xiliar outros irmos aconquistarem o que oAltssimo lhes deu. En-tenda que o seu teste-munho impactar os queviro e se colocaro di-ante de voc, enviadospelo Senhor.Eles nos serviro emamor, pois o Pai os amar-rar com grilhes de Suamisericrdia que jamaissero quebrados.Para se tornar ven-cedor, o cristo precisaapropriar-se do que a suaf em Cristo lhe diz. Quando fizer isso,aqueles apontados peloAltssimo reconheceroque Ele est com voc.E esta a confian-a que temos para comele: que, se pedirmosalguma coisa segundoa sua vontade, ele nosouve.Devemos andarconfiantes em todas asreas. A orao umadas formas que pode-mos mostrar que nossaconfiana est em Deus.Se orarmos em vez depreocupar e tentar re-solver as coisas por nsmesmos, estaremos di-zendo por nossa atitudeo seguinte: Senhor,confio em Ti nesta situ-ao. Creio que muitosoram e depois ficampensando se Deus osouviu. Ficamos pensan-do se oramos apropria-damente e se o tempofoi o bastante. Ficamospensando se usamos asfrases certas, se oramosbaseado na Palavra, etc.No podemos orar deiam orar com os en-fermos estavam sen-do barrados nos hos-pitais, disse ele ao G1.Mesmo sendoevanglico, o verea-dor resolveu incluirno projeto represen-tantes de todas as re-ligies, sem privilegi-ar nenhuma. Em ge-ral as famlias do en-No temas Deus esta te escutando o tempo todofermo pedem a pre-sena do sacerdote,para orar pela melho-ra da pessoa, confor-t-la em um momen-to de aflio.Uma lei federal jgarante o atendimen-to religioso em hospi-tais, abrigos para ido-sos e asilos, mas emPiracicaba a lei noforma apropriada se es-tivermos com dvida eincredulidade. Temosque orar com f.Deus tem me enco-rajado a perceber que af simples na orao re-solve o problema. Nopreciso ficar repetindoas coisas vez aps a ou-tra. Ele me escuta naprimeira vez que oro.No preciso ficar compalavras bonitas. Possosimplesmente ser eumesma e saber que Eleme ouve e entende.Deveramos sim-plesmente apresentarnossos pedidos a Deuse confiar que Ele nosouviu e vai nos respon-der na hora certa.Tenha confianaem suas oraes. Creiaque Deus ouve at mes-mo as oraes simplese infantis quando estasvm de um corao sin-cero.estava sendo cumpri-da. A lei municipalamplia esse atendi-mento at para doen-tes que estejam emunidades prisionaiscomo cadeias e dele-gacias. A permissomunicipal, porm,no vale para os locaisque sejam de admi-nistrao estadual.23 DE JULHO DE 2014GAZETA DE VARGINHA | 1323 DE JULHO DE 2014BRASILGoverno libera mais de R$ 11 milhes paraaes de defesa civil no Rio Grande do SulO governo federal au-torizou nesta tera-feira(22) o repasse de R$11.104.076 para execuode aes de defesa civil noRio Grande do Sul, emresposta s fortes chuvase inundaes que atingi-ram o estado no ltimoms e deixaram quase 22mil pessoas desalojadas edesabrigadas.A portaria da Secreta-ria Nacional de Proteo eDefesa Civil do Ministrioda Integrao Nacional foipublicada no Dirio Ofici-al da Unio e determinaque os recursos sejam em-penhados em at 180 dias.O ltimo relatrio di-vulgado pela Defesa Civildo estado informa que2.392 pessoas continuamdesalojadas, em casas deamigos, e 532 esto emabrigos pblicos, em todoo estado. Os municpios daregio oeste do estado,como Itaqui, So Borja eUruguaiana, ainda apre-sentam a situao maispreocupante, com 2.770pessoas desabrigadas edesalojadas.Para essa regio, se-gundo o governo do esta-do, o Consulado da Alema-nha em Porto Alegre en-tregou R$ 100 mil em do-aes de itens Defesa Ci-vil. So 250 colches, 350travesseiros, 750 coberto-res e 538 cestas bsicasque sero enviados para asvtimas das cheias do RioUruguai e seus afluentes.No total, 169 munic-pios foram afetados, 139esto em situao de emer-gncia e dois decretaramcalamidade pblica: Ira eBarra do Guarita. Duaspessoas morreram e umajovem continua desapare-cida em Arroio do Tigre.O governo do estadoj disponibilizou R$ 9 mi-lhes via Defesa Civil eSecretaria de Sade paraaes emergenciais nosmunicpios atingidos, se-gundo o prprio executi-vo estadual. No ltimo s-bado (19), a presidentaDilma Rousseff sobre-voou as reas afetadas econfirmou o repasse demais R$ 40 milhes paraassistncia social e reparosna infraestrutura, comoestradas e reconstruo deresidncias, alm de re-cursos para construo denovas moradias pelo Pro-grama Minha Casa, MinhaVida.SERVIO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DEELI MENDES-MG-SAAE-ELI MENDESEXTRATO DO 5 ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTA-O DE SERVIOS N 002/09, firmado em 02/01/09, nos termos da Lei 8.666/93.Contratante: SERVIO AUTNOMO DE GUA E ESGOTO doMunicpio de Eli Mendes e CONTRATADO: RONEY LUIZ, SUE-LI DE ABREU E ADVOGADOS ASSOCIADOS: Prorrogao davigncia por mais 12(doze) meses, iniciando-se em 02/01/2014 a 31/12/2014. FORMA DE PAGAMENTO: Mensal- VA-LOR: R$ 660,00 ( Seiscentos e sessenta reais )DOTAOORAMENTRIA: 7.512.0052.3390.39.00-DATA DA ASSINA-TURA DO ADITIVO AO CONTRATO: 31/12/2013(A) JOS MAU-RCIO DOS REIS- DIRETOR DO SAAESERVIO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DEELI MENDES-MG-SAAE-ELI MENDESEXTRATO DO CONTRATO 002/14 PREGO PRESENCIAL, fir-mado em 04/02/14, nos termos da Lei 10.520/2002.Contratante: SERVIO AUTNOMO DE GUA E ESGOTO doMunicpio de Eli Mendes e CONTRATADO: DIRETRIZ INFOR-MTICA EIRELLI. vigncia : iniciando-se em 04/02/2014 a 31/12/2014. FORMA DE PAGAMENTO: Mensal- VALOR TOTAL::R$ 36.156,00 ( Trinta e seis mil, cento e c9inquenta e seis reais)DOTAO ORAMENTRIA: 17.512.0052.3390.39.00-DATADA ASSINATURA DO CONTRATO:04/02/14 JOS MAURCIODOS REIS- DIRETOR DO SAAESERVIO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DE ELI MENDES-MG-SAAE-ELI MENDESEXTRATO DO 6 ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTA-O DE SERVIOS N 015/08, firmado em 05/05/08, nos termos da Lei 8.666/93.Contratante: SERVIO AUTNOMO DE GUA E ESGOTO doMunicpio de Eli Mendes e CONTRATADO: MARLY ROSAN-GELA SEBASTIAO ARAUJO. Prorrogao da vigncia por mais12(doze) meses, iniciando-se em 02/01/2014 a 31/12/2014.FORMA DE PAGAMENTO: Mensal- VALOR: R$ 1.980,00 ( Hummil, novecentos e oitenta reais )DOTAO ORAMENTRIA:17.512.0611.6.021.3390.39.00-DATA DA ASSINATURA DO ADI-TIVO AO CONTRATO:02/01/14 JOS MAURCIO DOS REIS- DIRETOR DO SAAESERVIO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DEELI MENDES-MG-SAAE-ELI MENDESEXTRATO DO 4 ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTA-O DE SERVIOS N 001/10, firmado em 04/01/10, nos termos da Lei 8.666/93.Contratante: SERVIO AUTNOMO DE GUA E ESGOTO doMunicpio de Eli Mendes e CONTRATADO:GESTCOM INFOR-MATICA LTDA. Prorrogao da vigncia por mais 12(doze)meses, iniciando-se em 02/01/2014 a 31/12/2014. FORMA DEPAGAMENTO: Mensal- VALOR: R$ 1.688,77 ( Hum mil, seis-centos e oitenta e oito reais e setenta e sete centavos )DOTA-O ORAMENTRIA: 17.512.0611.6.021.3390.39.00-DATADA ASSINATURA DO ADITIVO AO CONTRATO:02/01/14 JOS MAURCIO DOS REIS- DIRETOR DO SAAESERVIO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DEELI MENDES-MG-SAAE-ELI MENDESEXTRATO DO 4 ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTAODE SERVIOS N 002/10, firmado em 04/01/10, nos termos da Lei 8.666/93.Contratante: SERVIO AUTNOMO DE GUA E ESGOTO doMunicpio de Eli Mendes e CONTRATADO:INOVAO COMPU-TAO MOVEL LTDA. Prorrogao da vigncia por mais12(doze) meses, iniciando-se em 02/01/2014 a 31/12/2014. FOR-MA DE PAGAMENTO: Mensal- VALOR: R$ 724,51 ( Setecentose vinte e quatro reais e cinquenta e um centavos )DOTAOORAMENTRIA: 17.512.0611.6.021.3390.39.00-DATA DA AS-SINATURA DO ADITIVO AO CONTRATO:02/01/14 JOS MAURCIO DOS REIS- DIRETOR DO SAAESERVIO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DEELI MENDES-MG-SAAE-ELI MENDESEXTRATO DO 3 ADITAMENTO AO CONTRATO DE LOCAAODE MAO DE OBRA TEMPORARIA N 003/11, firmado em 16/05/11, nos termos da Lei 10.520/2002.Contratante: SERVIO AUTNOMO DE GUA E ESGOTO doMunicpio de Eli Mendes e CONTRATADO:PONTAL PRESTADO-RA DE SERVIOS LTDA. Prorrogao da vigncia por mais12(doze) meses, iniciando-se em 02/01/2014 a 31/12/2014. FOR-MA DE PAGAMENTO: Mensal- VALOR: R$ 8,70 ( Oito reais esetenta centavos hora/trabalho )DOTAO ORAMENTRIA:17.512.0611.6.021.3390.39.00-DATA DA ASSINATURA DO ADI-TIVO AO CONTRATO:02/01/14JOS MAURCIO DOS REIS- DIRETOR DO SAAEHOMOLOGAO DE PROCEDIMENTO LICITATORIO PARAFORNECIMENTO DE COMBUSTIVEIS.DATA DA HOMOLOGAO: 03/03/14. Ratifico nos termos doInciso II, letra a do artigo 23 da Lei 8.666/93 com suas posterio-res alteraes. MODALIDADE: CARTA CONVITE N 001/14. EX-TRATO DO CONTRATO DE FORNECIMENTO DE COMBUSTVEISN 002/14.CONTRATANTE: SAAE-SERVIO AUTNOMO DEAGUA E ESGOTO do Municpio de Eli Mendes e a CONTRATA-DA: JOSE DE PAULA CARVALHO. OBJETO: Fornecimento de7.000( Sete mil lts de gasolina comum, 3.000( Quatro mil) lts delcool hidratado e 5.500 ( cinco mil e quinhentos) lts de Diesel.PRAZO: 10 MESES, iniciando-se em 03/03/14 e encerrando-seem 31/12/2014.FORMA DE PAGAMENTO: Mensal mediante en-trega da Nota Fiscal: Valor R$ 3,12( Tres reais e doze centavos)o lt de gasolina, R$ 2,37 ( Dois reais e trinta e sete centavos ) olt de lcool hidratado e R$ 2,49 ( Dois reais e quarenta e novecentavos) o lt do Diesel. DOTAO ORAMENTRIA:17.512.0611.3390.30-00- DATA DA ASSINATURA DO CONTRA-TO: 03/03/2014 (a) JOS MAURCIO DOS REIS- DIRETOR DOSAAEHOMOLOGAO DE PROCEDIMENTO LICITATORIO PARAFORNECIMENTO DE HIDROMETROS.DATA DA HOMOLOGAO: 28/02/14. Ratifico nos termos doInciso II, letra a do artigo 23 da Lei 8.666/93 com suas posteri-ores alteraes. MODALIDADE: CARTA CONVITE N 002/14.EXTRATO DO CONTRATO DE FORNECIMENTO DE HIDRME-TROS N 002/14.CONTRATANTE: SAAE-SERVIO AUTNO-MO DE AGUA E ESGOTO do Municpio de Eli Mendes e aCONTRATADA: SAGA MEDIO LTDA. OBJETO: Fornecimen-to de 500 HIDRMETROS DE 3M3 X 1/2.FORMA DE PAGAMEN-TO: Mediante entrega da Nota Fiscal:. DOTAO ORAMEN-TRIA: 17.512.0611.5.004.4490.51.00- DATA DA ASSINATU-RA DO CONTRATO: 28/02/2014 JOS MAURCIO DOS REIS- DIRETOR DO SAAEHOMOLOGAO DE PROCEDIMENTO LICITATORIO PARASERVIOS DE RETROESCAVADEIRA.DATA DA HOMOLOGAO: 07/04/14. Ratifico nos termos doInciso II, letra a do artigo 23 da Lei 8.666/93 com suas posteri-ores alteraes. MODALIDADE: CARTA CONVITE N 003/14.EXTRATO DO CONTRATO DE SERVIOS DE RETROESCAVA-DEIRA N 005/14.CONTRATANTE: SAAE-SERVIO AUTNO-MO DE AGUA E ESGOTO do Municpio de Eli Mendes e aCONTRATADA: UNIO TERRAPLANAGEM LTDA. OBJETO:SERVIOS DE RETROESCAVADEIRA.FORMA DE PAGAMEN-TO: 05 dias aps entrega da Nota Fiscal:. DOTAO ORA-MENTRIA: 17.512.0611.6.016.3390.39.00- DATA DA ASSINA-TURA DO CONTRATO: 08/04/2014 JOS MAURCIO DOS REIS-DIRETOR DO SAAEHOMOLOGAO DE PROCEDIMENTO LICITATORIO PARAAQUISIO DE MATERIAL FILTRANTE.DATA DA HOMOLOGAO: 22/04/14. Ratifico nos termos doInciso II, letra a do artigo 23 da Lei 8.666/93 com suas posteri-ores alteraes. MODALIDADE: CARTA CONVITE N 005/14.EXTRATO DO CONTRATO DE AQUISIO DE MATERIAL FIL-TRANTE .CONTRATANTE: SAAE-SERVIO AUTNOMO DEAGUA E ESGOTO do Municpio de Eli Mendes e a CONTRATA-DA: ROLANDO COMERCIO DE AREIA OBJETO: AQUISIO DEMATERIAL FILTRANTE.VR: R$ 57.850,00 .FORMA DE PAGA-MENTO: 05 dias aps entrega da Nota Fiscal:. DOTAO OR-AMENTRIA: 17.512.0611.6.016.3390.30.00- DATA DA ASSI-NATURA DO CONTRATO: 22/04/2014 (a) JOS MAURCIO DOSREIS- DIRETOR DO SAAEHOMOLOGAO DE PROCEDIMENTO LICITATORIO PARAAQUISIO DE PRODUTOS QUIMICOSDATA DA HOMOLOGAO: 25/06/14. Ratifico nos termos doInciso II, letra a do artigo 23 da Lei 8.666/93 com suas posteri-ores alteraes. MODALIDADE: CARTA CONVITE N 009/14.EXTRATO DO CONTRATO DE AQUISIO DE PRODUTOS QUI-MICOS .CONTRATANTE: SAAE-SERVIO AUTNOMO DE AGUAE ESGOTO do Municpio de Eli Mendes e a CONTRATADA:BAUMINAS QUIMICA LTDA OBJETO: AQUISIO DE 3.000 KGDE ORTOPOLIFOSFATO A R$ 18,50 o KG E 40.000 KG SULFA-TO DE ALUMINIO GRANULADO ISENTO DE FERRO A R$0,89 OKG.VR: R$ 91.100,00, CONTRATO 008/14-GR QUIMICA LTDA2.500 KG DE CLORO A R$12,50 O KG NO VR. DE R$ 31.250,00-CONTRATO 009/14.FORMA DE PAGAMENTO: 05 dias apsentrega da Nota Fiscal:. DOTAO ORAMENTRIA:17.512.0611.6.016.3390.30.00- DATA DA ASSINATURA DOSCONTRATOS: 01/07/2014 JOS MAURCIO DOS REIS- DIRE-TOR DO SAAE14 | GAZETA DE VARGINHAINTERNACIONALRssia pressionar separatistas sobre investigao de vooO presidente rus-so, Vladimir Putin,afirmou nesta tera-feira (22) que Mos-cou far todo o pos-svel, incluindo usarsua influncia com osseparatistas, paraajudar na investiga-o sobre a queda doBoeing malaio noleste da Ucrnia.A Rssia fartudo o que estiver aoseu alcance para umainvestigao com-pleta, exaustiva, pro-funda e transparen-te, declarou Putin,citado pelas agnci-as russas, duranteuma reunio do Con-selho de Seguranarusso. Nos pedempara exercer pressosobre os rebeldes.Faremos, claro,tudo o que estiver aonosso alcance, repi-to, mas isso no bas-tar, acrescentou.O presidente rus-so criticou um ata-que com blindadosAtentado suicida mata 4 no Afeganisto, entre eles 3 estrangeirosUm atentado suici-da cometido nesta ter-a-feira (22) contra oDepartamento de Nar-cticos em Cabul, a ca-pital do Afeganisto,causou a morte de qua-tro pessoas, sendo trsestrangeiros e um tra-dutor afego, informou Agncia Efe uma fon-te policial."O ataque foi co-metido por um suicidaem uma motocicleta,que detonou as bombasque carregava em fren-te ao Departamento deNarcticos", disse afonte, que preferiumanter o anonimato.A nacionalidade dosestrangeiros no foi con-firmada.Outras seis pessoasficaram feridas no aten-tado, que ocorreu nocomeo da manh, queteve sua autoria reivindi-cada pelos talibs. "Ocombatente suicidaMaulvi Abid Kandaharirealizou o ataque. As in-formaes iniciais indi-cam que os estrangeirossofreram 15 baixas", es-creveu o porta-voz tali-b Zabihullah Mujahidatravs do Twitter.Os atentados suici-das so, junto com osartefatos explosivos im-provisados (IED, siglaem ingls), os mtodosmais recorrentes dos ta-libs para atacar as for-as afegs e internacio-nais, mas que acabamcausando, na prtica,um elevado nmero devtimas civis.O Afeganisto passapor um de seus perodosmais violentos depoisdas foras ucranianascontra Donetsk, aprincipal cidade daregio industrial deDonbas, reduto dosrebeldes. preciso pedirs autoridades ucra-nianas que respeitemas normas elementa-res de decncia e queapliquem um cessar-fogo, ainda que sejaapenas durante o pe-rodo da investiga-o, pediu Putin.O presidenteucraniano, Petro Po-roshenko, pediu nasegunda-feira quesuas foras interrom-pam suas operaesem um raio de 40 kmao redor do local doacidente do vooMH17, uma zona queno inclui Donetsk.Presso dos EUAO presidente dosEstados Unidos, Ba-rack Obama, exigiunesta segunda-feira(21) que os investiga-dores internacionaisque esto no local daqueda do voo MH17no leste da Ucrniatenham acesso total eirrestrito aos destro-os do avio, e pediuque a Rssia tomas-se providncias paraque os separatistaspr-Moscou permi-tam esse acesso.As equipes estono local preparadaspara investigar e re-cuperar os corpos,mas os separatistasapoiados pela Rssiacontinuam bloque-ando a investigao.Eles impediramacesso local, quandoas equipes se aproxi-mam eles dispararamarmas para o ar, es-to removendo evi-dncias do local. O que eles estotentando esconder?,questionou Obama.Esto retirando cor-pos do local, muitasvezes sem o cuidadoque as foras de segu-rana afegs se tornaramresponsveis pela segu-rana do pas no ano pas-sado, aps a retiradagradual da misso daOtan (Isaf), que serconcluda definitiva-mente no final de 2014.Alm disso, o pasasitico se encontra empleno processo eleitoralcom a apurao dos vo-tos das eleies presi-denciais aps as de-nncias de fraude,uma auditoria queadiou a posse do novochefe de Estado do Afe-ganisto.Apesar da retiradada Otan, os EstadosUnidos anunciaramque mantero cerca de9,8 mil soldados emterritrio afego at ofinal de 2016.que normalmente es-peramos. um insultopara quem perdeualgum.Obama ressaltouque a Rssia temuma grande influn-cia sobre os separa-tistas.Ningum negaisso, a Rssia os trei-nou, os armou comequipamentos mili-tares, muitos lderesrebeldes so cida-dos russos. Dada essa influ-ncia, a Rssia e opresidente Putin tmresponsabilidade di-reta de convenc-losa ajudar nas investi-gaes.O presidenteamericano ressaltouque Putin j se mos-trou favorvel a per-mitir o acesso totalao local da queda,mas disse que suaspalavras precisamser apoiadas poraes.23 DE JULHO DE 2014Autoridades de defesa de Israel confirmam que soldado est desaparecidoAs Forcas Arma-das de Israel confirma-ram nesta tera-feira(22) que um soldadoisraelense est desapa-recido na Faixa deGaza. As autoridades is-raelenses acreditam queo militar morreu. O sol-dado fazia parte de umgrupo de sete militarescujo veculo foi atacadoquando passava por She-jaiya, prximo Cidadede Gaza, no domingo.Seis dos militares forammortos, mas um delescontinua desaparecido esequer foi identificado.As Foras de Defesade Israel (IDF) disseramque esto trabalhandopara identific-lo. Desdeo reincio das tenses, hduas semanas, morre-ram quase 600 palesti-nos e 29 israelenses (sen-do 27 deles militares).No domingo (20), o gru-po militante Hamas co-memorou a captura deum soldado israelense.No entanto, Israel ne-gou que qualquer solda-do israelense tivesse sidocapturado.O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, pediu na segunda-feira que suas forasinterrompam suas operaes em um raio de 40 km ao redor do local do acidenteGAZETA DE VARGINHA | 1523 DE JULHO DE 2014STIO ENGRENAGEMALUGUEL PARA FESTAS E EVENTOSTratar com o advogadoVitor Comunian(35) 3221-3787 / 9989-7688Rua Delfim Moreira, 258 - CentroRESERVAS PARA O FINAL DE ANO. LIGUE J!16 | GAZETA DE VARGINHA 23 DE JULHO DE 2014ESPORTERenda de Boa x Bragantino serrevertida para entidade beneficenteValor arrecadado ser doado associao beneficente Levanta-te e Anda, de VarginhaO torcedor quecomparecer ao EstdioMunicipal de Varginhano dia 25 sexta-feira ,para acompanhar apartida entre Boa Es-porte e Bragantino, s21 horas (de Braslia),realizar tambm umaboa ao. Toda a rendaarrecadada ser rever-tida para a associaobeneficente Levanta-tee Anda, da cidade mi-neira que ser palco doduelo.Os ingressos j es-to venda e custam R$5 (R$ 2,50 a meia) paraarquibancada coberta eR$ 2 (R$ 1 a meia) paraarquibancada desco-berta. Caso adquira aentrada de maior valor,o torcedor trocar pordois quilos de alimen-tos no perecveis quesero doados entida-de. J o ingresso demenor custo garanteum quilo de alimento aser doado.Boa x Bragantino: renda do jogo ser revertida para entidade em VarginhaO Boa Esporte ven-ceu a segunda partidaseguida aps a volta daSrie B. OVila Nova-GO por 2 a 0 na tera-feira passada, e tam-bm o Nutico, por 3 a1, na noite do ultimosbado,Com as duas vitri-as, o Boa chegou a 14pontos e conseguiu seafastar um pouco dazona de rebaixamento.O time mineiro subiupara o 13 colocaoClube de Campo de Pouso Alegrevence torneio Interclubes de TnisA equipe de tnis doC.C.P.A- Clube de campoPouso Alegre, ficou como ttulo do torneio Inter-clubes de Tnis , promo-vido pela Sandy Eventosno ltimo final de semana( 19 e 20 de julho) nasquadras do UmuaramaClube em So Gonalo doSapuca , ao vencer na fi-nal , a equipe do Clubede Campo Umuarama deTrs Coraes por seisjogos a dois .Para chegar final, a equipe do Clubede Campo Pouso Alegre,derrotou nas semi-finaisa equipe da Academia WSanches de So Lourenopor cinco jogos a quatro,sendo decidido no jogo deduplas.Para chegar final, aequipe do Clube de Cam-po Umuarama de TrsCoraes, derrotou nassemi-finais a equipe daAcademia Academinas deAlfenas por cinco jogos atrsCada clube foi repre-sentado por oito tenistasem quatro categorias di-ferentes . A equipe cam-pe do clube de campoPouso Alegre, foi repre-sentada pelos tenistasTar, Iago, Andrei, Lean-dro, Jorjo, Otto, SamuelCharlante e DodinhaA equipe vice-cam-pe do clube de campoUmuarama de Trs Cora-es foi representada pe-los tenistas Lucaspereira,Felipe Ximenes,Marco Bitar, Igor Montei-ro, Assis, Pereira,JoseTitonel e Daniel Valado.Os clubes finalistasforam premiados comtrofus , e os tenistas fi-nalistas com medalhas.Construir para desenvolver!!!FBRICA DEBLOCOSLUCIANO Avenida dos Imigrantes, 4.425Vargem - Varginha - MGFone: 3223-8833 / 9971-0206Blocos - CanaletasAreias - BritasA Fbrica de Blocos Luciano tem atendido grandes obrasem Varginha e regio! Com qualidade e presteza tem feitocom que seus clientes se mantenham sempre satisfeitos.ANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014ANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014TV MARCA MITSUBISHI 20 POLEGADAS DE TUBO R$ 150,00.VENDE-SEINTERESSADOS FAVORENTRAREM CONTATOPELO TELEFONE35.3219-3333(HOTEL SLEEP INN)ENDEREO:Av. Princesa do Sul,3333 - Jardim Ander,Varginha - MGA Construtora Cherem Ltda, oferece vagas de emprego na rea da Construo Civil para Porta-dores de Necessidades Especiais para as seguintes funes: Pedreiro, Servente, Pintor, Carpin-teiro, Bombeiro.Os interessados entrar em contato no Tel.: 35-8417-6774 falar com Rosane , ou canteiro de obrassituado Rua Lidia Alvarenga de Carvalho, 515 Bairro: Dos Carvalhos Residencial NovoTempo Varginha/MG.VAGAS DE EMPREGOAgora em novo showroompara seu melhor conforto!Muitos modelos de:- Persianas (rol / painel / madeira / com controle remoto)- Papel de parede vinlico- Pisos laminados- Portas e janelas em vidro temperadoColocao especializadaAv. Plnio Salgado, 538 - Vila PintoTelefone: (35) 3221-5831www.divipiso.com/vendas@divipiso.comVVVVVenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visitenha nos fazer uma visita!a!a!a!a!ANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014Assine Jornal Gazeta de VarginhaANNCIOS www.jornalgazetadevarginha.com VARGINHA, JULHO DE 2014Av. So Jos, 317 - Sala 05 - Varginha - (35) 3221-5366NELSONRPRADOClnica de OtorrinolaringologiaR. Jos Cristiano do Prado, 254, Paraguau - (35) 3267-1911Telefone: (35) 3221-4668Email: gazetacomercial2@gmaill.com