drj crystal lake - proj 37bh

Download DRJ Crystal Lake - PROJ 37BH

Post on 06-Jul-2015

721 views

Category:

Business

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Juan Cáceres, Ricardo Souza, Rodrigo Nogueira, Danila Ferreira, Dayse Araujo, Luciano Moura, Leandro Rezende, Carlos Pacheco, Pedro Rabelo

TRANSCRIPT

  • 1.

2. Empresa Gerenciadora de Projetos que atuara como cliente e contratara empreiteirasutilizando o modo de concorrncia privada para terceirizar a maioria dos pacotes de trabalhodo projeto CRYSTAL LAKE. O CRYSTAL LAKE um projeto de limpeza e descontaminao da Lagoa da Pampulha e tem uma durao de 4 anos com data de inicio 01-02-2012 at 20-12-2015. 3. RICARDO BRUNO G. de Aquisies LUCIANO MOURA G. de Aquisies LEANDRO REZENDE G. TI DAYSE ARAUJO Diretora de RH RODRIGO NOGUEIRA Diretor de TI CARLOS PACHECO G de Controle JUAN VICTOR CACERES Diretorde Aquisies PEDRO RABELO Motoboy DANILA FERREIRA G. de RH DIRETORIA - DRJ 4. OBJETIVO: Identificar os requisitos do cliente principal neste caso a prefeitura de Belo Horizonte para desarrolhar o projeto de limpeza e descontaminao da Lagoa da Pampulha. Desenvolver o Escopo, EAP e Mapa de Aquisies do projeto para entender a forma de gerenciar o projeto. Identificar e classificar os possveis fornecedores ou empreiteiras que executaram o projeto. Desenvolver os procedimentos aprendidos em aula para contratar, controlar e encerrar o processo escolhido no Mapa de aquisies, neste caso ser o processo de LOGISTICA. 5. WBS 6. MAPA DAS AQUISIESEmpresa DRJ Projeto CRYSTAL LAKE Inicio 01/02/2012 NUMERO ITEM A SER CONTRATADO REF. EAP VENDOR LIST ORAMENTO PRAZO MAKE OR BUY CRITERIO 1 Levantamento topogrfico 1.2.1 Topogiglo TopomasToposimple 40.000,00 01/03/2012 B No temos especialistas, custos mais em conta por que no precisaremos comprar equipamentos 2 Levantamento Fluviomtrico 1.2.2 FluviformFluviral 30.000,00 01/05/2012 B No temos especialistas, custos mais em conta por que no precisaremos comprar equipamentos 3 Estudo da Fauna 1.2.3.1 Fauna landia 10.000,00 01/03/2012 B No temos especialistas e conhecimento de espcie e capacidade tcnica para o levantamento de campo 4 Estuda da Flora 1.2.3.2 Florinda 10.000,00 01/03/2012 B No temos especialistas e conhecimento de espcie e capacidade tcnica para o levantamento de campo 5 Licenas Ambientais 1.2.3.3 Licemb 60.000,00 01/05/2012 B No temos especialistas em logstica e jurdico 6 Estudo Demogrfico 1.2.4 Demolair 20.000,00 01/03/2012 B No temos especialistas, custo mais acessivel 7 Anlise de Efluentes 1.2.5 Anaefe Roleibasta 40.000,00 01/05/2012 B No temos especialistas, custo mais acessvel 7. Empresa DRJ Projeto CRYSTAL LAKE Inicio 01/02/2012 NUMERO ITEM A SER CONTRATADO REF. EAP VENDOR LIST ORAMENTO PRAZO MAKE OR BUY CRITERIO 1 Logstica 1.3.1 Log.6005 TRANSLOG LOG EXPRESS 150.000,00 26/02/2012 B No temos Know-How, custo mais vivel, no possumos equipamentos e mo de obra especializada 2 Memria de calculo 1.3.2 GAAL 47.500,00 01/03/2012 B No temos calculistas e no possumos softwares do calculo 3 Memria Descritiva 1.3.3 Black opsDinamo 42.225,32 13/03/2012 B No temos calculistas e no possumos softwares do calculo 4 Especificaes Tcnicas 1.3.4 ANT 45.000,00 20/03/2012 B No temos corpo tcnico especializado 5 Obras Civil 1.3.5 RobrasaAgriminas 1.500.342,00 05/06/2012 B No temos mo de obra Civil 6 Drenagem 1.3.5.1 Robrasa750.342,00 24/04/2012 B No temos especialistas e no temos equipamentos 7 Dragagem 1.3.5.2 Robrasa 750.000,00 05/06/2012 B No temos especialistas e no temos equipamentos 8. Empresa DRJ Projeto CRYSTAL LAKE Inicio 01/02/2012 NUMERO ITEM A SER CONTRATADO REF. EAP VENDOR LIST ORAMENTO PRAZO MAKE OR BUY CRITERIO 1 Infra estrutura 1.4.1 ConcretixInfest 5.000.000,00 10/09/2013 B No possumos esta disciplina na empresa, a contratao de um especialista mais vivel 2 Implantao 1.4.2 ImplanDoit 1.000.000,00 01/02/2014 B No temos equipe - mo de obra, fica invivel a contratao uma vez que necessrio investir em treinamento e ao final do projeto fica invivel mant-los 3 Instalao 1.4.3 InstalInjet 3.000.000,00 10/10/2014 B invivel para empresa a alocao e administrao de mo de obra uma vez que foge do foco da empresa 4 Testes 1.4.4 HidrotestCalibratecMedtest 300.000,00 01/02/2015 B No temos Know-how para realizao de testes 5 Validao 1.4.5 ResultsValidetest 100.000,00 01/03/2015 B necessrio um especialista para homologar , isto no o foco da empresa 6 Inicio de Operao 1.4.6 Start opSTK operation 2.500.000,00 01/06/2013 B Compete a quem executou o trabalho a garantia do funcionamento 9. WBS Aprovao da WBS - Gerencia de AquisiesEmpresa DRJ Aprovado por: Juan Victor Torres ok ProjetoCRYSTAL LAKE Luciano Mora ok Ricardo Bruno ok 10. REGISTRO DE RISCOSNumero Evento de Risco Resposta ao Risco Momento da Resposta ao Risco 1.2.3.3 No obter a concesso e licenas ambientais em tempo hbil Contratar uma empresa especializada em obteno Seleo 1.3.1 Mal funcionamento de algum dos equipamentos locao com garantia Contratao 11. CRITRIOS ELIMINATRIOS E CLASSIFICATRIOS :PROCESSO LOGISTICA - Eliminatrio: -Experincia mnima de 10 anos no mercado comprovada; -A empresa tem que ter know-how; -Recomendao: referencia de obras de grande porte bem sucedidos; -Situar-se no local ou ter representatividade na regio; -Regularizao jurdica e fiscal; -Avaliao de retorno de atendimento de garantia; -Possuir certificao ISSO9000; -No ter registro de reclamaes anteriores. -Classificatrio: -Disponibilidade de profissionais em tempo integral (opcionais); -Antecipao do prazo de entrega do tempo previsto (prazo); -Preos inferiores ao budget do Projeto (custo); -Possuir PMO dentro da equipe gerencial (qualificao); -Melhores condies de pagamento (custo); -Estar classificada entre os 5 melhores no quesito qualidade do segmento (qualificao); -Pacotes de entregveis. 12. VANTAGENS E DESVANTAGENS DA DIVULGAO DOS CRITRIOS DE CLASSIFICAO Para a DRJ vantagem a divulgao uma vez que permite que o fornecedor possa se adequar s solicitaes, garantindo desta forma um processo mais objetivo atravs do filtro que se aplica aos mesmos. Os proponentes que no se enquadram nos requisitos necessrios automaticamente se excluem do processo de seleo e eleva-se a qualidade dos candidatos. A deciso de abertura ou no deve ser definida de maneira especfica para cada aquisio. Acrescenta-se ainda a importncia a verificao e confernciain locoda estruturao da empresa a ser contratada. 13. DECLARAO DE TRABALHO :PROCESSO LOGISTICA Declarao do Trabalho LOGISTICA Especificaes Tcnicas Localizao do canteiro da Obra na lagoa da Pampulha.Definio do modal(rodovirio e Fluvial),rea de Deslocamento de equipamentos,Capacidade de Carga. Qualidade Requerida Equipamentos que atenda as normasvigentes OSHA Quantidades 8 equipamentos por rea de deslocamento , a quantidade de equipamentos vai depender da demanda do projeto Prazos Segundo o inicio do projeto 01-02-2012 os equipamentos tem que estar na obra no 26-02-2012 Suporte Tcnico Cada equipamento segundo o grau de complexidade ter um operrio ou tcnico para cobrir a garantia do equipamento. Por cada hora perdida na concertao do equipamento ser cobrada. Servio de manuteno Preventivo e corretivoGarantia 3 ANOS Local de entrega Os equipamento sero entregados na Lagoa da Pampulha em cada rea de deslocamento - canteiro de obra. 14. CRITERIOS DE AVALIAO DO CONVIDADO FORNECEDOR :PROCESSO LOGISTICA Critrios no sero explicitados na DT, para evitar quefornecedoresmanipulem as informaes visandoganhar o processo de cotao. 15. SISTEMA DE PONTUAO CRITERIOS LOGI6005 TRANSLOG LOG EXPRESS PESO NOTA MEDIA NOTA MEDIA NOTA MEDIA Prazos de entrega 25% 6 1,5 8 2 10 2,5 Experincia do Fornecedor 25% 5 1,25 7 1,75 9 2,25 Mix de Modais Transporte areo e ferrovirio 10% 8 0,8 7 0,7 9 0,9 Portflio 10% 5 0,5 4 0,4 9 0,9 Certificaes de Qualidade 15% 7 1,05 6 0,9 8 1,2 Preo 15% 8 1,2 10 1,5 5 0,75 TOTAL 1 6,3 7,25 8,5 16. O documento de aquisioadotado para o processo de LOGISTICA ser FRP por que vamos entregar um Declarao de Trabalhopara os fornecedores e aguardar o retorno em Declarao de Escopo dos fornecedores e avaliar se vo cumprir nossas expectativas.O meio adotado para o convite ser pela correspondncia direta a fornecedores. CONTRATO FORMAL: PROCESSO LOGSTICAO contrato para o fornecedor de Logstica ser formal, por que a DRJ contratara a seus empreiteiros ou Fornecedores por mdio de condies preestabelecidasem um documento com clusulas. 17. CLASSIFICAO (ESPCIE) ADOTADA PARA O CONTRATO Segundo o projeto a espcie adotada para o contrato do processo LOGSTICA a PRESTAO DE SERVIO,por que desta forma profissional estabelece a adaptao entres os diferentes e independentes sistemas de uma empresae tambm por possuir meios fsicos e tcnicosinternamente para a conduo do projeto da Empresa DJR. 18. TIPO DE CONTRATO ESCOLHIDO E JUSTIFICATIVA DA ESCOLHA: PROCESSO DE LOGSTICA Empresa DRJ Projeto CRYSTAL LAKE Inicio 01/02/2012 NUMERO ITEM A SER CONTRATADO REF. EAP VENDOR LIST Documento de Aquisio Tipo de contrato 1 Logstica 1.3.1 Log.6005TRANSLOG LOG EXPRESS RFP T&M Paga-se apenas pela hora de atividade dos equipamentos 2 Memria de calculo 1.3.2 GAAL RFP PF Precisasse da declarao de escopo bem definida 3 Memria Descritiva 1.3.3 Black opsDinamo RFP PF Precisasse da declarao de escopo bem definida 4 Especificaoes Tecnicas 1.3.4 ANT RFP PF Precisasse da declarao de escopo bem definida 5 Obras Civil 1.3.5 RobrasaAgriminas RFP PF Grau maior de dedicao dos professionais 6 Drenagem 1.3.5.1 RobrasaRFP PF Dedicao integral com resposta mais gil 7 Dragagem 1.3.5.2 Robrasa RFP PF Dedicao integral com resposta mais gil 19. CONCORRNCIA PRIVADA:FLUXOGRAMA 20.

    • Atitudes e Fiscalizao que sero adotadas para administrar a aquisio e como sero os relatrios para administrar a aquisio
  • Atitude: Atendimento integral ao contrato por parte da contratante e contratada.
  • Fiscalizao:
  • Autorizao do trabalho antes do inicio do processo de transporte RDO
  • Auditoria ao cumprimento de normas legislativas de transporte BM
  • Medio atravs de controle de hormetro( horasTrabalhadas maquina ) BM
  • Monitoramentode carga va satlite RDO
  • Avaliaode performa