Gazeta de Varginha - 01/03 a 06/03/2014

Download Gazeta de Varginha - 01/03 a 06/03/2014

Post on 31-Mar-2016

227 views

Category:

Documents

10 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edio 8.940

TRANSCRIPT

  • PGINA 02

    PONTOPONTOPONTOPONTOPONTO DEDEDEDEDE VISTVISTVISTVISTVISTAAAAA

    Gnesis 47

    Mx: 29 / Mn: 18

    Israel apresentado a Fara

    Nova operao da PF prende doispoliciais ligados ao jogo do bicho

    Dois policiais civis li-gados ao jogo do bicho naregio foram presos nes-ta quinta-feira (27) du-rante a Operao Ja-ckpot II. Um terceiro po-licial envolvido no esque-ma ainda no foi localiza-do. Ao todo, a Polcia Fe-deral cumpriu seis man-dados de priso em Var-ginha e Pouso Alegre. Aao um desmembra-mento da primeira opera-o realizada em novem-bro do ano passado e quedesarticulou uma quadri-lha ligada atividade noSul de Minas.

    10 dicaspara voccurtir um

    Carnaval emsegurana

    EDIO 8.940R$ 1, 00 VARGINHA, 01 A 06 DE MARO DE 2014

    DEUS FIEL

    Blocos e marchinhas so opespara famlias e turistas na regio

    LOCAL/PGINA 03

    LOCAL/PGINA 05

    Ao todo, foram cumpridos seis mandados de priso; um terceiro policial civil procuradoSegundo o delegado

    responsvel pela opera-o, Joo Carlos Girotto(foto)(foto)(foto)(foto)(foto), a ao foi realiza-da em conjunto com o Mi-nistrio Pblico Estadual,com a Receita Federal e aPolcia Rodoviria Fede-ral. Nesta segunda faseda investigao, visamoscombater a lavagem de di-nheiro e a corrupo poli-cial e prendemos os polici-ais que atuavam juntoaos bares do jogo, susten-tando essa atividade ilci-ta, comentou Girotto.

    REGIONAL/PG. 07

    O Carnaval no Sulde Minas traz, alm deopes de micaretas egrandes festas, desfilescom escolas de samba,blocos e marchinhas. Oestilo do Carnaval derua atrai no apenasmoradores, mas tambm

    vrios turistas. Em Po-os de Caldas, So Lou-reno e Caxambu, pelomenos 80% dos leitos jesto ocupados para osdias de folia nas trs ci-dades

    LOCAL/PGINA 03Aciv pede fiscalizao pararealizao de feiras

    itinerantes em VarginhaLOCAL/PGINA 03

    gazetadevarginha@gmail.com

    www.jornalgazetadevarginha.com

    facebook.com/gazetavga

  • CNPJ: 21.535.075/0001-47

    A redao no se responsabiliza

    por conceitos emitidos em artigos

    assinados, mesmo sob

    pseudnimos, que so de inteira

    responsabilidade de seus autores.

    Dirio de CirculaoRegional - Diretora

    Administrativa:Ana Maria Silva Piva -Jornalista Responsvel:

    Lanamara Silva -MTB -8304 JP - Editor:Rodrigo S. Fernandes

    Sindjori - MG 312/99 -Administrao/Reviso:Lanamara Silva - Paulo

    Ribeiro da Silva Fernan-des

    (Jornalista e superinten-dente de redao-

    M.T.TB.16.851) - Horriode funcionamento das

    08:00hs s 18:00hs

    ABRAJORI - AssociaoBrasileira de Jornais do

    InteriorSINDJORI - Sind. Prop. de

    Jornais e Revistas doInterior

    ADJORI - Associao dosJornais do Interior

    ADI - Associao dosJornais do interior de

    Minas Gerais

    ENDEREO:Redao e Departa-mento de Publicidade

    Av. dos Imigrantes, 445

    Telefones

    (35)3221-4668

    (35)3221-4845

    - Santa Maria - CEP37022-560 -

    VARGINHA/MGE-mail: gazetade

    varginha@gmail.comgazetacomercial2@yahoo.

    com.brEndereo eletrnico:

    www.gazetavarginha.com.br

    Palavras de Vida

    01A 06 DE MARO DE 201402 | GAZETA DE VARGINHA

    PONTO DE VISTA

    Israel apresentado a Fara1 - ENTO veio

    Jos e anunciou a Fa-ra, e disse: Meu pai eos meus irmos e assuas ovelhas, e as suasvacas, com tudo o quetm, so vindos da ter-ra de Cana, e eis queesto na terra de G-sen.

    2 - E tomou umaparte de seus irmos, asaber, cinco homens, eos ps diante de Fara.

    3 - Ento disse Fa-ra a seus irmos: Qual o vosso negcio? E elesdisseram a Fara: Teusservos so pastores deovelhas, tanto ns comonossos pais.

    4 - Disseram mais aFara: Viemos para pe-regrinar nesta terra;porque no h pastopara as ovelhas de teusservos, porquanto afome grave na terrade Cana; agora, pois,rogamos-te que teusservos habitem na ter-ra de Gsen.

    5 - Ento falou Fa-ra a Jos, dizendo: Teupai e teus irmos vie-ram a ti;

    6 - A terra do Egitoest diante de ti; no

    melhor da terra fazehabitar teu pai e teusirmos; habitem na ter-ra de Gsen, e se sabesque entre eles h ho-mens valentes, os porspor maiorais do gado, so-bre o que eu tenho.

    7 - E trouxe Jos aJac, seu pai, e o apre-sentou a Fara; e Jacabenoou a Fara.

    8 - E Fara disse aJac: Quantos so osdias dos anos da tuavida?

    9 - E Jac disse a Fa-ra: Os dias dos anosdas minhas peregrina-es so cento e trintaanos, poucos e maus fo-ram os dias dos anos daminha vida, e no che-garam aos dias dos anosda vida de meus paisnos dias das suas pere-grinaes.

    10 - E Jac aben-oou a Fara, e saiu dasua presena.

    11 - E Jos fez habi-tar a seu pai e seus ir-mos e deu-lhes posses-so na terra do Egito, nomelhor da terra, na ter-ra de Ramesss, comoFara ordenara.

    12 - E Jos susten-

    tou de po a seu pai,seus irmos e toda a casade seu pai, segundo assuas famlias.

    13 - E no havia poem toda a terra, porquea fome era muito grave;de modo que a terra doEgito e a terra de Canadesfaleciam por causada fome.

    14 - Ento Jos re-colheu todo o dinheiroque se achou na terra doEgito, e na terra de Ca-na, pelo trigo que com-pravam; e Jos trouxe odinheiro casa de Fara.

    15 - Acabando-se,pois, o dinheiro da terrado Egito, e da terra deCana, vieram todos osegpcios a Jos, dizendo:D-nos po; por quemorreremos em tua pre-sena? porquanto o di-nheiro nos falta.

    16 - E Jos disse: Daio vosso gado, e eu vo-lodarei por vosso gado, sefalta o dinheiro.

    17 - Ento trouxe-ram o seu gado a Jos; eJos deu-lhes po emtroca de cavalos, e dasovelhas, e das vacas edos jumentos; e os sus-tentou de po aquele

    Gnesis 47

    VVVVValter Cruzalter Cruzalter Cruzalter Cruzalter Cruz

    O ex-presidenteLula estava em Cubacom um companheirocampeo do agrone-gcio, o senador Blai-ro Maggi, para dar li-es ao ditador RalCastro sobre a lavou-ra da soja. Enquantoisso, em Braslia, o mi-nistro da SecretariaGeral da Presidncia,Gilberto Carvalho,defendia a dinheira-ma de empresas esta-tais derramada nosfestejos do Movimen-to do Sem Terra(MST). O ministro deDilma afirmou que a

    ano por todo o seu gado.18 - E acabado

    aquele ano, vieram a eleno segundo ano e disse-ram-lhe: No ocultare-mos ao meu senhor queo dinheiro acabou; e meusenhor possui os ani-mais, e nenhuma outracoisa nos ficou diante demeu senhor, seno o nos-so corpo e a nossa terra;

    19 - Por que morre-remos diante dos teusolhos, tanto ns como anossa terra? Compra-nos a ns e a nossa ter-ra por po, e ns e a nos-sa terra seremos servosde Fara; e d-nos se-mente, para que viva-mos, e no morramos, ea terra no se desole.

    20 - Assim Jos com-prou toda a terra do Egi-to para Fara, porque osegpcios venderam cadaum o seu campo, por-quanto a fome prevale-ceu sobre eles; e a terraficou sendo de Fara.

    21 - E, quanto aopovo, f-lo passar s ci-dades, desde uma extre-midade da terra do Egi-to at a outra extremi-dade. 22 - Somente a ter-ra dos sacerdotes no a

    comprou, porquanto ossacerdotes tinham por-o de Fara, e eles co-miam a sua poro queFara lhes tinha dado;por isso no venderam asua terra.

    23 - Ento disse Josao povo: Eis que hoje te-nho comprado a vs e avossa terra para Fara;eis a tendes sementepara vs, para que se-meeis a terra.

    24 - H de ser, po-rm, que das colheitasdareis o quinto a Fara,e as quatro partes serovossas, para semente docampo, e para o vossomantimento, e dos queesto nas vossas casas,e para que comam vos-sos filhos.

    25 - E disseram: Avida nos tens dado; ache-mos graa aos olhos demeu senhor, e seremosservos de Fara.

    26 - Jos, pois, esta-beleceu isto por estatu-to, at ao dia de hoje,sobre a terra do Egito,que Fara tirasse o quin-to; s a terra dos sacer-dotes no ficou sendo deFara.

    27 - Assim habitou

    semeadura de R$ 1,2milho para bancar o6. Congresso Nacio-nal da entidade, de 10a 14 e fevereiro, noteve nada a ver com apasseata organizadadurante o evento naPraa dos Trs Pode-res. A manifestaoterminou em badernae quebra-pau, com atentativa de invasoao Supremo TribunalFederal e um saldo de32 feridos, sendo 30policiais militares.

    As informaesesto nos jornais dehoje (27/02). Ontem, oEstado de S. Paulorevelou que a Petro-

    bras tambm irrigou ocortejo do MST comR$ 650 mil; j se sabiaque Caixa EconmicaFederal e o BNDESdestinaram R$ 550mil ao congresso. To-dos os contratos depatrocnio com a As-sociao Brasil Popu-lar (Abrapo), ligadaaos atos do MST, fo-ram assinados semconcorrncia. O Es-tado tambm infor-mou que o InstitutoNacional de Coloniza-o e Reforma Agrria(Incra) botou 448,1 milreais na montagem daestrutura da feiraagroecolgica realiza-

    Ministro de Dilma defende patrocnio milionrio do governo ao MST

    da no mesmo perodo.Carvalho justifi-

    cou peremptoria-mente a gastana dedinheiro pblico e des-conversou sobre oquebra-quebra emBraslia. Nenhumapalavra pronunciousobre o histrico deaes violentas doMST, como invasesde propriedades pro-dutivas e vandalismopraticado contra em-presas de pesquisaagrcola.

    Valter Cruz - Pu-blicitrio e Editor daRevista Fato Rele-vante

    Israel na terra do Egi-to, na terra de Gsen, enela tomaram posses-so, e frutificaram, emultiplicaram-se mui-to.

    28 - E Jac viveuna terra do Egito dezes-sete anos, de sorte queos dias de Jac, os anosda sua vida, foram cen-to e quarenta e seteanos.

    29 - Chegando-se,pois, o tempo da mortede Israel, chamou aJos, seu filho, e disse-lhe: Se agora tenhoachado graa em teusolhos, rogo-te que po-nhas a tua mo debai-xo da minha coxa, eusa comigo de benefi-cncia e verdade; rogo-te que no me enterresno Egi

    30 - Mas que eujaza com os meus pais;por isso me levars doEgito e me enterrarsna sepultura deles. Eele disse: Farei confor-me a tua palavra.

    31 - Ento, lhe dis-se Jac: Jura-me. E elejurou-lhe; e Israel seinclinou sobre a cabe-ceira da cama.

  • GAZETA DE VARGINHA | 0301 A 06 DE MARO DE 2014LOCAL

    Aciv pede fiscalizao para realizaode feiras itinerantes em Varginha

    Para que esses eventos aconteam, preciso que a empresa se enquadre nem uma lei municipalAs feiras itineran-

    tes tm acontecido htempos e em Varginha,estando regulamenta-das pela Lei Municipaln 4.840 que dispe so-bre o funcionamentodessas feiras no muni-cpio. A lei exige a apre-sentao de diversosdocumentos como: al-var de funcionamen-to, carto de CNPJ, vis-toria do Corpo de Bom-beiros, certido nega-tiva de dbito na recei-ta, croquis do local doevento, licena da vigi-lncia sanitria, entreoutros. A lei prev tam-bm que, obrigatoria-mente, a empresa rea-lizadora do evento dis-ponibilize espao parainstalao de represen-tantes do Procon, Pol-cia Militar, juizado demenores, posto mdico

    e secretaria da fazen-da, alm de reservarpelo menos 50% deseus estandes para ocomerciante local quequeira participar doevento, porm no casodos comerciantes, o es-pao deve ser pago.

    De acordo com odepartamento jurdi-co da Aciv, caso o rea-lizador do eventoapresente toda a docu-mentao exigida pelalei, no existe nenhu-ma providncia outraa ser tomada, pois te-mos hoje em nossopas constitucional-mente garantido o di-reito ao livre comr-cio, que permite a co-mercializao de pro-dutos em todo territ-rio nacional, caso omesmo esteja de acor-do com a lei e seus im-

    postos pagos em dia.

    VarginhaNa ltima semana,

    a Aciv recebeu comuni-cado de representan-tes de uma feira de ma-lhas, informando que oevento ser realizadoem Varginha nos pr-ximos meses. A entida-de informa que estaracompanhando todo oprocesso de liberaodo alvar de funciona-mento e demais docu-

    mentaes, mas ressal-ta que a Aciv uma en-tidade de classe, quedefende o interessedos comerciantes, eno tem poder de proi-bir qualquer tipo deevento. Cabe aos r-gos responsveis ve-rificar e fiscalizar se osprodutos comercializa-dos esto com seus im-postos devidamentepagos. Vale ressaltarque a fiscalizao nodeve acontecer apenas

    quando a feira chega acidade, preciso queos fiscais da receita eprefeitura estejamacompanhando dia adia, os produtos quechegam a todo o mo-mento.

    Em contato com re-presentante da feirafoi informado que sercumprido o que deter-mina a lei, inclusive adisponibilizao de50% dos estandes parao comrcio local, caso

    queiram pagar pelo es-pao. O telefone decontato do respons-vel pela venda (31)9617-4016 ou 9294-4040.

    A lei completa estdisponvel no site daPrefeitura Municipal(www.varginha.mg.gov.br)ou acessando direta-mente pelo link: http://www.varginha.mg.gov.br/legislacao-muni-cipal/leis/71-2008/325-lei-no-4840.

    PM d 10 dicas para voc curtir o carnaval com seguranaO carnaval est che-

    gando e a Polcia Mili-tar est se preparandopara garantir a segu-rana dos folies. O 24BPM ir reforar o poli-ciamento nas cidades deresponsabilidade daUnidade e que iro pro-mover o evento, sendoestas; Eli Mendes, TrsPontas, Santana daVargem, Carmo da Ca-choeira, Boa Esperan-a, Guap e Coqueiral.Contudo, algumas dicas

    so fundamentais paraque o folio curta osquatro dias de festa comsegurana e tranquili-dade. Confira!

    - Se for dirigir, nobeba. Mesmo que sejaum copo. O consumo delcool responsvel por70% dos acidentes detrnsito com vtima;

    - Evite carona comquem tenha consumidoqualquer quantidadede bebida alcolica;

    - O uso de drogas

    provoca grandes trans-tornos sua vida. Porisso pule o carnaval decara limpa e aproveitemuito mais a festa!

    - Se tiver filhos,identifique-os com umcrach, contendo nome,endereo e telefone e fi-que atento para queeles no tenham conta-to com cigarro, lcool eoutras drogas;

    - Evite levar gran-des quantias de dinhei-ro e objetos valiosos

    para a folia e atenopara os celulares!

    - Cuidado o com es-barres e empurresaparentemente aciden-tais, voc pode acabarsendo vtima de furto;

    - No estacione seuveculo em local ermo;

    Para quem vai viajar edeixar a residncia:

    - Traque bem as por-tas e janelas;

    - No deixe luzesacesas;

    - Tenha um bom re-lacionamento com os vi-zinhos e pea a algum

    para ficar atento suacasa e recolher a corres-pondncia;

  • Professores americanos ministraro palestrano Centro Universitrio do Sul de Minas

    04 | GAZETA DE VARGINHA 01 A 06 DE MARO DE 2014LOCAL

    O Departamentode Relaes Interna-cionais (RI) do GrupoEducacional Unis pro-mover a palestra L-deres Fortes do Pre-sente e do Futuro nodia 24 de maro. Oevento resultado deuma parceria com aUniversityof CentralArkansas dos Esta-dos Unidos e ser mi-nistrado em Ingls eEspanhol. As vagasso limitadas e as ins-cries podem ser fei-tas gratuitamentepela internet at o dia21 de maro.

    A diretora de RI doGrupo Unis, CarolGarcia Telles Brito,explica que a palestraser aberta para toda

    a comunidade. Que-remos despertar naspessoas a importnciade se aprender umidioma, principal-mente no concorridomercado de trabalhoatual, afirma. Carolressalta ainda quepara os universitriosser uma boa oportu-nidade de ampliar ho-rizontes acadmicos.Vamos estender oconvite tambm paraos estudantes do En-sino Mdio, para queeles j se familiarizemcom esta realidade,completa.

    O prof. Dr. StevenWilliam Runge, vice-presidente acadmicona Universityof Cen-tral Arkansas, minis-

    trar a palestra emIngls. E a Profa. Dra.Jane Ann Williams, di-retora de Relaes In-ternacionais na Uni-versit yof CentralArkansas, conduziro tema em Espanhol.

    Durante a pales-tra, ser abordadotambm o programaamericano 100.000Strong in the Ameri-cas (100.000 Unidosna Amrica), projetolanado pelo governodo presidente BarackObama com o objetivode expandir as opor-tunidades de estudono exterior. O progra-ma facilitar a mobili-dade acadmica paraos Estados Unidos.

    As inscries po-

    dero ser feitas pelosite:internacional.unis.edu. br. As pales-tras acontecero apartir de 19h...